Mitsuba: Novo renderizador unbiased de código aberto

Os renderizadores de código aberto estão cada vez mais próximos em termos de velocidade quando comparamos os mesmos as opções comerciais, devido ao auxílio cada vez maior de renderização por hardware e melhorias nos algoritmos. Até pouco tempo atrás tínhamos opções como o LuxRender e YafaRay se destacando no conjunto qualidade e velocidade de render, mas esse número está aumentando. Podem ser opções derivadas como é o caso do SmallLuxGPU que usa o poder das modernas placas de vídeo, ou mesmo novos softwares. Esse é o caso de uma opção muito interessante de render chamado de Mitsuba Render. O software funciona com os mesmos princípios do LuxRender, apresentando técnicas de render do tipo Unbiased. Com essas técnicas podemos gerar imagens baseadas no comportamento físico da luz.

O resultado são imagens com altíssima fidelidade ao que teríamos no mundo real, mas que por outro lado acabam demandando muito tempo para renderizar. Como funciona essa ferramenta? O vídeo abaixo demonstra muito bem o funcionamento do Mitsuba Render, que funciona em praticamente todos os sistemas operacionais.

Mitsuba Renderer Overview from Wenzel Jakob on Vimeo.

A maneira com que o renderizador carrega e manipula arquivos 3d faz com que ele seja compatível com a maioria dos softwares 3d, pois é necessário carregar os arquivos usando o formato COLLADA. Assim que os arquivos são carregados, podemos começar a fazer ajustes no painel de controle do render e determinar a aparência de diversos elementos na tela.

Em termos de recursos a ferramenta está bem fundamentada, mesmo para a versão 0.1.3 temos:

  • Diversos integradores de render com variantes do Metropolis Light Transport, Photon Mapper e Path Tracing;
  • Materiais com efeitos óticos avançados como simulações de SSS e micro-polys ( Exemplo: vidro jateado).
  • Depth of Field
  • Renderização volumétrica para gerar simulações com fumaça e outros elementos translúcidos;

O renderizador é um projeto do desenvolvedor Wenzel Jakob e pode ser aproveitado por estudantes e artistas, que precisem de uma opção extra de render para softwares como o Blender, SketchUp e outros. No caso dessas ferramentas, o único requisito para que as cenas possam ser renderizadas no Mitsuba é a exportação no formato COLLADA.

O autor já publicou no web site do projeto que está planejamento integrar a ferramenta em softwares de modelagem 3d e animação. Espero que o Blender esteja na lista.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

2 comentários sobre “Mitsuba: Novo renderizador unbiased de código aberto”

  1. Loved it!

    Ele conta com muita coisa interessante, inclusive Irradiance Cache 🙂

  2. Pingback: Mitsuba mais um renderizador OpenSource « netCAD 3D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *