Renderizando em arame no Mental Ray e 3ds Max

A criação de um bom portfólio é fundamental para qualquer artistas 3d que precise demonstrar o seu trabalho para estúdios ou para conseguir um possível emprego em empresas especializadas. O portfólio deve apresentar apenas os melhores trabalhos do artista de maneira clara e que demonstre as suas qualidades técnicas como possível integrante da equipe do estúdio. Por exemplo, na modelagem 3d para personagens um dos fatores que determinam se o artista é habilidoso ou não no software 3d e também na modelagem em si, é a organização da topologia do modelo 3d.

Para mostrar esse tipo de organização em portfólios, é possível renderizar duas versões dos modelos 3d que são apresentados no material. Um desses modelos é mostrado com todas as características e detalhes atribuídos ao objeto como texturas e materiais. Outra versão dos modelos 3d apresentados devem ser renderizados com a malha 3d do modelo bem visíveis. Isso deixa aparente as deformações do modelo 3d em animações e mostra para qualquer pessoa as suas habilidades ou deficiências em termos de organização da topologia.

Sempre que recebo algum tipo de portfólio para analisar, solicito ao artista esse tipo de informação da topologia dos modelos 3d para avaliar melhor o trabalho.

Se você for usuário do 3ds Max, o vídeo abaixo mostra de maneira bem rápida o que é necessário para conseguir criar um material que deixe aparente a malha do modelo 3d. O tutorial usa os materiais do Mental Ray para conseguir exibir nos modelos 3d a estrutura em arame.

O truque é relativamente simples e consiste na criação de um material do tipo Compound que pode misturar diversos materiais em apenas um slot, e fazer com que um desses materiais tenha a opção Wire habilitada no painel de controle dos materiais. E basicamente é isso que precisamos fazer para conseguir esse tipo de material. Assim que acionamos a renderização da cena com os materiais aplicados nos modelos 3d, o mesmo é representado com um material com cor sólida que está presente na lista do material Compound e o material em arame.

Repare que fica muito mais fácil de perceber a topologia dos modelos 3d com o uso desse tipo de recurso. O uso desse material é muito indicado para quem está se preparando para elaborar o seu próprio portfólio.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Um comentário sobre “Renderizando em arame no Mental Ray e 3ds Max”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *