Clicky

Lista de recursos que podem ser desenvolvidos no projeto Apricot

Com o projeto Peach chegando próximo do seu encerramento, na conclusão da animação, a comunidade de usuários do Blender começa a voltar às atenções para o projeto Apricot. Se você é usuário do Blender esteve acompanhando o desenvolvimento do projeto Peach, os recursos e funcionalidades desenvolvidas para o projeto devem ter chamado a sua atenção de alguma maneira. Pois bem, o mesmo deve acontecer com o projeto Apricot. Mesmo que o desenvolvimento de jogos seja uma coisa distante para a maioria dos artistas 3D, os recursos que estão sendo planejados para o Blender, devem proporcionar mais um salto de qualidade!

Projeto Apricot

Antes de falar sobre os recursos, façamos uma comparação entre o escopo do projeto Peach e do Apricot. Como o primeiro tem como objetivo produzir uma animação, então à maioria das novas funcionalidades é voltada para a execução dessa tarefa. Não tivemos nenhuma ferramenta ou avanço significativo em áreas como a modelagem.

Já com o projeto Apricot é diferente, nele o Blender deve servir como plataforma de modelagem e animação para que a parte lógica do jogo seja desenvolvida com a Engine Crystal Space. Isso significa que teremos sim, muito provavelmente novas ferramentas para a modelagem poligonal e melhorias na implementação de texturas. Pode esperar novas ferramentas para texturas também, com forte embasamento em mapeamento UV.

Se você quiser conferir uma enorme lista com os recursos que podem ser desenvolvidos para o projeto, visite esse endereço no Blog do projeto Apricot.

A lista tem itens que podem ser desenvolvidos para o Crystal Space e para o Blender. Uma análise rápida nos itens mostra que grande parte do foco será na modelagem e texturas para o Blender. Claro, teremos itens para animação também. Essa não é uma lista oficial, consiste apenas em pedidos de recursos tirados dos participantes do projeto e de usuários do Blender em fóruns. Muitos desses recursos podem sequer aparecer na lista de itens em desenvolvimento.

Mas já nos passa uma boa idéia do que esperar do projeto.

Se você quiser ajudar o projeto Apricot, não deixe de reservar o DVD. Assim os recursos financeiros necessários para implementar vários dos itens dessa lista, podem ser angariados.

2017-04-11T11:03:08+00:00 By |Blender Game Engine|2 Comentários

Sobre o Autor:

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

2 Comentários

  1. Yorik 27/02/2008 em 2:59 pm

    Os caras são ambiciosos, hein?
    Se a metade das coisas dessa lista ficam efetivamente implementadas, já será um avanço como nunca se viu…

    Mas acho que eles tem razão… o alvo do Apricot não é de produzir um jogo perfeito, completo e de nível comercial, mas sim de melhorar ferramentas e técnicas open source para criar jogos… E pelo jeito, eles estão se empenhando nisso!

    O que gostei também é que o game engine do blender não ficou totalmente descartado, mas eles tentam ver como integrar ele num esquema maior…

  2. Maxwell barbosa Medeiros 28/02/2008 em 8:20 am

    Alan, sabe me dizer alguma coisa sobre o Qdune(renderizador baseado em renderman) ? Queria saber se ele virá no blender 2.46 ou no 2.50 .

Deixar Um Comentário