Tutorial 140 – Blender 2.70: Luz volumétrica no Cycles

O Blender Cycles é sem sombra de dúvida uma das ferramentas que mais contribuíram para o desenvolvimento e evolução do Blender como opção profissional de renderização. Mas, apesar de trazer inúmeros benefícios de maneira geral, o software ainda está em estágios iniciais de desenvolvimento, e o suporte para vários recursos é adicionado aos poucos. Com o Blender 2.70 mais um desses recursos foi adicionado ao conjunto de opções do Cycles, e agora podemos trabalhar com renderização volumétrica no software. Mas, o que é renderização volumétrica? Esse é aquele tipo de render em que podemos gerar neblina, traçar os raios de luz e gerar efeitos muito interessantes de luz e sombra.

Como parte da sequência de tutoriais em vídeo sobre as novidades do software, estou disponibilizando um exatamente sobre o tema. Você já tentou usar as opções de render volumétrico no Cycles? Caso ainda não tenha tido a oportunidade de testar, o tutorial a seguir mostra exatamente o que fazer para conseguir gerar luz volumétrica, inclusive com sombras!

A primeira coisa que você deve reparar nesse processo é que, por enquanto, o render volumétrico consome uma quantidade bem generosa de recursos, e infelizmente os cálculos são realizados usando a CPU e não a GPU. Por isso, independente da placa de vídeo que você possua, o processo será todo conduzido pelo seu processador mesmo, o que pode fazer com que o render demore um pouco para ser finalizado.

Fora esse pequeno contratempo, a configuração da cena é relativamente simples. Precisamos apenas criar uma forma geométrica que servirá de container e vai definir o espaço em que será gerada a iluminação volumétrica.

Com o container posicionado é necessário apenas fazer uso de dois nodes chamados de:

  • Volume Scatter
  • Volume Absortion

O primeiro é responsável pela criação da iluminação volumétrica, e o segundo deve ser associado aos materiais dos objetos para fazer com que ele bloqueie a passagem da luz, gerando as sombras volumétricas. No tutorial você acompanha os passos necessários para configurar a cena.

Usando o Blender Cycles

Quer aprender a usar em detalhes o Blender Cycles? No EAD – Allan Brito você encontra dois cursos específicos sobre o uso do Cycles:

Os dois cursos são online e abordam diversos aspectos do Cycles, que são úteis para usuários iniciantes e avançados.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *