Como integrar o Cinema 4D com o Adobe After Effects para criar gráficos 2.5D?

Uma das várias áreas em que um artista 3d pode trabalhar é o chamado broadcast design, que para alguns é chamado de motion design. Esses são aqueles gráficos que vemos em transmissões de TV, que misturam de maneira muito explicita elementos de animação 3d com o material 2d. O Adobe After Effects é uma ferramenta 2.5D usada para criar esse tipo de gráfico, pois ele permite criar e editar gráficos e animações com coordenadas no eixo Z, mas não permite trabalhar com modelagem 3D.

Quem precisar usar material criado totalmente em 3D, para mesclar e trabalhar com softwares de composição como o After Effects, precisa conhecer alguns pequenos truques para realizar a integração sem maiores problemas. Lembro que nas minhas aulas sobre After Effects, sempre tentava fazer a integração com material criado com o Blender 3D e 3ds Max, mas isso já faz um bom tempo.

Nessas mesmas aulas, eu passava vários links e materiais de apoio para os alunos, alguns deles já nem estão mais online. Mas, um desses tutoriais que mostra a integração entre o Cinema 4D da Maxon e o Adobe After Effects, para trabalhar com Broadcast design ainda está online. O tutorial é de 2006, mas com ele é possível compreender o processo completo de integração.

DixonBaxi Sci Fi Cinema 4D

Nesse caso, o tutorial ensina a usar um fantástico plugin para o Cinema 4D, que prepara a cena 3d para ser trabalhada diretamente no After Effects. O que acontece é o seguinte, se não for usada nenhum plugin ou artifício para exportar o material, será necessário renderizar um arquivo de vídeo para cada objeto ou elemento do Cinema 4D. Assim será possível simular as camadas dos objetos no After Effects.

O plugin do Cinema 4D, já faz tudo isso usando um artifício chamado de Object Buffer. Com as configurações recomendadas no tutorial, o Cinema 4D exporta os vídeos de uma vez só, criando inclusive um arquivo de composição do After Effects, pronto para ser trabalhado.

Se você trabalha com Cinema 4D, o plugin acompanha o software, não sendo necessário fazer nenhum download extra.

O resultado do tutorial pode ser assistido nos links disponíveis na parte superior do artigo.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Um comentário sobre “Como integrar o Cinema 4D com o Adobe After Effects para criar gráficos 2.5D?”

  1. eu gostaria ter aulas do max 3D eu tenho os programas mas não sei como iniciar
    gostaria de receber aulas ou um cd explicativo sobre o assunto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *