Vídeos e tutoriais sobre o 3ds max 2012

O lançamento do 3ds max 2012 será apenas no final desse mês, mas diversos vídeos divulgados pela própria Autodesk ajudam a mostrar um pouco mais sobre o funcionamento dessa nova versão do 3ds max, e servem como tutoriais já explicando muito do seu funcionamento. No artigo em que comentei o lançamento do software alguns dias atrás, já mostrei alguns desses vídeos que abordavam as ferramentas do 3ds max 2012, e hoje complemento esse material com novos vídeos que mostram ainda mais do software.

O conjunto de vídeos é relativamente grande, por isso organizei o material no formato de uma lista de reprodução do youtube. Os temas dos vídeos são os seguintes:

  • Viewport com o recurso Nitrous
  • Integração com o Civil View para visualização e simulação de paisagens urbanas
  • Nova opção de render integrada com o iray
  • Ferramentas de modelagem 3d aprimoradas no Graphire Tools
  • Novas opções para a janela de mapeamento UV

Entre os meus vídeos preferidos nessa nova coleção estão o que mostra mais da Viewport do 3ds max usando o recurso chamado de Nitrous, que realmente faz as os elementos ganharem vida dentro da Viewport. É de impressionar a qualidade com que materiais avançados com reflexões e outros efeitos são exibidos. No video abaixo é possível conferir o recurso no 3ds max 2012, usando um objeto que tem vários níveis diferentes de transparência. Ao orbitar o modelo é possível conferir os detalhes do objeto e os efeitos dos materiais, tudo direto na Viewport. A GPU nesse caso precisa ser muito boa para reproduzir os efeitos.

O outro vídeo que destaco nesse conjunto é o que mostra o Civil View, recurso que deve agradar muito as pessoas interessadas em usar o 3ds max 2012 para planejamento urbano. Com esse tipo de recurso, poderemos trabalhar com o uso de parâmetros para adicionar elementos como estradas e mobiliário urbano. O resultado disso é a possibilidade de trabalhar com animações e estudos de vias urbanas.

Assim que tiver mais novidades sobre o 3ds max 2012 como a disponibilidade de uma versão de testes para download, ou mesmo a versão educacional do software que é liberada pela Autodesk na sua área acadêmica, publico aqui no blog.