Áreas de atuação da computação gráfica

O ano acabou de começar e você deve ter feito planos para que em 2012 os seus projetos relacionados com computação gráfica acabem se concretizando. A maioria de nós acaba fazendo esses planos e marcando uma data de início dos projetos, que podem envolver a realização de um curso ou mesmo a mudança drástica de profissão. No formulário de contato do blog é bem comum receber semanalmente mensagens solicitando dicas sobre o mercado de trabalho, e áreas em que é possível trabalhar com computação gráfica. E muitos dos pedidos acabam partindo de pessoas que não estão trabalhando na área, mas gostaria de mudar de profissão ou então realizar um desejo antigo de trabalhar com o que realmente gosta de fazer.

Em quais áreas é possível trabalhar com computação gráfica?

É pensando nessas pessoas, e nos artistas que gostariam de realizar projetos pessoais em 2012 que compilei uma lista das áreas em que é possível trabalhar com computação gráfica. A lista é bem resumida e mostra apenas as áreas principais.

Art Institute of Portland Graduates at ADi Animation Studio

O objetivo é expor as áreas para que você possa escolher um dos segmentos, e investir seu tempo estudando e praticando para montar um portfólio, e procurar oportunidades de trabalho.

  • Animação: Esse é o primeiro tópico que todos associam com computação gráfica, mas pode ser um dos mais complicados de investir no Brasil. Infelizmente o mercado ainda é pequeno para quem quiser se dedicar exclusivamente a criação de animações para contar histórias por meio de animação. E as pessoas que conseguem produzir, encontram dificuldades para rentabilizar os projetos. Hoje já está muito melhor do que foi antigamente, mas ainda temos um longo caminho pela frente.
  • Produção publicitária: Aqui temos um dos mercados que consomem boa parte dos grandes talentos da computação gráfica 3d e 2d, pois as demandas nas produtoras e agências é gigantesca, e quem tiver um bom portfólio ou demo reel e não se importar em trabalhar sob pressão e com prazos curtíssimos, encontra excelentes oportunidades profissionais.
  • Visualização de produtos: Muitos dos produtos que são planejados em industrias e oficinas precisam de visualização antes de partir para a produção, ou mesmo para ajudar nas vendas. Podemos incluir objetos das mais variadas escalas nessa categoria, que podem incluir desde navios até mesmo peças de mobiliário.
  • Visualização arquitetônica: Outro grande consumidor de material relacionado com computação gráfica é o mercado de visualização para arquitetura, pois os inúmeros projetos que surgem todos os dias pelo país, precisam de imagens e animações para demonstrar aos futuros compradores como é que ficará o seu investimento, quando a obra estiver concluída.
  • Educação: Esse é um mercado que sempre existiu, mas hoje apresenta boa demanda de trabalho. O uso de recursos multimídia em salas de aula faz com que diversas produtoras de material educacional precisem de artistas 3d, para representar imagens e animações para diversos assuntos.
  • Jogos: O Brasil tem papel de destaque na produção de jogos com vários centros de excelência distribuídos pelo país. E para produzir jogos para consoles, PCs ou celulares é preciso muito material gráfico. Quem quiser investir nessa área não deve se arrepender, pois a demanda existe e faltam bons artistas no mercado.
  • Web Design: A produção de material gráfico 3d para internet já foi mais difícil, mas hoje é possível criar muita coisa usando 3d sem a necessidade de conhecer dúzias de bibliotecas para Flash, Java e outras linguagens. Quem for investir na web, precisa focar mais em linguagens junto com a organização das interfaces, mas também não deve ter problemas para encontrar oportunidades no mercado.
  • Videografia: O uso de material gráfico em 3d é bem comum em vídeos como forma de ilustrar ou apresentar elementos para criação de videoclipes, vinhetas e informações em forma de vídeo. Como as ferramentas de produção de vídeos e equipamentos são muito mais acessíveis para produtoras e pequenas empresas, é mais fácil encontrar oportunidades nessa área. Aqui podemos listar as produções para cinema que se espalham pelo país, e precisam de artistas para montagem dos vídeos e também dos efeitos visuais.

A lista apresenta algumas das áreas que oferecem as melhores oportunidades para profissionais e artistas 3d. Caso tenha esquecido alguma área, fique a vontade para indicar nos comentários do artigo.

Espero que a lista possa ajudar as pessoas que ainda não sabem ao certo com quais áreas da computação gráfica seria mais apropriado trabalhar, ou mesmo investir o seu tempo em cursos ou treinamentos.

O que é necessário para se tornar um animador sênior?

Entre os diversos pedidos e dúvidas que recebo por e-mail aqui no blog, um deles se destaca pela freqüência que costuma aparecer não só aqui no blog, mas também com os meus alunos nas aulas presenciais. Essa dúvida está relacionada com os requisitos necessários para entrar em grandes estúdios de animação. O que é preciso estudar? Quais cursos fazer? Quais softwares? Para responder a esse tipo de dúvida, nada melhor que conferir os anúncios de emprego que esses mesmos estúdios publicam na internet. Por exemplo, a Lucas Film de Singapura está divulgando em fóruns especializados a necessidade de contratar um modelador 3d sênior, o e que o objetivo do trabalho da pessoa contratada será o projeto da série animada The Clone Wars.

Isso significa que é um trabalho de algo nível e com requisitos igualmente elevados. O que é preciso para trabalhar lá? Visite esse link para conferir a pequena lista de demandas da Lucas Film, para ser considerado um animador sênior.

Clone Wars

Como a lista de requisitos está toda em inglês, tomei a liberdade de fazer uma tradução rápida dos itens necessários para se candidatar a vaga, além da descrição do que fará um modelador sênior. Vamos começar pela descrição do cargo de modelador sênior:

  • Modelar e ajustar texturas em modelos 3d complexos representando cenários, arquitetura, personagens e outros objetos usados em produção de animações.
  • Colaborar com outros artistas para criar objetos 3d e cenários para animações.
  • Criar e manter bibliotecas de expressões faciais para animação.
  • Trabalhar com a equipe de pré-produção para criar as texturas planejadas de maneira idêntica ao que for determinado pela equipe, para aplicar em modelos 3d e personagens.
  • Trabalhar em equipe para ajudar nas decisões de design dos modelos 3d.
  • Manter ou exceder um nível consistente de produtividade, cumprindo os prazos estipulados e criando modelos 3d de alta qualidade.

Essa é uma descrição do que fará o modelador, caso seja contratado. Agora vamos aos requisitos técnicos para poder se candidatar:

  • Diploma de bacharel em ciências da computação, visualização em computador, animação por computador (preferido).
  • Mais de quatro anos de experiência em animação 3d por computador, ou efeitos visuais para filmes.
  • Conhecimentos sólidos em personagens, cenários, veículos e outros.
  • Conhecimentos em Linux, Unix e Windows.
  • Domínio de Photoshop.
  • Conhecimentos avançados em Maya ou ouro software de animação hig-end é necessário.
  • Domínio de técnicas como Texturas UV, Layout UV, projeção de texturas e pintura de texturas.
  • A criação de texturas procedurais por meio de scripts é desejável.
  • Domínio no uso de texturas em ao menos um software 3d.
  • Habilidade artística comprovada.
  • Atenção para detalhes em personagens.
  • Capacidade de aprender rápido e assimilar novas informações.
  • Boa capacidade de comunicação.
  • Bom relacionamento interpessoal.
  • Apresentar um demo reel com exemplos de trabalhos realizados em arte tradicional, fotografia e animação por computador. Sendo que na animação por computador é necessário mostrar os wireframes e um pequeno making of das cenas.

Então, será que você já pode se inscrever?

Só para usar um trocadilho e descrever a importância de um animador sênior no desenvolvimento de uma equipe, esse seria o Jedi da modelagem 3d, e pelos requisitos apresentados para esse emprego, fica fácil de perceber a razão pela qual o título é merecido. A responsabilidade desse profissional é igualmente grande no projeto, pois ele estará no topo da hierarquia dos modeladores 3d e comandará uma pequena equipe de artistas 3d.

O trabalho requer conhecimentos e domínio tanto da parte artística da representação de visuais em 3d, como o desenvolvimento de scripts e shaders para o Maya, assim como o trabalho com arte tradicional. Acho que com essa pequena lista, fica bem fácil ter uma idéia dos caminhos e tópicos necessários para chegar nessa posição.

Tutorial de animação 3d: Rotações usando Euler e Gimbal Lock

Mais um excelente tutorial sobre animação 3d foi publicado pelo projeto Guerrilla CG, que tem como objetivo publicar material relacionado com aspectos básicos de animação 3d e modelagem. Dessa vez o tema é uma continuação de um tutorial lançado no final do ano passado, sobre os problemas com rotações de objetos. Caso você não esteja lembrado, o vídeo abordou o uso de rotações usando Euler e Quarternions. Agora eles explicam em detalhes o funcionamento das rotações usando Euler, que é a maneira com que a maioria dos animadores e softwares 3d trabalham, com rotações usando três eixos distintos X, Y e Z.

O tutorial pode ser encontrado no web site de projeto ou também no Vimeo.

Euler Rotations Explained from The Guerrilla CG Project on Vimeo.

Um aspecto interessante em relação a esse tipo de sistema de rotação, usando os eixos X, Y e Z está relacionado a organização dessas rotações de maneira semelhante a uma hierarquia. Sim, nas rotações 3D os eixos giram em ordem definida. Essa é uma das causas dos problemas gerados por esse tipo de sistema em rotações.

O vídeo começa explicando muito bem o funcionamento do sistema de rotação, com a demonstração de um objeto chamado de Gimbal. O fenômeno conhecido como Gimbal Lock acontece quando os planos de rotação se cruzam. Por exemplo, quando os eixos Y e Z se cruzam e as modificações aplicadas em Y ou Z resultam na mesma rotação para o objeto.

Como o sistema funciona com base em hierarquias, os problemas começam a acontecer nesse momento!

Imagine a seguinte situação, você está animando um objeto apenas alterando os ângulos de rotação em Y e Z. Por um breve momento acontece o Gimbal Lock, no qual você acaba alterando os ângulos de rotação em Y, sem se preocupar com a orientação no eixo Z. Logo depois que o eixo Z precisa ser alterado a surpresa aparece, e o objeto realiza um movimento estranho, começando a animação de um local diferente e perfazendo uma trajetória curva ao invés de uma linha reta.

Acredito que essa pequena explicação deixou clara a confusão em que isso pode se transformar, com um editor de curvas cheio de pontos e um animador desesperado, tentando descobrir o motivo do movimento estranho.

Esse tipo de assunto é de vital importância para as pessoas interessadas em trabalhar mais a sério com animação, pois é um problemas técnico comum em animações de personagens e objetos. O simples conhecimento do mesmo, pode ajudar muito nas horas em que é preciso investigar as causas de movimentos estranhos nas animações 3D.

Recomendo que você assista e guarde o vídeo nos seus favoritos!

Dicas para concretizar projetos relacionados à computação gráfica em 2009

Agora que as festas já estão acabando, está chegando a hora de colocar em prática alguns daqueles projetos que sempre queremos começar, mas por falta de conhecimento ou ânimo, acabam esquecidos ou deixados para outra oportunidade. Mesmo que o seu projeto seja modesto, como dominar o mundo criar uma animação 3d de longa metragem para competir com a Pixar, sempre é importante planejar e conhecer algumas características desses projetos, para evitar cair nos erros comuns cometidos pelos artistas com menos experiência. Como sei que algumas pessoas podem ter feito promessas de ano novo, envolvendo esses projetos, organizei uma pequena lista com alguns dos itens mais comuns, baseados nos e-mails que recebo aqui no Blog e também nas consultas que recebo dos meus alunos.

Quickdraw Animation Class

Essa é a lista com os projetos:

  • Animação em longa metragem: Aqui temos um dos maiores sonhos de todos os artistas 3d, produzir e criar uma animação em longa metragem. Mesmo sendo algo fantástico, o melhor conselho que posso passar em relação à esse projeto é; desista. Sim, pode até parecer rude, mas esse tipo de projeto envolve altos níveis de complexidade e custos financeiros, o que inevitavelmente já faz com que ele comece fadado ao fracasso. A Pixar demorou quase 10 anos para começar a produzir animações desse tipo de ter lucro.
  • Animação em curta metragem: Agora que você já está pensando duas vezes antes de começar um projeto de animação em longa metragem, talvez a melhor opção seja uma animação mais curta, com tempo entre 2 e 10 minutos. Tenha sempre em mente que quanto maior for o tempo de projeção, mais trabalhada será a história e a demanda por cenários e a animação de personagens. Muitos artistas e pequenos estúdios conseguiram chamar a atenção com animações bem produzidas, mas com tempo bem curto. Se você realmente quiser tentar trabalhar com uma animação, recomendo que siga esse caminho.
  • Projeto de jogo em RPG para competir com a Square: Outro projeto que geralmente começa com muita empolgação, mas ao longo do tempo esbarra nas dificuldades técnicas de se produzir um jogo. Tenha em mente que jogar um jogo é muito diferente de criar. Certa vez conversando com um coordenador de um curso de desenvolvimento de jogos, ele me disse que alguns alunos o questionavam nos primeiros dias de aula do curso “quando vamos começar a jogar?”. O mercado de animação interativa está crescendo, mas é necessário saber identificar as oportunidades, pois o mercado de entretenimento já é dominado por empresas com muito capital e grandes equipes, com conhecimento e estrutura para criar grandes produções. O que você acha de trabalhar em um enredo, game design ou game plays diferentes? Esse pode ser um ótimo começo para ingressar nesse mercado.
  • Trabalhar com computação gráfica: A possibilidade de trabalhar com aquilo que tanto gostamos é sempre um pensamento empolgante, mas antes de entrar de cabeça nesse mercado é importante conhecer algumas das particularidades do mesmo, principalmente na sua região. Assim como acontece com qualquer profissional que depende de clientes com demanda, a maior dificuldade na área é conseguir trabalho com freqüência. Por isso, antes de entrar no mercado é muito importante dedicar seu tempo à produção do portfólio, que será a principal forma de captar esses clientes. Quanto mais trabalhado e interessante for o portfólio, mas probabilidade de captar clientes você terá.
  • Abrir uma empresa ou produtora de animação: Como você deve estar cansado de escutar, o processo de criação de uma empresa no Brasil é burocrático e muito caro. Mas, chega uma determinada hora em que a demanda por serviços e projetos de clientes requer mais profissionalismo, e até mesmo algumas concorrências públicas para projetos maiores só podem aceitar propostas de pessoas jurídicas e não de freelancers. Antes de abrir uma empresa, recomendo muito planejamento na parte financeira, para suportar a carga de impostos e também nos recursos humanos, pois os encargos na folha de pagamento dos colaboradores será pago com o orçamento dos projetos de animação.
  • Prestar serviços como freelancer em animação ou modelagem: Para quem tem facilidade em falar inglês, essa pode ser uma fonte de renda fantástica. O mercado de jogos e produções para TV é muito grande fora do Brasil e as empresas precisam reduzir custos de produção, para maximizar o retorno para suas empresas. Então, ao invés de pagar grandes valores para empresas americanas, as produtoras pagam um pouco menos para artistas e empresas de países como Índia e Brasil, com o mesmo nível de qualidade. Esse é outro ótimo motivo para estudar inglês! O fenômeno é conhecido como offshoring, e deve ser potencializado em 2009 com a crise financeira. Pense um pouco, para um artista baseado nos Estados Unidos o salário mensal de 1000 dólares é irrisório, mas para a realidade brasileira o valor passa dos 2200 reais hoje.

A lista pode ser até pequena, mas envolve a maioria dos projetos que têm algum viés para a computação gráfica. Antes de começar a trabalhar em qualquer desses projetos, sempre é recomendável fazer um bom planejamento. O melhor termo é fazer um prognóstico de cada ação sua, e a influência que essa mesma ação pode ter no resultado final.

Agora que você já conhece alguns desses projetos, que tal começar a trabalhar?

Download gratuito de calendário 2009 e felicitações!

Hoje é o último dia do ano e como de costume é hora de fazer aquela revisão do ano e refletir sobre os pontos positivos e negativos. Muita coisa aconteceu na área de computação gráfica e no mercado de trabalho, mas depois de hoje é um novo ano e aquela mesma pergunta vêem a mente; o que posso melhorar para o próximo ano? Como o assunto principal aqui é computação gráfica e artes digitais, vamos nos concentrar nas coisas que você pode fazer para tornar o próximo ano melhor ainda! Uma coisa que pouca gente faz é planejar as ações de maneira a fazer com que os próximos anos sejam bons, e não apenas 2009.

Quer uma dica? Aquela que vai fazer com que 2009, 2010 e os outros anos sejam melhores! Se você ainda não fez investimentos em educação, reserve algum tempo e dinheiro para essa área. Sempre digo isso aos meus alunos, e a resposta para as pessoas que realmente investiram nessa área é praticamente garantida no longo prazo. Como ministro aulas e acabo acompanhando a realidade dos meus alunos ao longo do tempo, percebo que as pessoas que realmente se esforçam e dedicam tempo a esse tipo de projeto, conseguem bons trabalhos e fazem progressos impressionantes no longo prazo.

Mas, e se eu já tiver todos os conhecimentos técnicos necessários? Ainda preciso fazer um curso?

Sim! A não ser que você queira trabalhar como técnico ao longo da carreira, pelo resto da vida. Quem já trabalha como técnico em alguma empresa, pode fazer essa pesquisa. As pessoas que estão em cargos de liderança e gerência de equipes, na grande maioria das vezes já fez ao menos um curso superior e preferencialmente uma pós. Qual o motivo?

Os empresários e especialistas em RH têm a crença que pessoas graduadas, apresentam melhor as qualidades necessárias para gerenciar pessoas e equipes. Por isso, mesmo que você já tenha todos os conhecimentos técnicos para atuar na sua área profissional, um curso de graduação pode ser o divisor de águas, para que você se torne gerente, supervisor, coordenador ou assuma um cargo de chefia.

Bem, essa é a minha dica para que os próximos anos sejam bons, e não apenas 2009. Acho que isso era de se esperar de um professor!

Outra coisa que você pode fazer no próximo ano, liste os desafios que você gostaria de superar. Pode ser uma coisa simples, como aprender inglês. Sempre recebo muitos e-mails e reclamações dos meus alunos, sobre a falta de textos e materiais em português sobre computação gráfica e animação. A pergunta que faço é; será que as pessoas deveriam mudar, ou é você que poderia estudar inglês?

Eu mesmo vou preparar uma disciplina nova, como já havia comentado aqui no blog. Até tenho muitos links e materiais sobre o assunto, mas preparar aulas para ensinar tudo do zero dá muito trabalho. Esse será o meu desafio para o começo do ano, mesmo sendo difícil e trabalhoso, estou muito empolgado com a possibilidade de vencer o desafio.

Esse tipo de desafio é que engrandece um profissional e desenvolve novas competências e nos mantém motivados.

Para finalizar esse artigo, o que você acha de começar o ano com um calendário gratuito de 2009, com temas e imagens relacionadas a computação gráfica? O CG Arena divulgou um pacote com imagens muito bem produzidas, em formato de calendário.

As imagens são muito bonitas e servem para colocar o seu desktop no clima de ano novo, além de oferecer uma ótima imagem para cada mês do ano. As opções de resolução são bem generosas também, fazendo com que as imagens sejam exibidas com resolução máxima na maioria dos monitores.

Com esse artigo, encerro as atividades do blog esse ano e desejo a todos os leitores e amigos um feliz 2009!