O que você acha de liberar um pouco o estresse com o Blender? Pode ser uma ótima opção! Vez ou outra aparecem reportagens na mídia, mostrando estabelecimentos que oferecem aos clientes e oportunidade de quebrar objetos, para liberar a raiva. Que tal fazer isso de maneira eletrônica e totalmente segura com o Blender? Com a Game Engine integrada do Blender, podemos fazer várias simulações físicas interativas, simulando um ambiente de jogo.

Hoje preparei um tutorial que mostra como usar novamente as ferramentas, que aprendemos no tutorial sobre rigid bodies com Blender. Mas com um pouco mais de interatividade. Os mesmos rigid bodies agora interagem com objetos controlados por comandos do teclado, se você sempre quis ser game designer, essa pode ser a oportunidade!

Deixando um pouco a brincadeira de lado, vamos ao que interessa. Dessa vez preparai o tutorial no formato de vídeo, assim como venho fazendo com outras ferramentas:

Tutorial Blender – Game Engine

Interessante não é? Esse é o preceito básico da interação na Game Engine do Blender. Caso você queira seguir a minha sugestão no vídeo e fazer um pequeno jogo de boliche, tente economizar nos detalhes do modelo. Dependendo das configurações do seu computador, modelos detalhados nesse tipo de interação, exigem muito do hardware.

Outra alteração interessante que você pode fazer; adicionar forças a transformações para as outras setas direcionais do teclado. Por exemplo, ao pressionar a seta direcional da esquerda, a esfera se desloca para a esquerda.

Quem sabe então, adicionar um obstáculo entre a esfera e os objetos. Para depois atribuir a alguma outra tecla uma leve força positiva, no eixo z. Isso fará a esfera pular, assim que a tecla for pressionada.

São inúmeras as possibilidades aqui, tudo vai depender da sua criatividade. Mas antes de adicionar novos elementos, lembre que para cada novo sensor, será necessário adicionar um novo controlador e o seu respectivo comportamento. Ligue os pontos, da mesma forma que foi mostrado no tutorial.

Pronto! Agora é só praticar a demolição e aliviar o estresse com o Blender! Antes de finalizar o tutorial, só para esclarecer as pessoas que não conhecem o Blender, essa é uma suíte 3D gratuita. Então, se você quiser tentar reproduzir os resultados do tutorial, vá em frente e faça o download do Blender sem medo algum. Ele é software livre!

Fiz esse pequeno comentário, porque sempre estou publicando tutoriais e textos sobre o Blender, considerando que as pessoas já o conhecem. O que pode não ser o caso, para os leitores que estão chegando aqui recentemente.