Filme independente usando Blender para a animação 3D

Muita gente me pergunta se o [fusion_builder_container hundred_percent=”yes” overflow=”visible”][fusion_builder_row][fusion_builder_column type=”1_1″ background_position=”left top” background_color=”” border_size=”” border_color=”” border_style=”solid” spacing=”yes” background_image=”” background_repeat=”no-repeat” padding=”” margin_top=”0px” margin_bottom=”0px” class=”” id=”” animation_type=”” animation_speed=”0.3″ animation_direction=”left” hide_on_mobile=”no” center_content=”no” min_height=”none”][BP:215]Blender[/BP] já foi usado para criar os efeitos especiais de algum filme, mas infelizmente o uso dele nas grandes produções comerciais, ainda está restrito a fase de pré-produção na criação de animatics ou no planejamento de cenários. Mas quem sabe isso não venha a mudar, um filme independente está usando o Blender para criar os seus efeitos 3D. Esse filme se chama Project London, segundo os produtores, esse é um título provisório.

A produção do filme é de baixíssimo orçamento, tanto que os atores que participam das filmagens são voluntários. Mas em termos de talento, pelo menos em relação ao 3D, eles não fizeram economia, veja essa imagem:

Project London: Blender

Sim! Essa cena foi totalmente produzida no Blender e a composição é feita no After Effects. Claro que não está no nível de [BP]Transformers[/BP], mas é muito bom ver o Blender sendo escolhido para fazer esse tipo de produção. Apesar de ser gratuito, eles poderiam muito bem ter apertado um pouco mais o orçamento para comprar a licença de um LighWave, que é mais barato que Maya e [BP:215]3ds Max[/BP].

Mas e a animação? Será que vai ficar boa? Caso você ainda tenha dúvidas, veja esse vídeo:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=ppLGoMkqc4Q

Project London: Blender 3D e After Effects

Impressionante não é? Pois a animação foi toda produzida no Blender! Mesmo não sendo uma produção famosa, a iniciativa de usar o Blender para fazer a parte 3D, vai incentivar outras produções a seguir o mesmo caminho.

Sim! Quase me esqueço de comentar o enredo do filme, pelas imagens já foi possível perceber que se trata de uma história de ficção científica. Veja a tradução da sinopse:

Depois da segunda guerra mundial, uma raça alienígena chegou a terra solicitando “refúgio”, já que o seu planeta natal foi completamente destruído. A interação com essa raça alienígena trouxe uma nova tecnologia que aboliu o uso do petróleo. Isso fez com que todas as nações do planeta convivam em paz. Mas ainda existem focos de conflito, no submundo de Londres. Ai começa a história….

Ficou interessado? Pois visite o Blog da produção para acompanhar o desenrolar das filmagens e produção do filme. Mais informações também podem ser encontradas nos fóruns do Blenderartists, mais especificamente nesse post.

Segundo o Blog, eles estão precisando de figurantes voluntários para uma cena em um restaurante. Parece que o orçamento é realmente baixo, eles até dizem que se a pessoa tiver a roupa de garçom será mais que bem vinda!

Independente do orçamento tomara que o material 3D continue com a mesma qualidade!

[/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

3 comentários sobre “Filme independente usando Blender para a animação 3D”

  1. Espetacular! Vamos acompanhar isto porque que é excelente para o blender uma iniciativa destas, só o video é que poderia ser maior um pouquinho assim ficamos com gosto de quero mais….

    Aproveitando Allan, deixa eu te pedir uma coisa, por acaso não sabe de algum tutorial ou página web que aborde o assunto de misturar 3d com video real? Mas não estou falando de chromakey e sim de perspectivas, por exemplo como eu faria um personagem andar por uma rua num video real e conseguir se desviar de um obstaculo como um poste?

    Abraços

  2. Oi Henrique,

    Isso que você quer fazer é produzido com camera tracking. Você precisa reproduzir o movimento da câmera real, na câmera virtual. Assim é possível construir os equivalentes virtuais aos obstáculos. Se eu achar um texto sobre isso, mando para você.

    Abraços

  3. Allan,

    acredito que existem várias outras pessoas interessadas em camera tracking (eu, por exemplo =] ). Um artigo sobre o assunto seria bem legal mesmo!

    Um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *