Arte conceitual do filme Guerra Mundial Z

O estágio da arte conceitual é uma das partes mais importantes de qualquer projeto envolvendo computação gráfica 3d, pois é nesse estágio que podemos planejar e cuidadosamente escolher os recursos necessários para executar qualquer cena animada ou mesmo estática. É por isso que sempre insisto nas minhas aulas e projetos que tenho oportunidade de participar ou orientar, que todo o tempo dedicado na arte conceitual e pré-produção será economizado no momento em que o projeto for executado para valer. Mas, ainda assim muitos artistas iniciantes ainda insistem em partir direto para a produção de animações e imagens, sem nenhum tipo de preparação prévia o que é muito custoso em termos de tempo.

Uma das melhores maneiras de perceber a importância desse tipo de estudo em outras produções é conhecendo o trabalho realizado por grandes produtoras, e sempre que um filme de grande orçamento está para ser lançado temos essas oportunidade, pois são divulgadas diversas imagens promocionais do filme ou animação que ilustram muito bem o trabalho realizado na pré-produção. Esse é o caso do filme Guerra Mundial Z que está para estrear nos cinemas do Brasil no próximo dia 28 de Junho.

O CG Record reuniu várias imagens interessantes do estágio de pré-produção do filme que mostram de maneira clara algumas cenas e pedaços do filme, que depois foram usados para compor as cenas seja usando uma câmera virtual ou então no próprio cenário com Live Action.

arte-conceitual-guerra-mundial-z.jpg

O tema do filme é uma infestação mundial que acaba gerando algo parecido com zumbis! A premissa é muito interessante, mas o que nos interessa mesmo nesse artigo é a parte envolvendo os efeitos e animações do projeto. A primeira coisa que chama a atenção nas imagens é o uso intenso de técnicas e ferramentas para animar multidões, o que é comum nesse tipo de filme. Sem o uso de tecnologia para gerar centenas ou milhares de zumbis como os vistos nas imagens, seria muito complicado reproduzir o efeito com figurantes.

Se você gosta de conhecer os efeitos e os detalhes da pré-produção desse tipo de filme, recomendo muito a visita ao artigo. É apenas um conjunto de imagens do filme na pré-produção, mas vale pelo conhecimento de como são preparadas as cenas com arte conceitual e pré-produção.

Novo DVD de treinamento do Instituto Blender: Chaos & Evolution

O Instituto Blender anunciou essa semana mais um DVD de treinamento com material voltado aos artistas que usam Blender e softwares de código aberto. Agora p tema segue uma linha mais voltada para a ilustração e desenvolvimento de personagens, principalmente para as pessoas interessadas em trabalhar com pintura. O DVD se chama Chaos & Evolution, sendo totalmente desenvolvido no GIMP e mostra os procedimentos e técnicas do artista David Revoy, um dos integrantes da equipe do projeto Durian e principal responsável pelo design dos personagens e arte conceitual do projeto.

No que se refere aos softwares utilizados é bom salientar que o material faz uso de uma versão alterada do GIMP chamada de GIMP-Painter, e uma ferramenta para esboços chamada Alchemy.

O material ainda está em pré-venda e deve fazer muito sucesso entre os artistas 3d interessados em desenvolver ainda mais suas habilidades artísticas. Esse é um ponto delicado do treinamento, pois segundo a descrição do material na página da e-shop da Fundação Blender, o autor do DVD considera que você já possui uma mesa digitalizadora especializada em pintura como as Wacom. Mesmo apoiando as iniciativas do Instituto Blender é muito importante lembrar as pessoas que pretendem comprar o DVD, que a habilidade artística pode fazer muita diferença na realização dos exercícios e projetos mostrados no DVD.

dvd-treinamento-gimp-pintura.jpg

É importante ressaltar esse tipo de aspecto do DVD que é inerente ao assunto abordado, pois a pintura requer esse tipo de conhecimento. Já vi muitas pessoas ficarem frustradas por não conseguir criar formas simples usando Photoshop ou GIMP, apenas por não ter habilidade com desenho ou ilustração.

Com mais esse treinamento o Instituto Blender chaga cada vez mais próximo dos websites que oferecem grandes bibliotecas de treinamento, especializados em animação e efeitos com ferramentas como 3ds Max, Maya e Softimage. Assim o Blender aparece como opção para um número crescente de artistas e interessados em trabalhar nessa área. Se você é usuário do Blender, e principalmente, trabalha profissionalmente com ele, a compra do DVD ajuda na manutenção do Instituto e no desenvolvimento do Blender.

Eu já vou reservar a minha cópia! O ideal seria conseguir uma mesa digitalizadora como uma Wacom Cintiq, mas pelo preço do dispositivo ainda vou ter que esperar um pouco.