Usando plugins no 3ds Max para fragmentar uma parede em 3D

O uso de plugins é feito de maneira maciça em estúdios de animação, pois os mesmos aceleram o processo de animação e conseguem fazer com que os projetos e trabalhos em que o estúdio está envolvido sejam finalizados em menos tempo. Já falei sobre vários desses plugins aqui no blog, pois os efeitos que podem ser realizados com softwares como Krakatoa são complicados e trabalhosos de criar com as ferramentas padrão do 3ds Max. Mesmo que você não faça uso desse tipo de recurso, é muito interessante conhecer o funcionamento desse tipo de ferramenta para que fique mais fácil e intuitivo adotar soluções semelhantes em projetos que podem se beneficiar de plugins.

Um dos plugins que mais chama a atenção pelo baixo custo em comparação com o Krakatoa, quando o assunto é fazer explosões e fragmentação de objetos é o Ray Fire. Com esse plugin é possível realizar animações que se encaixam em histórias com muita ação e efeitos físicos, como explosões e destruição. Quer aprender como esse tipo de plugin funciona, e ainda acompanhar a criação de uma animação que mostra uma parede sendo rachada e fragmentada? Bem, acessando esse endereço é possível encontrar um tutorial completo de animação com o 3ds Max e Ray Fire para reproduzir esse efeito. O resultado final do tutorial pode ser visualizado no vídeo abaixo:

O tutorial em si está disponível todo em vídeo e é composto por um total de cinco vídeos diferentes, um para cada parte do processo de configuração da animação. Todo o material está no formato MP4 e com excelente resolução. Os primeiros vídeos abordam a configuração do plugin Ray Fire em si, e mostram como esse tipo de animação fica bem mais simples de realizar com a ajuda da ferramenta. Existe uma opção própria para desenhar e ajustar a fragmentação da parede.

Como você vai perceber ao visualizar a lista de vídeos, para criar esse tipo de animação são necessários três plugins que são o Ray Fire, Thinking Particles e Fume FX. Cada um deles com a sua respectiva função e utilidade dentro do processo de animação. Mesmo com ferramentas que tem alto custo para usuários que ainda estão aprendendo a usar o 3ds Max, é muito importante tomar conhecimento da existência desse tipo de recurso para aplicação em futuros projetos.

Se você for usuário do 3ds Max, vai lembrar desses plugins no momento em que os prazos de entrega dos projetos apertarem. O valor do investimento acaba ficando pequeno perto do benefício.

Download gratuito de plugins para o 3ds Max 2009

Já houve um tempo que os usuários do 3ds Max tinham poucos recursos nativos incorporados ao software, como um poderoso renderizador ou um sistema que permita trabalhar com animação de bípedes. Nessa época, os usuários precisavam recorrer a plugins e outros artifícios para poder adicionar esse tipo de recurso no 3ds Max. Com o tempo, a Autodesk foi comprando a incorporando várias pequenas e médias empresas, desenvolvedoras de plugins para o 3ds Max. Por isso, hoje existem incorporados ao Max, softwares como o sistema Biped (antigo Character Studio) e o Mental Ray.

Os usuários mais antigos devem se recordar de uma dessas empresas, que ainda resiste até hoje com uma ótima gama de plugins, que é a Digimation. Ainda lembro que na época em que eu estava começando a trabalhar com 3d, no final da década de noventa, entrava no web site da Digimation e ficava babando impressionado com algumas das ferramentas.

Para alegria de quem usa o 3ds Max, hoje a empresa fez um anúncio muito importante! Eles estão disponibilizando para download gratuito uma parte dos seus plugins para 3ds Max, como uma das ações de reestruturação da empresa. Esse pacote de plugins se chama Digimation Suíte.

Max_Screenshot_02

Essa é a lista de plugins disponíveis no pacote:

  • Atomizer: Essa ferramenta consegue fazer com que qualquer objeto seja usado com as partículas do 3ds Max.
  • Bones Pro: Uma alternative ao sistema de bones tradicional, para deformar modelos 3d em animação.
  • Chameleon: Com essa ferramenta o artista pode controlar o posicionamento de texturas, com base em um objeto.
  • Clay Studio: Sistema que oferece novas opções de modelagem, com base em mateballs.
  • DigiPeople: Coleção de personagens virtuais, perfeitos para inserção em maquetes eletrônicas.
  • Fractal Flow: Esse plugin consegue criar fractais com base em qualquer objeto do 3ds Max.
  • Glider: Se você já tentou animar um objeto, mantendo o mesmo sobre uma mesma superfície, esse plugin pode ajudar em muito nessa tarefa.
  • Lightning: Ferramenta que consegue criar animações de relâmpados de maneira procedural.
  • MaxSculpt: Sistema que adiciona novas funcionalidades ao Max, permitindo criar esculturas digitais de maneira semelhante ao ZBrush ou MudBox..
  • SandBlaster: Uma alternativa poderosa ao sistema de partículas do 3ds Max, com opções únicas de emissores e tipos de partículas.
  • Spray Master: Com esse plugin, você consegue manipular objetos, como se eles fizessem parte de um sistema de pintura, em que o cursor do mouse funciona como um aerógrafo..
  • Tree Factory: Por último, um pequeno sistema que consegue gerar árvores. Os modelos são um pouco pesados, pois são compostos por geometria real.

Como você pode perceber, alguns desses plugins podem até não empolgar muito, mas opções como o Spray Master e o Glider, podem ajudar muito no design e criação de cenas e animações um pouco mais complexas. O melhor de tudo é que o pacote pode ser copiado de maneira totalmente gratuita! Você pode fazer o acesso direto ao pacote para download, com versões para 3ds Max 2009 e anteriores nesse link.

O único problema é aprender a usar tantas ferramentas, mas isso é apenas um detalhe. Corra para fazer o download.