Clicky

Mais exemplos e demonstrações do V-Ray RT no 3ds Max 2010

Com o lançamento da versão comercial do V-Ray RT, que é o módulo do V-Ray especializado em realizar renderizações em tempo real usando para isso o poder da GPU, é cada vez maior o número de demonstrações e vídeos que demonstram o poder desse software para acelerar a produção de projetos em 3d. No último final de semana consegui localizar dois vídeos excelentes que mostram o renderizador acelerando a visualização de duas cenas no 3ds Max 2010, sendo uma das cenas com tema mais generalista a outra uma imagem voltada para visualização arquitetônica.

O funcionamento do V-Ray RT é um pouco diferente do FryRender RT que comentei aqui no blog também nas últimas semanas, pois ele funciona de maneira integrada ao 3ds Max 2010 e não é um software a parte como o FryRender RT. No primeiro vídeo de demonstração que está logo abaixo, é possível acompanhar a manipulação de uma cena bem simples, com modelos 3d sem grandes deformações ou detalhes. Uma das coisas que me chamou a atenção em relação ao V-Ray RT é que ele fica constantemente atualizando a cena de acordo com as alterações nos modelos 3d.

Assim que luzes ou objetos são alterados o renderizador atualiza a Viewport para exibir as atualizações dos objetos. No vídeo o autor adiciona V-Ray Lights na cena para iluminar a cena e em tempo real o material é atualizado. O que realmente impressiona em termos de performance é a visualização dos materiais aplicados aos modelos 3d. Por exemplo, quando o autor aplica um material espelhado no objeto para simular um metal cromado no modelo 3d, a renderização é exibida usando o mesmo tipo de material.

Esse tipo de recurso ajuda muito na visualização e planejamento de uma cena e evita os famigerados renders de teste. Antigamente as alterações realizadas em cenas 3d só podiam ser avaliadas com o uso de renders de teste, que podiam demorar vários minutos.

O segundo vídeo demonstra a mesma aplicação em uma cena voltada para renderização arquitetônica, com a imagem de uma cozinha. Os recursos usados são basicamente os mesmos, com a demonstração da atualização e manipulação de materiais e bibliotecas externas de materiais no V-Ray.

Só me pergunto até que ponto a CPU tem influência na performance, e se apenas a GPU ajuda nesse ponto. Uma coisa podemos concluir, o computador precisa ser muito bom para conseguir performances melhores.

Sobre o Autor:

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

2 Comentários

  1. Régen Radai 03/07/2009 em 7:52 pm

    Como fazo V-Ray para 3d max 2010?

  2. carlos leite 05/10/2009 em 11:10 pm

    boa noite, por favor como faço para adiquirir o vray pro max 2010, desculpa nao sei o que significa URI.

    muito obrigado

Deixar Um Comentário