YafaRay usando instanciamento para acelerar o render

Na manipulação de objetos 3d para renderização é muito comum recorrer ao uso de geometria para representar objetos como é o caso de vegetação, ou mesmo outros elementos que povoa o cenário. Nesse caso o uso de tecnologias e técnicas que reduzam o carregamento da cena durante o render é de fundamental importância, para evitar que a cena se torne difícil de editar. Já faz certo tempo que alguns renderizadores suportam uma técnica chamada de instanciamento, em que os elementos repetidos na cena são duplicados no render e seu carregamento na memória do computador é mínimo. Os nomes podem variar um pouco, mas o procedimento usado é muito parecido.

Ao que parece, chegou a vez do YafaRay suportar esse tipo de procedimento para o render segundo relatos dos usuários que checaram a lista com as novidades sobre o YafaRay, e divulgaram no fórum de usuários do software que existe uma opção para usar intanciamento. O que isso significa na prática? A imagem abaixo mostra bem o resultado da aplicação desse tipo de técnica, que permite literalmente adicionar centenas de objetos na renderização com consequências mínimas para o carregamento da cena.

Blender-YafaRay-Instancing.jpg

Repare que o destaque para as imagens fica pela quantidade de objetos presentes nas cenas, que poderiam muito bem deixar a própria manipulação dos arquivos inviáveis, dependendo do hardware usado para a tarefa.

Para quem quiser testar o método, existe uma versão de testes do YafaRay para o Windows 64 Bits que pode ser copiada direto do link que leva ao fórum do YafaRay.

Apesar de ser uma técnica promissora para quem usa o YafaRay para renderizar projetos com o Blender, ainda não podemos comemorar e caçar uma versão de testes, pois segundo relatos de outros usuários na mesma parte do fórum, o algoritmo do instanciamento no YafaRay ainda precisa de ajustes para reduzir o consumo de memória. O problema é o método de aceleração usado para o instanciamento no YafaRay que é o kdtree.

Se você utiliza o YafaRay para renderizar projetos com grande quantidade de elementos, pode ficar animado com esses novos recursos, sabendo que o software está recebendo atualizações significativas em termos de recursos.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *