Tutorial de modelagem 3D com Blender: Modelando um inseto

Sempre é interessante conhecer diferentes métodos de modelagem 3d, principalmente quando os modelos abordados são diferentes. Na internet é até fácil de encontrar tutoriais de modelagem, que abordam basicamente modelos 3d humanóides. Mas, quando você precisa trabalhar com personagens diferentes, como insetos e monstros em geral a quantidade de bons tutoriais caí drasticamente. Por isso, o tutorial que estou indicando nesse artigo é tão importante para o processo de estudo e aprendizagem da modelagem 3d. Um artista gravou toda a modelagem de um personagem a um inseto, e disponibilizou o vídeo para qualquer pessoa acompanhar.

Todo o processo levou ao todo dois dias, e foi modelado inteiramente no Blender 3D.


Blender Modeling Exercise: “Wasp” from Sebastian König on Vimeo.

Demora tudo isso para modelar um objeto como esse? Na verdade, ainda acho que o artista deve ter realizado essa modelagem em outra ocasião, e o que o fez demorar apenas dois dias foi o ensaio para a gravação do tutorial. Sempre que abordamos uma topologia desconhecida para a modelagem, mesmo com imagens de referência, como é o caso do tutorial, o artista precisa ao longo do processo tomar decisões importantes sobre o posicionamento de arestas.

Por exemplo, sempre que passo um exercício de modelagem para meus alunos, a maior parte do tempo que eles levam no exercício é na escolha dos melhores pontos e posições para as arestas. Por isso é que digo, que o conhecimento da topologia de um modelo 3d, é fundamental para acelerar o processo de modelagem.

A técnica de modelagem usada pelo artista para a maioria do modelo 3d é a subdivisão. Podemos conferir todo o processo, assim como é recomendado pela maioria dos artistas mais experientes. Primeiro ele seleciona uma imagem de referência, que é usada como base para a deformação de primitivas geométricas simples. Essa é a base da subdivisão, e a partir desse ponto inicial o trabalho se resume apenas em ajustar os vértices e arestas a imagem.

Descrevendo assim, pode parecer até simples, mas o processo todo exige paciência e dedicação do artista, caso contrário o resultado não será nada bom.

Fica a dica para quem quiser colocar em prática os principais conceitos e técnicas de modelagem por subdivisão, e como as ferramentas usadas existem em todos os softwares 3d, qualquer pessoa pode usar o tutorial para estudar.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

3 comentários sobre “Tutorial de modelagem 3D com Blender: Modelando um inseto”

  1. Ao procurar sobre o blender no vimeo encontrei estes vídeos do sebastian konig. São espetaculares e um que ele tem de modelagem de uma planta também é excelente… Abraços

  2. Muito bom o vídeo acima, mas gostaria de fazer uma pergunta: Como se faz para se “desenhar” um rascunho no blender, como acontece no momento em que o vídeo acima apresenta a modelagem das pernas do inseto?
    Estou tentando aprender o Blender há algum tempo, mas esse truque não aprendi ainda.
    Poderia me ajudar?

    Muito obrigado

  3. Eu tambem estou com a mesma duvida tentei olhando pelo video mas naum consegui como q se faz?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *