Como funciona o planejamento de uma animação 3d?

A criação de uma animação envolvendo personagens virtuais é sempre um processo que exige muito trabalho e planejamento, pois é muito fácil se perder no meio do caminho e ter sofrer do temido retrabalho. Sempre que tenho oportunidade de lecionar sobre animação de personagens, percebo como a maioria dos artistas iniciantes acaba procurando já trabalhar com a animação final nos softwares 3d. É difícil encontrar alguém que tenha a paciência ou vontade de planejar antes. Se você nunca teve esse tipo de cuidado por simples falta de conhecimento, o pessoal do Instituto Blender publicou um vídeo que apresenta o modo de trabalho usado na animação Sintel.

Esse modo de trabalho pode ser usado de maneira geral em qualquer software 3d e representa um guia para chegar no produto final da animação. É importante ressaltar que tudo visa avaliar e validar os movimentos e dinâmica da animação. Assim o animador pode trabalhar no produto final com mais segurança. Esse é o vídeo:

Para explicar melhor o significado de cada estágio, aqui temos uma descrição das fases:

  1. Layout: Tipo de animação extremamente simples, com o objetivo de avaliar os movimentos e enquadramento de câmera;
  2. Referências em vídeo: Essa é uma fase divertida da animação, em que uma pessoa ou ator deve tentar reproduzir os movimentos realizados pelos personagens. Depois é só usar os movimentos como base para desenvolver o projeto.
  3. Poses principais: Aqui os personagens são ajustados para ficar nas poses principais que delimitam os movimentos. Essa fase não considera a interpolação dos movimentos.
  4. Timing: Agora que as poses principais estão criadas, o animador pode adicionar interpolação linear entre os keyframes para ter uma idéia do tempo da animação.
  5. Poses secundárias: Nessa quinta etapa o animador adiciona poses intermediárias, para atribuir mais fluidez aos movimentos.
  6. Finalização: Depois de passar por todos esses passos, o animador pode partir para o produto final com o uso de interpolação mais suave e ajustes nos movimentos.

Com esse tipo de demonstração fica mais fácil ter uma boa noção de como é produzida uma animação 3d. O processo como um todo é universal, portanto é possível aproveitar esse tipo de conteúdo em praticamente qualquer ambiente, sem estar atrelado a um software em especial.

Antes de começar a pensar na criação daquela animação complexa que você sempre quis tentar criar, o que acha de começar pelo Layout? Repare como nem os movimentos dos personagens e hierarquias estão refinados. Com esse tipo de material é mais fácil avaliar a história e desenrolar da sua animação.

É um excelente começo.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *