Clicky

Novos guias e documentação do YafaRay para renderização com Blender 3D

Nos últimos dias o web site do YafRay foi totalmente atualizado e reformulado, adotando de vez o nome YafaRay como sendo o oficial. Agora todas as referencias ao software de renderização devem ser feitas usando esse nome, para fins de compatibilidade e representar os avanços obtidos com as últimas versões. Junto com o web site, o YafaRay ganhou algumas atualizações na sua documentação que é totalmente mantida e atualizada apenas por usuários e artistas envolvidos na manutenção do web site. Alguns pontos e textos da documentação ainda estão incompletos ou totalmente em branco, mas já é um ótimo recomeço para um software que já foi dado com morto por algumas pessoas.

O YafaRay é sem sombra de dúvida um dos renderizadores que trabalha melhor junto ao Blender 3d, sendo um dos únicos que ganhou até mesmo opção de acesso direto da interface do Blender, sem a necessidade de usar plugins externos. Mas, com os avanços e mudanças no YafaRay isso é bem diferente hoje, sendo necessário sim usar plugins e scripts para fazer a integração.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o YafaRay, voltemos a falar sobre o guia atualizado. Esses são os tópicos abordados no guia:

  • O que é o YafaRay?
  • Configurações e interface do YafaRay
  • Janela de renderização
  • Objetos, luzes e cameras
  • Texturas
  • Materiais
  • Opções de renderização
  • Configurando o plano de fundo
  • Criando luzes volumétricas

Os temas abordados no guia podem não estar completos hoje, como é o caso do link de opções de renderização, mas no futuro pode ser que algum usuário atualize o texto do site.

blender3d-yafaray.jpg

Para as pessoas que pretendem começar a usar o Blender 3d para criar imagens ou trabalhos que envolvam realismo, o YafaRay é uma das melhores opções junto com o Indigo. Pelo menos até os recentes projetos com o render interno do Blender 3d se tornarem realidade, como é o caso da iniciativa de integrar o LuxRender ao Blender.

Mesmo que isso aconteça é preciso ir com calma e lembrar do legado do YafaRay, principalmente se você usa o software para trabalhar. Eu mesmo tenho vários projetos guardados que usaram o antigo YafRay para renderizar suas imagens, e não tenho pretensões de fazer alterações nos mesmos. Assim que um cliente solicitar uma imagem extra, tenho todos os arquivos do antigo YafRay copiados em local seguro, basta fazer o ajuste no modelo 3d ou mover a câmera para gerar uma nova imagem.

Muita gente corre imediatamente para as versões mais atualizadas dos softwares, mas é necessário considerar os aspectos relacionados às atualizações e principalmente os riscos de incompatibilidade que a mudança pode gerar. Por isso, sempre digo aos meus alunos nas minhas aulas que as facilidades nas atualizações de softwares como o Blender, que são gratuitos podem trazer alguns pequenos problemas. Sempre é bom testar as versões com arquivos de segurança dos seus projetos mais importantes.

Enquanto essas atualizações não chegam, você pode aproveitar o YafaRay e seu guia atualizado para elaborar imagens mais sofisticadas e realistas usando o Blender 3D.

2017-04-11T10:32:10+00:00 By |Blender 3D, YafRay|4 Comentários

Sobre o Autor:

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

4 Comentários

  1. Leonardo sant´ana de souza 18/03/2009 em 12:19 pm

    por falar em render!! Allan , voce ficou de compilar um tuto explicando como usar aqueles materiais disponiveis no site do INDIGO , arquivos .pigm , tem muito material bom , mas nao se sabe como utilizar!! Divulga pelo menos um tutorial simples!! Aguardo!!

  2. João Ricardo 19/03/2009 em 12:37 pm

    A propósito. Além do Blender, com quais outros softwares ele trabalha?

  3. Allan Brito 19/03/2009 em 1:00 pm

    Qualquer software 3d que exporte modelos 3d em XML.

  4. João Ricardo 20/03/2009 em 8:39 am

    … E estes seriam?

Deixar Um Comentário