Compartilhe o artigo!

A maioria dos tutoriais e guias que encontramos na internet, abordam apenas uma das fases da criação de personagens virtuais, principalmente quando esses personagens devem ser utilizados em projetos como jogos e animações 3d. O processo completo de criação e design de um personagem é complexo e demanda várias horas de trabalho duro, desde a fase de pré-produção até a animação final. O primeiro passo para uma boa criação sempre passa pela arte conceitual, depois para a animação 3d e finalmente a modelagem. Se você tiver interesse em conhecer o processo mais a fundo, encontrei essa semana uma série de tutoriais em vídeo que mostram a criação completa de um personagem virtual para jogos.

O tutorial foi desenvolvido por um estúdio chamado databox, para um jogo chamado Penalty of Heroes que será lançado para o Playstation 3. No tutoria, podemos acompanhar a criação do personagem na arte conceitual e depois seguir por mais vídeo demonstrando a criação em 3d no 3ds Max, passando por materiais e texturas até a animação com o auxílio do Biped do Max.

No total são aproximadamente 40 minutos de vídeo, apresentados no formato timelapse em que o tempo das ações está levemente acelerado, mas ainda assim é um excelente exemplo de como é possível criar personagens 3d para jogos.

Fora a parte da produção e planejamento do personagem que por si só já são extremamente interessantes, podemos acompanhar a criação e ajuste do esqueleto do personagem usando o Biped do 3ds Max. A maioria dos artistas iniciantes no 3ds Max, ainda acha que o Biped pode apenas criar animações com personagens humanoides, mas o tutorial em vídeo mostra como é possível deformar os bones padrão do Biped, para animar um personagem semelhante a um canguru.

Mesmo sendo apresentado em velocidade acelerada, os vídeos do tutorial são um excelente exemplo de procedimento de produção. Imagine esse mesmo procedimento sendo realizado em dois ou três dias, e não mais em quarenta minutos. Geralmente depois que a arte conceitual está pronta, ainda é necessária a aprovação de algum líder ou supervisor do projeto, para que o mesmo entre em produção.No caso de equipes menores, isso acaba sendo mais rápido, mas em geral é a seqüência respeitada.

Se você tem interesse na criação de personagens para jogos, esse vídeo é mais que recomendado!