Entrevista sobre uso do 3ds Max e MaxScript para animação com Andy Murdock

Quem é Andy Murdock? Você pode até não conhecer o Andy Murdock, mas eu sou fã dele! Permitam-me explicar um pouco do trabalho dele em animação. Você já ouviu falar sobre um projeto de animação chamado Lots of Robots? Esse é um projeto de animação que acabou resultando em um curta metragem, que foi lançado de maneira gratuita no seu web site. O mair impressionante sobre a animação é que tudo foi feito pelo Andy, quando digo tudo eu realmente digo tudo, desde o roteiro até o render final!

Bem, assista ao volume I da animação:

Agora a parte II:

Apesar do aspecto de ficção da história, o que impressiona mesmo é que o artista tenha realizado tudo sozinho. Como ele conseguiu?

Ainda lembro que encontrei as primeiras informações sobre o Lots of Robots em 2004, e desde então tenho acompanhado o desenvolvimento do projeto. Ainda pretendo comprar o DVD que o artista vende no seu web site, repleto de tutoriais sobre o processo de criação da animação, de maneira muito parecida com o Big Buck Bunny.

O que me chama a atenção no DVD é que o autor ensina várias técnicas para automatizar animações com o uso de MaxScript, que segundo ele é usado para solucionar vários problemas na animação.

Agora que já expliquei quem é o Andy Murdock, posso passar para o foco desse artigo que é uma entrevista publicada no Area, o web site da Autodesk em que eles divulgam trabalhos e artistas que utilizam seus produtos, nesse caso o 3ds Max, para realizar trabalhos profissionais.

O que me chama a atenção na entrevista é o depoimento do Andy, em relação às dificuldades e desafios na realização de um projeto solo como esse. A compatibilização do tempo e a aplicação de scripts para ajudar na animação.

Visite esse link para a entrevista original em inglês, e caso você tenha dificuldades no inglês, aqui está uma versão com tradução automática do Google.

Fora os aspectos técnicos, a infra-estrutura que ele mantém em casa para renderizar a animação é impressionante, no que diz respeito ao consumo de energia. Como assim? Ele mora na Califórnia, um dos locais com o custo de energia elétrica mais cara nos EUA. Ele mantém 10 computadores em uma pequena Render Farm, que custam 600 dólares por mês para manter!

Não é a toa que os estúdios estão migrando para regiões fora dos EUA!

Que conclusões podemos tirar dessa entrevista e do trabalho em geral realizado com o Lots of Robots? A conclusão é que um artista envolvido em projetos de animação pode fazer uso de scripts para realizar o trabalho de muitas pessoas ao mesmo tempo. Por isso, recomendo que você considere estudar uma linguagem de script para começar a personalizar as suas ferramentas de animação!

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *