Configurando um Ragdoll no Blender 2.5

A configuração de personagens para animação é um processo que demanda muito tempo e paciência por parte do artista responsável pela configuração do mesmo. Essa configuração é a chave para que depois o personagem possa ser deformado de maneira apropriada. Nas minhas aulas sobre animação de personagens o que geralmente faço é trabalhar a dinâmica dos movimentos, antes de partir para o controle específico dos ossos nos personagens. Uma excelente ferramenta para esse tipo de controle são os chamados Ragdolls. Esse tipo de objeto é uma estrutura humanóide que é toda liga usando juntas e constraints. Ao acionar uma simulação com Rigid Bodies é possível conferir a dinâmica da animação e impactos gerados pelas partes do personagem.

O tutorial abaixo mostra o procedimento necessário para criar os Ragdolls no Blender 2.5 e gerar simulações baseadas em Rigid Bodies. Como não existe narração no vídeo, mas diversos textos que aparecem periodicamente mostrando as instruções e ações no Blender, ele não deve ser difícil de seguir pelas pessoas com dificuldade no inglês.

A criação desse tipo de personagem é um pouco trabalhosa e repetitiva, mas no final podemos adicionar diversos elementos para deixar a animação mais divertida. No vídeo podemos acompanhar a configuração que é totalmente baseada no Rigid Body Joint, que deve ser ajustado para todas as juntas do personagem. No tutorial o autor até adiciona uma pequena estrutura semelhante a uma forca. A última parte do vídeo adiciona uma iluminação básica e renderiza o modelo 3d com a estrutura do Ragdoll usando materiais com cores sólidas, próprios para mostrar aspectos volumétricos da estrutura.

Uma sugestão interessante para animações com Ragdolls é multiplicar o número desses personagens, jogando os mesmos dentro de recipientes como caixas ou outras estruturas. A quantidade de impactos e interações entre eles fará com que a animação tenha um aspecto de complexidade e interação disponível apenas em projetos muito mais complexos.

Para quem já tinha o costume de criar Ragdolls no Blender 2.49 ou anteriores, o vídeo é uma excelente oportunidade de atualizar os seus conhecimentos para a versão 2.53. As ferramentas são praticamente as mesmas, mudando apenas o local em que precisamos acionar cada uma delas.