Guia de deformações para animação 3d de personagens

Para se especializar em animação 3d, especialmente a configuração e criação de personagens virtuais, sempre é importante desenvolver ou procurar conhecimentos sobre anatomia e biomecâcina. Esses conhecimentos aliados aos princípios da animação, podem ajudar muito na realização de projetos usando personagens animados. A grande maioria dos artistas 3d que está começando nessa área, acredita que apenas a configuração dos ossos nos personagens é suficiente para dominar a técnica. Mas, fora a configuração dos ossos e as relações de hierarquia, o que mais é importante? O ponto crítico desse tipo de configuração, muitas vezes deixado de lado no desenvolvimento dos projetos, são as deformações dos modelos 3d causadas pelo movimento dos ossos.

As deformações são realizadas com base em duas coisas pincipalmente, que são o nível de influência que cada osso exerce sobre os vértices do modelo 3d e da topologia do objeto em si. Caso a topologia do modelo não favoreça as deformações desejadas, a modelagem pode precisar ser refeita. Para aliar a modelagem com as deformações do personagem 3d é necessário conhecer um mínimo de biomecânia para planejar o processo de modelagem. Caso você tenha interesse nessa área, existe um web site com uma excelente relação de imagens e guias sobre a maneira com que o corpo humano se deforma durante movimentos comuns, voltado para animação 3d.

guia-animacao-3d-personagens.jpg

Além das explicações sobre as deformações, podemos encontrar diagramas mostrando as partes da modelo 3d que mais se contraem durante a animação. Isso é extremamente importante para a parte de modelagem, pois serve de guia para o artista adicionar mais faces em partes específicas do modelo. A parte dos movimentos relacionados a membros já é complicada, o que dirá então a animação facial.

Ainda estou para encontrar um animador que está começando com animação facial, e que não acabe encontrando dificuldades na dinâmica com que os objetos deformam. Pois, o web site tem uma área preparada para publicar dicas para animação facial. A referência ainda não está completa, mas só de saber que será publicada uma área só para esse tipo de animação, seguindo a mesma linha de raciocínio do resto do material.

Como o material é voltado para a teoria envolvendo movimento de membros e articulações, pode ser usado sem nenhum problema por artistas usando qualquer software.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

6 comentários sobre “Guia de deformações para animação 3d de personagens”

  1. Excelente e muito útil esse site.
    Aqui está bem clara a razão para nos preocuparmos com a tipologia correcta na modelação.

    Mais uma vez muito obrigado por partilhares Allan.

  2. Muito bom estou fazendo teste de animação para personagens e no momento deste post estou tentando enfiar o video no youtube, mas com minha internet via radio que ta mais para via telegrafo acho que amanha já estara no ar do meu blogzinho. visitem
    e deem votos nos posts.http://zanycartoon3dblender.wordpress.com

  3. Bem, essa é uma área que me interessa, até mesmo pela minha formação que se fecha esse ano como fisioterapeuta. A modelagem e animação de modelos orgânico, humanos ou não, são extremamente difíceis de se fazer. Eu comecei um modelo, mas sei que vai dar problema mesmo antes de acabar.
    Adorei o site Allan, realmente muito bom, para referencia 3D e criação de uma topologia correta para o modelo.
    Abraço!

  4. Olá,
    Allan, não sei se você poderia demonstrar ou indicar um site de como importar do SketchUp para o modo. Tentei exportando como .dae e importando com a v. mais recente do COLLADA do modo mas ele importa uma cena vazia, sem a geometria.
    Obrigado!

  5. gostaria de saber se voce poderia me indicar um curso barato (ou quem sabe gratuito) sobre animação de personagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *