Tutorial Blender 2.57: Opção Loop Tools integrada

O Blender 2.57 marcou o ponto em que o desenvolvimento da versão 2.5 atingiu a estabilidade, perdendo o rótulo de beta, e deixou muitos dos seus usuários muito felizes, incluindo este que está escrevendo esse artigo. Apesar de ainda existirem pequenos problemas na versão 2.57, que podem demandar o lançamento do Blender 2.57a ainda essa semana, podemos aproveitar bastante o uso dessa nova ferramenta. Junto com a versão 2.57 foram adicionados alguns Add-ons muito interessantes ao software, que podem agradar aos usuários que sentiam falta de recursos existentes no Blender 2.4x e que não foram portados para a nova versão.

Um desses Add-ons é o Loop Tools, que já foi mencionado aqui no blog como uma opção extra, e que agora está integrada ao Blender. Mas, o que faz esse Loop Tools? Para ajudar no entendimento do Loop Tools, gravei um vídeo rápido que demonstra o uso da ferramenta dentro do Blender 2.57.

No vídeo, você vai conhecer o método usado para habilitar os Add-ons, que nesse caso é bem mais simples que na versão 2.4, bastando abrir o painel de preferências e habilitar o Add-on.

Entre as minhas opções preferidas do Add-on está o Bridge, que antigamente fazia parte do Blender 2.4, mas desapareceu na versão nova. Mas, não é só de Bridge que essa excelente opção de modelagem sobrevive, pois com ela e possível trabalhar com:

  • Circle: Faz com que qualquer conjunto de vértices selecionados seja organizado em formato de círculo, ajudando de maneira significativa a criar buracos circulares em polígonos.
  • Loft: Aqui temos a opção de fazer um conjunto de edge loops e ligar os mesmos usando polígonos, o que pode funcionar muito bem quando precisamos gerar modelos com base em perfis.
  • Flatten: Essa opção ajuda a regularizar vértices de edge loops que estejam espalhados de maneira irregular em vários eixos.
  • Space: Por último, a opção Space permite selecionar vários vértices de um edge loop e deixar as suas distâncias regulares.

As outras opções do Loop Tools como é o caso do Relax, são destinadas a suavizar a organização do edge loop, portanto o seu funcionamento é relativamente simples, o que me fez tirar a sua demonstração do vídeo. Se você já fez o download do Blender 2.57, aproveite para habilitar o Loop Tools e comece a usar essa excelente ferramenta de modelagem 3d!

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

3 comentários sobre “Tutorial Blender 2.57: Opção Loop Tools integrada”

  1. Muito bom.
    Mas no blender 2.5 é possivel unir faces, basta seleciona-las
    e apertar a tecla “F”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *