LuxRays: Mais exemplos de render com GPU no LuxRender

As tecnologias baseadas em render por GPU estão dominando os projetos e trabalhos envolvendo visualização rápida, e não devem tardar a entrar de maneira pesada em animação para cinema e TV. Já existem diversas ferramentas e opções no mercado para as pessoas interessadas em investir nesse tipo de facilidade. Mas, infelizmente na área dos softwares livres as opções são poucas. Entre os projetos mais promissores esta o LuxRays, nome dado a variante do LuxRender que usa GPU como forma de aceleração do render. Essa versão especial do LuxRender ainda está em fase de testes e pode apresentar pequenos bugs no seu uso em trabalhos mais pesados, mas já é grande o número de exemplos e demos de usuários mostrando a sua velocidade.

Para quem já teve oportunidade de usar o LuxRender, ou qualquer render do tipo Unbiased, sabe que o seu ponto fraco é o tempo de render. Uma imagem complexa pode facilmente demorar algumas horas para ficar livre da granulação. Com a ajuda de uma GPU e em algumas situações mais de 100 núcleos dedicados a renderização, podemos reduzir esse tempo de maneira significativa.

O LuxRays ainda é um projeto em desenvolvimento, mas já podemos ter uma idéia de como ele deve funcionar usando o smallLuxGPU que é um experimento desenvolvido por David Bucciarelli com o SDK do OpenCL. Desde que falei sobre o SmallLuxGPU ele já avançou para a versão 1.5.

Os vídeos abaixo são demos de usuários que testaram e compilaram o SmallLuxGPU em cenas 3d completas e gravaram vídeos com suas experiências. O primeiro mostra diversas cenas e exemplos usados inclusive em demos de outros softwares como o iRay da mental images e o Arion da Random Control:

SmallLuxGPU v1.5 (OpenCL) from David Bucciarelli on Vimeo.

Os outros vídeos mostram exemplos diversos de renderização, inclusive com algumas opções de animação:

Como podemos claramente perceber pelos vídeos a velocidade com que as coisas acontecem é visivelmente superior ao render tradicional, baseado apenas em CPU que temos no LuxRender. Para as pessoas que quiserem mais informações sobre como funciona o SmallLuxGPU, visite o link indicado para conferir mais detalhes técnicos, e fazer o download do código fonte com binários para Mac OS X e Windows.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

3 comentários sobre “LuxRays: Mais exemplos de render com GPU no LuxRender”

  1. Pingback: Blendesfera
  2. Bah os dois primeiros videos são os mesmos, só que um está no youtube outro no vimeo, corrija Allan.

    É uma ótima notícia. Vou tentar usar aqui no meu Ubuntu x64 pra ver o potencial da minha GeForce GTS 250 1GB (128 núcleos). 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *