Clicky

Tutorial After Effects: Removendo objetos do vídeo

Os dispositivos de captura de vídeo são muito comuns hoje em dia e com praticamente qualquer câmera moderna é possível gravar material em HD (720p). Essa grande quantidade de vídeo demanda edição, para os casos de autores mais exigentes, e em alguns casos é preciso partir para ajustes mais elaborados em softwares como o After Effects. Até pouco tempo atrás alguns tipos de ajuste como estabilização de câmera estavam restritos a ferramentas dedicadas e caras, mas hoje já temos acesso a uma gama incrível de opções para editar e produzir vídeos de qualidade profissional em pequenas produtoras.

Removendo objetos de vídeos com o After Effects

Um dos tipos de tarefa mais comuns em termos de vídeo é a remoção de elementos indesejados do vídeo, que é um dos tipos de edição mais realizados em fotografias no Photoshop. Mas, e como funciona em vídeo? Se você quiser aprender uma técnica simples e prática no After Effects o tutorial abaixo deve ser de grande ajuda. No vídeo, a autora do material ensina a usar o recurso de máscaras do After Effects e o Tracking de movimento, para fazer com que a remoção e ajustes em poucos frames sejam distribuídos pelo trecho completo do vídeo.

A técnica é relativamente simples de implementar e no caso do vídeo serve de ajuda para remoção de uma luminária que acabou sendo gravada por acidente, e apareceu depois que o fundo em Chroma Key foi removido do vídeo. Esse seria um trabalho digno da rotoscopia que é um dos tipos de tarefa mais exaustiva da edição de vídeo, pois seria necessário trabalhar em todos os frames do vídeo!

O segredo para remover esse objeto é a criação de uma máscara no After Effects que deve ser configurada de maneira a não só remover a área indesejada no vídeo, mas também seguir os movimentos do ator do vídeo, e usando o tracking do After Effects isso fica muito fácil de executar. No final temos um efeito semelhante ao que teríamos no Photoshop em fotografias com a remoção e um objeto do vídeo.

Para quem está aprendendo a trabalhar com montagem e edição de vídeo, a técnica pode vir a ser bastante útil na pós-produção. É só imaginar a economia gerada ao editar esse tipo de “erro” no software ao invés de voltar ao estúdio para gravar tudo novamente.

2017-04-11T10:26:00+00:00 By |After Effects|1 Comentário

Sobre o Autor:

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Um Comentário

  1. arthur 18/06/2016 em 3:35 pm

    a pagina esta sem video :c

Deixar Um Comentário