Download gratuito Starcraft II: Art Tools

Os chamados Mods para jogos do tipo desktop são uma ótima opção para expandir os universos e experiência dos jogadores em diversos tipos de jogos diferentes. Esse processo geralmente envolve a criação de um pouco de arte, seja por meio de pintura ou mesmo a criação de modelos 3d. Existem até alguns jogos que já oferecem aos jogadores uma opção nativa para criar mapas ou cenários. Essa semana uma empresa que não é famosa pela quantidade de Mods disponíveis para seus jogos, publicou um pequeno kit de desenvolvimento para criação de Mods muito interessante.

Estou me referindo a ninguém menos do que a Blizzard! A produtora responsável por jogos como Diablo e World of Warcraft divulgou um Patch para um dos seus maiores sucessos, que é o jogo Starcraft II. O Patch instala no computador do usuário uma série de ferramentas e plugins para criação de material gráfico para o jogo. O interessante é que o pacote já oferece o material relacionado com a arte do jogo e também a documentação e tutoriais necessários para criar os elementos gráficos.

Com o pacote chamado de StarCraft II Art Tools podemos criar modelos 3d, texturas, animações, partículas e outros elementos gráficos.

Você quer criar arte para o Starcraft II? O download do pacote é gratuito, e pode ser realizado nesse endereço. Mas, para conseguir usar todos os recursos oferecidos no pacote é necessário possuir o 3dsmax 2011. Infelizmente as ferramentas e opções relacionadas com modelagem 3d são na sua grande maioria plugins desenvolvidos para o 3dsmax 2011, e que são efetivamente usados dentro da própria Blizzard.

O material é muito interessante para profissionais e artistas especializados em produção de jogos, e principalmente estudantes relacionados com área de jogos. É a oportunidade de conhecer o funcionamento e ferramentas usadas em uma das maiores produtoras de jogos do mundo. É uma pena que seja necessário o 3dsmax 2011 para aproveitar todo o material. Pelo menos o download da documentação ajuda a entender como o material criado se integra com a engine do Starcraft II. Espero que façam a mesma coisa para outros títulos da empresa, como Diablo 3.

Novo video com cinematics do Starcraft 2 e perfil do Fausto de Martini

Sempre é bom procurar por referências no mercado de animação 3d e produção de vídeos para se inspirar. Dentre as principais empresas nessa área podemos destacar várias, como o estúdio Blur e a Blizzard. Essa última, inclusive conta com a participação de um artista brasileiro chamado Fausto de Martini, que é especialista em modelagem de personagens, em que já ganhou vários prêmios e concursos relacionados com o assunto. O pessoal do CG Society publicou uma ótima entrevista com ele, incluindo algumas das imagens produzidas pelo artista.

Agora, um dos últimos projetos em que o Fausto está envolvido, ganhou um trailer simplesmente fantástico essa semana, publicado na conferência BlizzCon. O projeto é o Starcraft 2, em que o Fausto está trabalhando na parte de animação e modelagem de personagens, como ele mesmo comenta no artigo da CG Society.

Está preparado para o vídeo? Então segure o queixo e aperte play:

Caso você queira assistir ao vídeo em melhor resolução, pode usar esse link.

Impressionante não é? Como você pode perceber, o vídeo foi gravado por um dos participantes da conferência BlizzCon e “vazou” na internet pouco depois de ser exibido.

A qualidade do material é característica dos vídeos produzidos pela Blizzard para seus jogos. Esse é um dos melhores exemplos de como se produzir uma pequena animação! Aos que pretendem trabalhar com a produção de animações assim, destaco a montagem do vídeo e os movimentos de câmera. Repare como em alguns momentos a câmera é propositalmente desestabilizada, como se fosse segurada por alguém. Isso faz com que a animação fique menos artificial e tenha um toque mais “humano”.

Um dado interessante para quem gosta de conhecer as tecnologias utilizadas na produção dos vídeos. No artigo da CG Society, o próprio Fausto comenta que a Blizzard está migrando para o uso do Maya e RenderMan, abandonando anos de uso com o 3ds Max e Brazil R/S. Essa é mais uma grande empresa que abandona o uso do 3ds Max e parte para outra solução, assim como fez o estúdio Blur.