Treinamento gratuito em escultura digital com Mudbox

O aprendizado de softwares especializados em escultura digital não é fácil, pois além da parte técnica que envolve o conhecimento sobre o software que está sendo usdado para criar a escultura, é preciso um pouco de habilidade artística para conseguir bons resultados na modelagem. Mas, apesar desse tipo de dificuldade ainda é grande a procura por material de treinamento relacionado a escultura digital por artistas 3d, pois alguns tipos de modelos 3d são praticamente impossíveis de criar em curtos períodos de tempo, sem a ajuda de um software de escultura. O mercado hoje é polarizado entre o ZBrush e o Mudbox. A solução da Pixologic ainda é a preferida de muitos artistas 3d, mas a ferramenta da Autodesk ganha cada vez mais recursos e as facilidades na integração com os softwares da empresa como 3ds Max, Maya e Softimage são grandes atrativos.

Se você é usuário do ZBrush, ou está interessado em desenvolver habilidades com o Mudbox, a Autodesk tem um excelente conjunto de tutoriais desenvolvidos em conjunto com o pessoal da Digital Tutors para o Mudbox. E a melhor parte desses tutoriais é que tudo é gratuito!

A soma total dos tempos dos tutoriais chegam a quase 3 horas de vídeo, mostrando os aspectos básicos sobre o funcionamento do Mudbox.

O material está organizado como uma playlist do Youtube, e você pode ter mais controle sobre o que deve ser assistido, mesmo que os vídeos não tenham títulos que correspondam ao conteúdo. Mas, o que é apresentado nesse conjunto de vídeos?

Entre os assuntos abordados está o uso das opções de escultura e pintura tradicionais do Mudbox e também novos recursos como PTEX, novas opções de pintura em camada e muito mais. Ainda prefiro trabalhar com o ZBrush por estar mais acostumado, e me sentir a vontade com as opções do software, incluindo a excelente integração com outros softwares proporcionada pelo GoZ. Mas, sempre fico tentado a me aventurar pelo Mudbox depois de conhecer algumas das suas opções mais avançadas.

Para quem procurava e especializar em pintura digital usando o Mudbox, esse conjunto de vídeos é um excelente ponto de partida, pois apresenta o que é necessário para começar. Aproveite para fazer o download gratuito do Mudbox no canal de apoio aos estudantes da Autodesk.

Criando texturas de rocha para tiling no Photoshop e Mudbox

A criação e uso de texturas em projetos envolvendo computação gráfica 3d sempre exige um bom domínio de softwares como o Photoshop ou outro editor de imagens, pois é quase certeza que as imagens que temos na nossa biblioteca de texturas não servem de imediato para o contexto do projeto. Quando nem o Photoshop resolve o problema da criação das texturas, é necessário partir para outras soluções um pouco mais drásticas. Por exemplo, a criação de texturas o tipo rocha para grandes superfícies externas é um desafio, principalmente devido ao tamanho da textura necessária. Por isso, quando a textura é criada já consideramos que a mesma deve ser distribuída por uma superfície usando uma técnica conhecida como tiling.

Essa é a técnica que pega uma imagem e sai repetindo a imagem inúmeras vezes sobre uma superfície, para que a mesma fique coberta e com a aparência de ter aquele material. Isso é útil em alguns casos, mas na grande maioria das vezes acaba gerando padrões de repetição que são facilmente percebidos até por pessoas leigas no assunto. Mesmo sendo evitado na maioria das vezes, essa distribuição das texturas pode ajudar quando o artista responsável conhecer técnicas para evitar o aparecimento das marcas características desse tipo de distribuição.

O tutorial abaixo mostra o procedimento para criar uma textura própria para ser distribuída usando o tiling, aproveitando a facilidade em trabalhar com escultura do Mudbox e a edição de imagens do Photoshop.

Mudbox techniques for props #3 – Tileable Stone from sascha henrichs on Vimeo.

A técnica é bem simples e consiste na criação de uma pequena textura de pedra esculpida no Mubdox, que na sua primeira fase não demanda nenhum cuidado especial para evitar o aparecimento das bordas na textura. O objetivo da escultura é criar um mapa de displacement que será usado depois para gerar mais um bloco de texturas. Assim que a primeira parte da escultura termina, o autor exporta uma imagem do modelo que será o mapa de displacement para o photoshop.

No photoshop a imagem recebe um filtro do tipo Offset para que a mesma fique distribuída em um bloco de 2 por 2. Essa imagem é salva como uma textura qualquer, sem nenhuma configuração especial. Ao voltar para o Mudbox, a mesma imagem recém salva no Photoshop é aplicada como um mapa de displacement sobre outro plano com boa quantidade de subdivisões. Isso resulta na criação de outra escultura, com as marcas da textura anterior bem visíveis nas bordas do modelo. Com a ferramenta Eraser do Mudbox, o autor do tutorial faz os ajustes e acabamento nessas bordas para suavizar e retirar essas marcas.

Esse é o segredo para criar texturas sem a marca! Logo depois dessa edição no Mudbox, a textura pode ser criada e aplicada sobre outros objetos 3d sem a criação das marcas características das texturas distribuídas usando tiling.

Tutorial de modelagem e render com Maya, Mudbox e Photoshop

A simplicidade de um objeto no mundo real não quer dizer absolutamente nada em relação ao seu processo de modelagem em softwares 3d, principalmente quando o objetivo é trabalhar com modelagem realista usando o mínimo de polígonos. Essa é a situação que a maioria dos artistas 3d especializados na criação de elementos para jogos, como pedras ou paisagens virtuais enfrenta no seu trabalho. Como a quantidade de polígonos de um objeto 3d é fundamental para definir a performance do aplicativo em computadores menos potentes, qualquer face que possa ser economizada no cenário pode ser aproveitada para melhorar os personagens. Isso é uma boa otimização dos modelos 3d, pois o detalhamento será feito com os personagens que precisam de mais apelo visual que partes do cenário vistas apenas algumas vezes.

Caso você queira aprender os procedimentos e técnicas necessárias para criar o modelo 3d da rocha exibida no vídeo abaixo:

Existe uma excelente série de tutoriais mostrando o processo completo de criação desse modelo 3d envolvendo o uso do Autodesk Maya, Autodesk Mudbox e o Adobe Photoshop. Para ajudar na navegação visualização dos tutoriais, compilei a sequência completa como um playlist do youtube:

O tutorial é bem detalhado e deve ajudar no entendimento de como funciona o processo de criação usando modelagem poligonal, escultura digital e a confecção de texturas em alta qualidade. O processo ;e bem simples e começa no Maya, com a criação de um modelo 3d base que é posteriormente exportado para o Mudbox e esculpido. Entre a escultura digital do modelo 3d que resulta em objetos com grande quantidade de polígonos, o artista ainda aborda a retopologia do modelo 3d para redução desse quantitativo e depois a atribuição e edição de texturas.

No final, teremos o modelo 3d com boa quantidade de detalhes para aplicar em qualquer aplicativo de renderização em tempo real. Como a maior parte dos detalhes é criada pelas texturas, o modelo 3d apresenta números bem razoáveis para a quantidade de polígonos. Se você está pensando em trabalhar com desenvolvimento de modelos 3d para aplicação em jogos, esse tipo de tutorial ajuda muito no entendimento do processo como um todo. Em outros tipos de elementos 3d, a técnica usada para representar os objetos é exatamente a mesma, só muda a complexidade e topologia do objeto.