Introdução ao MAXScript no 3dsmax

No aprendizado de qualquer software 3d é necessário passar pelas mais diversas áreas da produção em 3d que envolvem o uso de modelagem poligonal, animação, texturas, partículas e efeitos. Mas, existe uma dessas áreas relacionadas aos softwares 3d que todos os artistas evitam de maneira semelhante a como os vampiros fogem da cruz, se bem que os vampiros modernos não tem mais esse problema. Estou me referindo a parte relacionada a criação de scripts e rotinas nesses softwares 3d. Sempre que tenho a oportunidade de abordar esse tipo de ferramenta nas minhas aulas, encontro de imediato uma resistência ao uso das linguagens.

A resistência em si é perfeitamente compreensível nesse tipo de situação, pois o perfil das pessoas que procuram um software 3d para produzir imagens ou animações é mais voltado para as artes e não para programação.

O uso de linguagens de script para automatizar tarefas em softwares 3d é uma das qualidades mais desejadas em artistas 3d, pois o conhecimento desse tipo de linguagem e a sua aplicação em softwares 3d não é algo comum de se encontrar. As pessoas que conhecem esse tipo de ferramenta podem trabalhar em grandes projetos com a criação de rotinas ou ferramentas especializadas em adicionar características e determinados objetos. Por exemplo, ao selecionar um modelo 3d poligonal é possível criar um pequeno script que adiciona grama ou vegetação nessa superfície já considerando os ajustes necessários em partículas, materiais e outras propriedades dos objetos necessários para criar a grama.

Se você for usuário do 3dsmax, encontrei um tutorial que deve ser do seu interesse, principalmente se você quiser melhorar a sua gama de ferramentas com o uso de scripts. O tutorial a seguir é uma introdução básico ao MAXScript, que é a linguagem usada pelo 3dsmax para gerar esse tipo de rotina. É uma ótima oportunidade para aprender, principalmente se você nunca teve contato com esse tipo de rotina no 3dsmax.

Para as outras pessoas que não tem interesse no 3dsmax e no MAXScript, a minha recomendação é estudar a linguagem Python. Além de ser a linguagem usada pelo Blender, o Python é amplamente usado como ferramenta de script para softwares como o Softimage, Maya e até mesmo o 3dsmax pode usar Python com o uso de uma ferramenta que converte as declarações em Python para o ambiente do 3dsmax.

Script gratuito para gerar ondas no 3ds Max

A criação de cenas ou modelos que tentem representar superfícies de líquidos é uma tarefa bem desafiadora em qualquer tipo de plataforma, ou software 3d que temos a disposição no mercado. Alguns anos atrás o processo poderia representar a mudança em roteiros ou enredos de projetos, simplesmente para evitar a necessidade de modelar e configurar superfícies de líquidos. O problema não é a modelagem ou o ajuste de materiais, mas o render desse tipo de superfície e a pós-produção podem consumir boa parte do orçamento de animações, e para projetos pequenos isso é um grave problema.

Já temos a disposição vários tipos de ferramentas, plugins e scripts que ajudam a criar esse tipo de superfície, mas o render ainda pode ser bem demorado.

Script para criar ondas com o 3ds Max

Se você é usuário do 3ds Max e gostaria de testar um script bem interessante criado por um artista chamado Ruben Mayor, que ainda está em estágio alpha, mas pode ajudar pessoas que precisam modelar superfícies como mares com ondas no 3ds Max. O script é bem simples e depois de ser copiado na pasta de plugins do 3ds Max, podemos acionar a ferramenta que tem a seguinte interface:

script-3dsmax-ondas-01.jpg

As opções disponíveis para configurar as ondas são simples, mas podem gerar efeitos bem interessantes para gerar esse tipo de imagem:

script-3dsmax-ondas-02.jpg

O próprio script já disponibiliza uma série de materiais pré-definidos para gerar os efeitos de ondas em superfícies simulando líquidos. O autor ainda não disponibilizou nenhum tipo de manual ou guia sobre o funcionamento do script, mas com uma técnica simples de tentativa e erro, podemos identificar de maneira rápida o funcionamento de cada parâmetro.

Caso você decida usar essa ferramenta para algum projeto envolvendo animação ou mesmo um render simples, lembre que o gerador de ondas ainda está em estágio Alpha e pode apresentar diversos bugs. A idéia do autor é lançar o script como uma ferramenta comercial no futuro, o que deixa esse estágio de testes ainda mais interessante, pois o download da ferramenta pode ser realizado de maneira gratuita.

Para estudantes e pessoas interessadas em estudar o funcionamento de scripts no 3ds Max, é uma excelente oportunidade.

Como converter materiais entre V-Ray e Mentay Ray?

O trabalho em escritórios de arquitetura ou como profissional especializado em visualização apresenta diversos pequenos desafios, como o gerenciamento de materiais e grandes bibliotecas de objetos 3d. Quando optamos por trabalhar com softwares que apresentam grande quantidade de opções em renderização como o 3ds Max, a incompatibilidade entre alguns objetos e materiais é fato corriqueiro. Por exemplo, imagine que você está usando apenas o VRay para renderizar os seus projetos, e depois de muita pesquisa por blocos de mobiliário, aquele modelo da cadeira Eames que faltava para completar o projeto foi encontrado! Mas, para sua decepção o autor do modelo configurou o couro e madeira da cadeira usando o Mental Ray. Ao acionar o render no VRay as coisas acabam ficando estranhas, como texturas borradas ou reflexões fortes demais.

Como resolver isso?

A maneira mais simples de resolver esse tipo de problema é com a configuração manual do material, usando os conhecimentos do artista 3d. O problema nesse caso é que o artista precisa conhecer as configurações e ajustes dos dois renderizadores, e que nesse caso são o VRay e o Mental Ray. Só isso demanda uma boa quantidade de estudo e prática, pois as opções de ajustes para materiais nas duas ferramentas são bem variadas.

Para os usuários do 3ds Max, existe um script que pode ajudar significativamente nesse tipo de tarefa, permitindo converter de maneira automática os materiais ajudstados para VRay, Mental Ray e Maxwell Render. O Script pode ser copiado de maneira totalmente gratuita nesse endereço.

Script 3ds Max - Converter VRay Mental Ray Maxwell Render

A ferramenta considera alguns dos ajustes do 3ds Max para materiais como sendo padrão entre as ferramentas, mas isso não excluí a possibilidade do artista realizar algum tipo de configuração manual, pois nem tudo pode sair da maneira como esperamos. O script acaba fazendo a maior parte do trabalho, mas o ajuste das superfícies e reação a luz pode variar de artista para artista.

Esse é o tipo de problema pelo qual todos os artistas 3d um dia acabam passando, seja com a manipulação de materiais no Blender 3D que sofram configurados no YafaRay, mas o render será executado no LuxRender ou em ferramentas como o 3ds Max, Maya e outros.

Scripts para edição de múltiplos arquivos no 3ds Max com MAXScript

Nos projetos desenvolvidos usando softwares 3d como o 3ds Max, Blender 3D ou Maya a fase em que os artistas e estruturas de informática. Os trabalhos que envolvem animação 3d e cenários complexos, podem facilmente consumir uma quantidade absurda de recursos do computador, principalmente quando é necessário abrir vários arquivos em seqüência para fazer alterações e pequenos ajustes nas cenas. Conheço algumas pessoas que trabalham com arquivos extremamente pesados no Max, com cenas que podem chegar a 300 ou 400 MB com a adição de texturas e elementos com geometria mais complexa.

O tempo necessário para abrir esses arquivos para visualizar detalhes e fazer alterações é um problema sério, sem mencionar as vezes em que o sistema fica instável pelo uso excessivo de memória. Uma solução para fazer esse tipo de alteração é usar scripts em MAXScript para adicionar elementos ou modificar detalhes do material.

Um desses scripts é o excelente Batch It Max, que se propõe exatamente a esse tipo de tarefa. Com ele é possível selecionar uma série de arquivos MAX e aplicar em massa, vários scripts ao mesmo tempo. O que por si só, já é motivo para usar e testar esse tipo de ferramenta para economizar tempo.

batchitmax

A desvantagem da ferramenta é que ele apenas aplica os scripts já prontos, servindo apenas como intermediário para aplicar os scripts.

Pode até ser um inconveniente, mas é uma ferramenta extremamente necessária em projetos que demandam a manipulação de grande quantidade de dados, e pode ser um investimento com retorno garantido para pequenos e médios estúdios.

É possível evitar o uso desse tipo de Script? Sim!

Uma boa prática para evitar esse tipo de ferramenta, é sempre usar links externos para os modelos 3d e objetos usados nas cenas. Por exemplo, se for necessário usar uma árvore em um cenário, modele esse objeto e salve em um arquivo independente. Depois que o modelo 3d estiver pronto, faça uma importação com link ou Xref. Quando for necessário fazer alterações, basta abrir os arquivos fonte de cada elemento.

A solução pode ser menos prática que um Script, mas funciona para a maioria dos softwares 3d, mesmo que não tenha disponível nenhuma ferramenta personalizada como essa.