Projetos do Google Summer of Code 2012 com Blender

Um dos temas mais recorrentes aqui no Blog é o desenvolvimento do Blender como ferramenta principal de produção 3d para artistas dos mais diversos segmentos. E como no mês de Abril acabei precisando viajar e deixei passar alguns assuntos aqui no site, estou retomando o assunto agora para deixar os leitores que acompanham as notícias relacionadas ao Blender por dentro do que está acontecendo. O assunto hoje é o Google Summer of Code 2012 que teve diversos projetos para o Blender aprovados, e muitos deles já estão em andamento! Os projetos estão divididos em várias áreas abrangendo a modelagem 3d, efeitos, animação e usabilidade do Blender como um todo.

Quais foram os projetos aprovados? A lista abaixo mostra os respectivos títulos dos projetos aprovados para o Google Summer of Code 2012:

  1. Tool development
  2. FBX Importer
  3. “Developing of modeling Tools: Bevel Bridge Boolean.”
  4. Mesh smoothing based on curvature flow operator in a diffusion equation.
  5. OpenGL Mobile Compatibility and Android Port
  6. New tesselator + “nice triangles”
  7. Viewport FX
  8. User Interface Tasklist
  9. Precision Modeling Tools
  10. Smoke Simulator Improvements
  11. BGE Converter Improvements
  12. Multitouch Framework
  13. Improve COLLADA constrained animations and Morph animation support.
  14. Adding Subsurface Scattering to Cycles
  15. Bullet Integration
  16. Adapting the Hive system for the Blender Game Engine

Entre os diversos projetos que estão em andamento, podemos destacar o que provavelmente deve adicionar ferramentas para visualizar efeitos diretamente na 3D View, que tem como mentor ninguém menos que Ton Rooseendal. Os outros projetos são todos importantes, mas alguns devem beneficiar uma base maior de usuários como é o caso dos projetos que pretendem adicionar ferramentas melhoradas de modelagem com precisão, e implementar Sub Surface Scattering no Cycles.

Os projetos foram organizados em grupos que fazem referência a nomes de alimentos, seguindo a tradição dos projetos no Blender que utilizam nomes de frutas e leguminosas, agora temos os grupos identificados pelos nomes existentes no gráfico abaixo:

Gsoc2012branches-500.png

Portanto, se você quiser acompanhar o desenvolvimento das ferramentas descritas em cada grupo, basta procurar pelos nomes dos alimentos na identificação dos builds no graphicall.org

Eu particularmente ficarei observando com fome cuidado o build do grupo sushi. As ferramentas de modelagem poligonal devem ajudar bastante no uso do Blender.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *