Van Gogh em 3d usando Blender

As partículas em um software 3d podem assumir as mais diversas funções que variam da criação de animações usando pequenos objetos, e também a representação de pelos e cabelos. Isso funciona dessa forma em diversos softwares 3d e no Blender não é diferente. Um artista 3d com criatividade pode criar composições e material muito interessante usando partículas, sejam imagens abstratas ou então substituindo as partículas por pequenos objetos baseados em polígonos. Esse foi o caso do artista giusepped que reproduziu um retrato do famoso pintor pós-impressionista Van Gogh usando partículas no Blender. O resultado foi a imagem que ilustra esse artigo em que temos Van Gogh em 3d.

Van Gogh em 3d usando Blender

Van Gogh em 3d usando Blender

Além de apresentar o resultado final do seu projeto, o artista compartilhou todo o processo e técnica usada para gerar a imagem do Van Gogh em 3d no seu web site, em que encontramos diversas imagens ilustrando o processo de configuração do projeto. O texto está todo em Italiano, mas nada que uma pequena ajuda do Google Translator não resolva, e mesmo com o texto em outra língua é possível acompanhar muito bem o processo. Eu particularmente não falo ou leio em italiano, mas percebi o processo de construção do modelo e da cena Van Gogh em 3d apenas observando as imagens.

Isso não é tudo, pois o artista ainda preparou no final do seu artigo um upgrade para a cena, em que podemos contemplar o Van Gogh em 3D anáglifo estereoscópico.

Qual 3d é esse? Para quem não está muito familiarizado com a tecnologia de imagens com efeitos 3d, as imagens com esse tipo de tecnologia são as que funcionam com os óculos que possuem lentes com duas cores, geralmente vermelho e azul.

Essa tecnologia não é nova, mas funciona bem para a imagem. Com os óculos que possuo aqui no escritório, consegui ver a imagem com o efeito de profundidade.

Usando partículas no Blender

Quer aprender a usar partículas no Blender? Recomendo uma visita ao curso sobre animação baseada em física com Blender, para conferir as aulas específicas sobre partículas e animação. O curso aborda exatamente os conteúdos necessários para criar sistemas de partículas como os apresentados nesse projeto.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Um comentário sobre “Van Gogh em 3d usando Blender”

  1. A única vez que tentei utilizar partículas foi tentando fazer um carpete. Um fiasco! Na hora de renderizar com o cycles, as partículas simplesmente desapareceram. Renderizar utilizando CPU não vale a pena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *