AutoCAD 2009: Integrando tabelas do Excel com o comando DATALINK

O trabalho com desenho técnico pode ser em algumas ocasiões até mais complexo que a organização de uma animação, dependendo do tipo de objeto e escala, os desenhos do projeto podem demandar várias pranchas de desenho e uma infinidade de arquivos e relacionamentos, para poder representar um objeto ou edificação de maneira satisfatória. Fora os desafios do próprio desenho em CAD, existe um tipo de atividade que é crucial na criação e gerenciamento de um projeto, em qualquer área, que é a apresentação de dados relativos ao objeto trabalhado. Por exemplo, no projeto de edificações é uma pratica comum disponibilizar uma tabela com informações sobre todas as aberturas, como portas e janelas ou as áreas de cada ambiente.

Isso para não falar em detalhes construtivos. Até poucos anos atrás, o AutoCAD não possuía nenhuma ferramenta especializada em desenhar tabelas, o que fazia com que os desenhistas criassem as tabelas e os seus respectivos dados, usando as ferramentas de desenho padrão do próprio AutoCAD. Você pode imaginar como era complicado fazer isso, e principalmente atualizar esses dados. Quando alguma coisa era alterada, o desenhista precisava fazer uma revisão nos desenhos para localizar os textos desatualizados e ajustar valores, alinhar os textos novamente e finalizar a tabela.

Nas versões mais recentes do AutoCAD, começaram a aparecer ferramentas especializadas em criar tabelas, com as linhas e colunas prontas, mas que ainda não resolvem o problema das duas fontes de dados.

Mas, no AutoCAD 2009 uma nova ferramenta promete acabar com esse tipo de problema, em que você trabalha com duas fontes de informação. O comando chamado DATALINK, permite que você adicione arquivos nos seus desenhos em CAD, que recebem um link externo, muito semelhante ao que acontece com o XREF, mas para dados e não arquivos de CAD. Se você quiser conhecer o procedimento completo, sobre como integrar o AutoCAD com planilhas do Excel, esse tutorial mostra todos os passos necessários.

Pode até parecer complicado, mas é bem simples, basta você usar o comando DATALINK e selecionar a planilha. Depois que a planilha é selecionada, você pode posicionar o novo elemento gráfico no seu projeto e pronto! Você pode até mesmo alterar as configurações visuais do projeto.

O melhor de tudo, e grande diferencial do DATALINK, é que assim como no XREF você pode usar atualizar o link da planilha, para que os dados atualizados no Excel, possam ser carregados e exibidos de maneira correta no AutoCAD.

Assim é possível manter apenas uma fonte de dados e os riscos de apresentador valores errados diminui drasticamente. Esse tutorial é imperdível para quem trabalha muito com visualização, mas precisa usar o AutoCAD com para organizar seus projetos. Só para lembrar que essa é uma ferramenta do AutoCAD 2009 apenas.

AutoCAD 2009: Livro gratuito para download

Ainda é muito cedo para que sejam lançados livros em português sobre o AutoCAD 2009, mas quanto esses livros não são lançados, podemos utilizar algumas pequenas publicações gratuitas que estão aparecendo na internet, sobre esse último lançamento do AutoCAD. Como já mencionei aqui, não utilizo mais o AutoCAD já faz um bom tempo, mas mesmo assim ainda ministro aulas sobre ele e eventualmente elaborar apostilas ou pequenos guias. Por isso, estou sempre pesquisando por material que possa me auxiliar, mesmo sem possuir uma licença oficial do AutoCAD 2009.

No começo desse mês, uma das maiores autoridades em AutoCAD, chamada Lynn Allen publicou um pequeno livro, falando sobre as novidades do AutoCAD 2009. O material é curto, apenas 32 páginas, mas aborda única e exclusivamente as novas ferramentas da versão 2009. O melhor de tudo é que qualquer pessoa pode fazer o download do livro de maneira gratuita.

Livro gratuito sobre AutoCAD 2009

Já havia comentado aqui no Blog, sobre as novidades dessa versão, inclusive indicando tutoriais e artigos, mas esse pequeno livro é um resumo de tudo que você precisa saber sobre o AutoCAD 2009. Antes de mais nada, para fazer o download do livro sobre AutoCAD 2009, visite esse link. Lá existe uma opção para o download.

Essa é a lista com as novidades descritas no livro:

  • Alterações e novidades na interface do AutoCAD 2009: Nessa parte do livro a autora comenta sobre as mudanças e a nova interface Ribbon.
  • Novas opções de visualização: Na próxima parte do livro, a autora descreve as novas ferramentas de visualização como o Quick View Drawings, View Cube e Steering Wheels
  • Propriedades dos objetos e layers: Até os objetos e layers receberam modificações, como a possibilidade de personalizar o gerenciamento de layers.
  • Criação de macros: Essa é uma das opções mais úteis dessa versão. De maneira semelhante ao que fazemos com o Office, podemos agora gravar Macros no AutoCAD 2009. De maneira resumida, mas eficiente a autora explica como gravar essas macros.
  • Alterações de escala no texto: O gerenciamento de textos foi alterado também, a autora explica as principais mudanças e melhorias.
  • Técnicas de dimensionamento com linhas de cota: Adicionar linhas de cota em desenho técnico sempre foi uma tarefa tediosa. Será que com o AutoCAD 2009 as coisas melhoraram? Pelo que li no livro, existem mais ferramentas para facilitar e flexibilizar a adição e controle das cotas, mas mesmo assim continua um trabalho tedioso. Nos escritórios de arquitetura, essa tarefa acaba sobrando para os estagiários.
  • Dicas para trabalhar com texto e tabelas: Aqui a autora passa algumas dicas valiosas para acelerar o trabalho de edição com texto e tabelas no AutoCAD 2009.
  • Dicas de produtividade e compartilhamento: Já no final do livro, a autora fala sobre pequenas dicas de produtividade e ferramentas que podem aumentar a sua produtividade como desenhista. Além disso, ela fala sobre o compartilhamento de desenhos com outras ferramentas como o Microstation.

No final do livro, ainda temos uma breve explicação sobre como funciona o Autodesk Impression, que adiciona funcionalidades de apresentação no melhor estilo SketchUp ao AutoCAD 2009. Para quem está procurando se atualizar no AutoCAD 2009 pode fazer o download do livro, com a certeza de aprender de maneira rápida sobre as novas ferramentas.

AutoCAD 2009: Nova interface e ferramentas

Você achava que apenas o 3ds Max receberia uma atualização? A Autodesk também está se preparando para atualizar o AutoCAD, para a sua linha de produtos 2009. O chamado AutoCAD 2009 marca uma das primeiras grandes mudanças, na interface da ferramenta dos últimos anos. Assim como a Microsoft fez com o seu Office 2007, a Autodesk agora também baseia a interface do AutoCAD em abas (Ribbon), de maneira idêntica ao Office. Isso mesmo! Se você não gostou da interface do novo Office, se prepare para passar a usar essa mesma organização, caso você decida usar o AutoCAD 2009.

Para exemplificar a organização da nova interface, encontrei esse ótimo vídeo que mostra essa mesma interface em ação:

AutoCAD 2009

Interessante, não é? Mas calma você não será obrigado a usar essa nova interface, algumas pessoas que já usaram versões de avaliação do AutoCAD, reportaram que é possível usar a estrutura antiga, ou uma versão híbrida das duas interfaces, com as abas e menus.

Alguns web sites especializados estão publicando listas com as principais novidades dessa versão, compilei uma pequena lista com as principais novidades dessa versão do AutoCAD, mas se você quiser conferir uma lista mais completa, sugiro esse endereço.

Vamos à lista:

  • Navegação 3d aprimorada: Agora existem mais ferramentas e janelas para auxiliar na navegação em modelos 3d.
  • Pré-visualização de layouts: Lembra da ferramenta de layouts para impressão? Ela foi melhorada, permitindo que seja possível ver o desenho existente no layout. Antes tínhamos apenas a exibição do nome correspondente ao Layout.
  • Gravador de ações: De maneira semelhante ao que acontece no Office, podemos gravar ações semelhantes a macros. Ele não usa VBA, mas tem função semelhante.

Com a atenção voltada para as mudanças na interface, muitos usuários deixam um pouco de lado essas novidades em termos de ferramentas.

Mesmo assim, essa atualização tem outro objetivo, que é deixar a ferramenta totalmente compatível com o Windows Vista. Várias empresas e usuários estavam reportando problemas de compatibilidade entre o AutoCAD 2008 e o Vista. Inclusive já recebi e-mails de amigos, me questionando os procedimentos para fazer o AutoCAD 2008 funcionar sem problemas com o Vista, infelizmente muitos deles foram obrigados a fazer downgrade para o XP.

Assim que encontrar mais tutoriais em vídeo sobre o novo AutoCAD, publico uma lista com os respectivos comentários.