Paisagem urbana com SketchUp, Cinema 4D, Rhino e Photoshop

A visualização de projetos para arquitetura é uma área com grande demanda de profissionais e artistas trabalhando com computação gráfica 3d, e assim como existem muitas oportunidades nesse segmento, as técnicas e procedimentos necessários para gerar essas imagens também são as mais diversas. O mais tradicional é começar com um software 3d ou CAD, e usando os modelos poligonais gerados nessas ferramentas é possível adicionar texturas, iluminação e posteriormente tratar as imagens geradas em softwares de edição voltados para fotografia. Mas, apesar de ser bem conhecido e usado pelos mais diversos artistas o método admite variações dependendo da sua criatividade.

É exatamente essa pequena variação no método que pode ser conferida em um making of muito interessante publicado no evermotion, sobre a visualização de uma paisagem urbana em Moscou. O estúdio responsável pela imagem é o francês Shift Visuals.

paisagem-urbana-cinema4d-sketchup-photoshop.jpg

O que faz do processo e criação da imagem interessantes? O simples fato de três pessoas diferentes trabalharem na imagem já torna a mesma atraente para pessoas que queiram conhecer o método usado para sincronizar os trabalhos e atividades dos artistas. Essa é uma área em que não se encontram muitas pessoas que tenham habilidade para compartilhar conhecimentos e se encaixar dentro de uma “linha de montagem” como foi nesse caso.

A variedade de softwares e ferramentas também foi um dos destaques da produção que envolveu:

Os softwares foram usados pelos diferentes artistas para trabalhar na construção da cena como um todo e também no desenvolvimento de testes e estudos, que levassem ao resultado final de maneira mais fácil. Por exemplo, o SketchUp foi usado para criar a base para os modelos 3d e o posicionamento inicial da câmera. Depois o Rhino é usado para gerar os modelos 3d com grande quantidade de polígonos. E o Cinema 4D é o software escolhido para gerar a iluminação e o render final. O recurso object buffers do Cinema 4D é aproveitado para gerar arquivos PSD do Photoshop já com camadas isoladas para os objetos! Isso facilitou muito a finalização do projeto como um todo.

Apesar do artigo estar em inglês, a leitura do material é muito interessante para mostrar uma maneira diferente de gerar a imagem, pois boa parte da finalização da imagem como um todo foi feita no Photoshop e não no Cinema 4D.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *