Tutorial Cinema 4D: Usando texturas com Displacement para criar detalhes em modelos 3d

Quando o assunto é adicionar detalhes em modelos 3d com base na criação de pequenas deformações nas superfícies do objeto, a melhor solução é recorrer para texturas que alteram as superfícies dos modelos 3d. Nesse quesito é possível usar duas técnicas principais que são os chamados mapas de Bump e Displacement. Os mapas de bump são bem conhecidos dos usuários mais experientes dos softwares 3d, pois ele está presente nessas ferramentas já faz um bom tempo. O princípio de funcionamento é simples, mas muito útil. Uma imagem é adicionada na parte de texturas de um objeto em que as áreas pretas e brancas da textura criam pequenos relevos nos objetos. A deficiência desse tipo de técnica é que os relevos só ficam bons em pequenas intensidade e distantes da câmera.

Já com o chamado displacement é possível usar texturas para realmente deformar e criar desocamentos na geometria de um modelo 3d. Isso resulta na elaboração de modelos 3d mais realistas e detalhes com muita qualidade em qualquer enquadramento da câmera. A parte negativa dos mapas de displacement é que o modelo 3d precisa ter um alto nível de subdivisão para que o detalhamento fique perfeito. Existe outro tipo de displacemente chamado de Sub-Poly Displacement que consegue aplicar essa mesma técnica mantendo a malha com poucos polígonos, e subdividindo apenas no render.

Para os usuários do Cinema 4D, a Maxon divulgou dois excelentes tutoriais em vídeo com os procedimentos necessários para criar esse tipo de superfície com pequenos detalhes no Cinema 4D. O procedimento é bem simples e pode ser reproduzido de maneira rápida depois que você assistir aos tutoriais.

No começo do vídeo primeiro vídeo o autor apresenta diversos exemplos interessantes de modelos 3d e elementos que podem se beneficiar do uso desse recurso. O Sub-Poly Displacement é escolhido na aba de materiais e tem opções relativamente simples de configurar.

Um exemplo clássico que é apresentado nos dois tutoriais consiste na criação de paredes de tijolos, apresentando mais detalhes que apenas os sulcos que separam cada tijolo, mas os pequenos poros e deformações existentes em cada um dos pequenos blocos. O material é muito recomendado para qualquer artista 3d que use o Cinema 4D nas suas criações, pois os mapas de Displacement são excelentes no design de cenas com grande quantidade de detalhes.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Um comentário sobre “Tutorial Cinema 4D: Usando texturas com Displacement para criar detalhes em modelos 3d”

  1. Olá,

    Existe como aplicar o conceito de Displacement no Blender 2.49 / YafaRay 0.1.1? Como faço?

    Onde posso pegar materiais de exemplo como pisos ou madeiras de móveis para essas versões?

    Grato,
    Leandro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *