Clicky

Modelagem de cumeeira em telhados com Blender

As ferramentas de modelagem 3d podem assumir papéis bem diferentes de acordo com o contexto em que precisamos elaborar objetos complexos. Por exemplo, na modelagem para arquitetura uma das partes mais trabalhosas de criar são os telhados, devido a quantidade de detalhes existentes na sua estrutura, e principalmente no posicionamento de telhas. É comum encontrar casos em que profissionais já tiveram que modelar e posicionar as telhas manualmente para obter a forma desejada. Os softwares 3d oferecem inúmeras opções para ajudar nesse tipo de modelagem, que podem variar desde o uso de curvas e também ferramentas de animação.

Esse é o caso do Blender que disponibiliza uma opção muito interessante chamada de Dupliframes que habilita a criação desse tipo de elemento, e que podemos usar para criar telhas bem complexas. Para demonstrar o uso dessa ferramenta na modelagem de telhas, encontrei um tutorial em vídeo que demonstra a aplicação para criar a cumeeira de telhados, que é a parte mais alta que divide dois planos do telhado. O vídeo ainda usa o Blender 2.49, mas a técnica pode ser usada sem grandes alterações no Blender 2.5.

Dupliframes for archiviz : roof ridge-tiling from Viralata on Vimeo.

O autor do tutorial aproveita a ferramenta conhecida como Dupliframes para conseguir elaborar um caminho pelo qual as telhas individuais são copiadas, usando como base uma seqüência de animação. O uso da animação é fundamental nesse tipo de processo, pois é com o espaçamento dos quadros que podemos controlar o também espaçamento das telhas. Assim, qualquer artista interessado em trabalhar com formas complexas de cumeeira pode ter a liberdade de deformar as linhas das curvas da maneira como achar melhor.

Como o trabalho é feito todo usando como referência uma animação, o resultado pode ser modificado com a aplicação do editor de curvas do Blender, que na versão 2.49 ainda se chama editor de curvas IPO. Esse mesmo princípio pode ser usado para gerar outros tipos de objetos como é o caso de corrimãos, estradas e caminhos de pedra. Basta ter em mente que precisamos trabalhar com um objeto que será copiado várias vezes usando uma curva e fazer os ajustes na parte de animação do Blender.

Mais uma ótima opção para quem trabalha com modelagem para arquitetura.

Sobre o Autor:

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixar Um Comentário