Treinamento gratuito em escultura digital com Mudbox

O aprendizado de softwares especializados em escultura digital não é fácil, pois além da parte técnica que envolve o conhecimento sobre o software que está sendo usdado para criar a escultura, é preciso um pouco de habilidade artística para conseguir bons resultados na modelagem. Mas, apesar desse tipo de dificuldade ainda é grande a procura por material de treinamento relacionado a escultura digital por artistas 3d, pois alguns tipos de modelos 3d são praticamente impossíveis de criar em curtos períodos de tempo, sem a ajuda de um software de escultura. O mercado hoje é polarizado entre o ZBrush e o Mudbox. A solução da Pixologic ainda é a preferida de muitos artistas 3d, mas a ferramenta da Autodesk ganha cada vez mais recursos e as facilidades na integração com os softwares da empresa como 3ds Max, Maya e Softimage são grandes atrativos.

Se você é usuário do ZBrush, ou está interessado em desenvolver habilidades com o Mudbox, a Autodesk tem um excelente conjunto de tutoriais desenvolvidos em conjunto com o pessoal da Digital Tutors para o Mudbox. E a melhor parte desses tutoriais é que tudo é gratuito!

A soma total dos tempos dos tutoriais chegam a quase 3 horas de vídeo, mostrando os aspectos básicos sobre o funcionamento do Mudbox.

O material está organizado como uma playlist do Youtube, e você pode ter mais controle sobre o que deve ser assistido, mesmo que os vídeos não tenham títulos que correspondam ao conteúdo. Mas, o que é apresentado nesse conjunto de vídeos?

Entre os assuntos abordados está o uso das opções de escultura e pintura tradicionais do Mudbox e também novos recursos como PTEX, novas opções de pintura em camada e muito mais. Ainda prefiro trabalhar com o ZBrush por estar mais acostumado, e me sentir a vontade com as opções do software, incluindo a excelente integração com outros softwares proporcionada pelo GoZ. Mas, sempre fico tentado a me aventurar pelo Mudbox depois de conhecer algumas das suas opções mais avançadas.

Para quem procurava e especializar em pintura digital usando o Mudbox, esse conjunto de vídeos é um excelente ponto de partida, pois apresenta o que é necessário para começar. Aproveite para fazer o download gratuito do Mudbox no canal de apoio aos estudantes da Autodesk.

Nova versão do Sculptris disponível para download

A prática em softwares de escultura digital é uma das melhores maneiras de desenvolver as suas habilidades, e conseguir bons resultados nessa área da modelagem 3d. O processo de criação de esculturas é bem diferente do que estamos acostumados na modelagem poligonal, ou mesmo no uso de curvas. Sempre que tenho a oportunidade de abordar esse tipo de técnica nas minhas aulas, aponto como uma das diferenças fundamentais do método de criação, a habilidade artística da pessoa que está criando a escultura. Isso é ao mesmo tempo um convite para pessoas que não tem experiência com softwares 3d a experimentar esse ambiente, mas pode se tornar uma barreira para quem não as habilidades necessárias.

Caso você queira começar a praticar um pouco mais a escultura digital, a minha recomendação além do Blender é instalar o Sculptris, que acabou de ganhar uma excelente atualização, já usando a bandeira da Pixologic. A história do Sculptris é bem interessante e encorajadora, sendo um projeto independente do Dr.Tomas Pettersson o software foi lançado de maneira gratuita na web, sob a justificativa de ser apenas parte dos estudos do autor. Mas, a repercussão do software foi positiva, e a qualidade das ferramentas de escultura eram inegáveis, fazendo com que a Pixologic comprasse o Sculptris e contratasse o autor para a sua equipe. A pixologic para quem não sabe é a empresa responsável pelo Zbrush.

O vídeo abaixo mostra um pouco do que o Sculptris pode fazer em relação a pintura de esculturas digitais, que pode ser usada como referência ou mesmo a textura final de modelos 3d criados no software, e exportados para outras plataformas.

Entre as novidades do Sculptris estão:

  • Suporte ao Mac OS X! Agora o Sculptris pode ser usado por mais usuários e não apenas os que tem Windows.
  • Uso da plataforma GoZ que deixa muito mais simples o envio de esculturas criadas com o Sculptris para o ZBrush.
  • Interface e navegação semelhantes a do ZBrush.

Para saber mais sobre as novidades dessa versão do Sculptris, visite esse endereço.

Agora, a parte que interessa a maioria dos usuários, o software continua gratuito para todos aqueles que se interessam por escultura digital. Portanto, corra agora mesmo e faça do download do Sculptris.

177 tutoriais em vídeo gratuitos sobre escultura com ZBrush

A escultura digital é uma das técnicas mais usadas para gerar modelos 3d com grande nível de detalhamento, pois permite trabalhar com a criação de elementos que seriam difíceis de elaborar usando apenas as técnicas tradicionais de modelagem 3d poligonal. Entre os softwares que trabalham com esse tipo de técnica existem dois destaques no mercado que são o ZBrush e o Mudbox, que concorrem pela preferência entre artistas 3d. A minha preferência pessoal sempre foi pelo ZBrush, pois acredito que o seu método de trabalho e ferramentas de modelagem são mais amigáveis que as do Mudbox. Apesar de gostar muito do ZBrush, a ferramenta é um pouco difícil de ensinar e abordar em aulas sobre modelagem, pois a escultura é uma das poucas técnicas em que é importante ter proficiência artística.

Qualquer tipo de experiência passada em escultura ou modelagem com argila, pode ser muito importante para que seja possível criar elementos mais elaborados no ZBrush. É por esse motivo que qualquer pessoa interessada em desenvolver habilidades no software, precisa dedicar um pouco mais de trabalho a prática da escultura. Nada melhor do que um bom conjunto de tutoriais para ajudar nesse processo de aprendizado, e hoje descobri uma excelente fonte de tutoriais sobre ZBrush.

Os tutoriais são um conjunto de 177 vídeos que foram compilados pelo usuário do Youtube cannedmushrooms e podem ajudar significativamente no processo de aprendizagem do ZBrush. Abaixo você pode conferir um desses vídeos que é parte dos tutoriais disponíveis na coleção:

Além de ser uma extensa fonte de informações sobre o ZBrush, o conjunto de tutoriais é interessante pois vários deles fazem parte de conjuntos de tutoriais longos, que abordam a escultura digital de personagens completos, desde o princípio quando são apenas primitivas geométricas simples, ou mesmo modelos 3d em Low Poly, e perfazem todos os passos necessários para criar modelos 3d mais sofisticados.

Uma coisa que ajuda bastante no aprendizado desse tipo de ferramenta é a repetição de padrões para conseguir detalhamentos diferentes, e nesse tipo de situação é difícil ser menos repetitivo do que uma lista com mais de 150 vídeos! Se você já teve pretensão de aprender a usar o ZBrush, essa pode ser a oportunidade que estava faltando, pois informação é o que não falta.

Apostila gratuita e oficial sobre escultura digital com ZBrush 4

Essa semana comentei aqui no blog um projeto que pretende levar técnicas de manipulação usando polígonos com grande densidade para o Blender, permitindo criar esculturas digitais com detalhes minúsculos. Isso deve atrair muitos artistas interessados em trabalhar com escultura e que não tenham interessem no investimento em softwares proprietários caros. Mas, e se esse investimento não for questão de escolha, mas sim de necessidade? Como o ingresso em estúdios ou empresas que já usem esse tipo de tecnologia, fazendo com que você precise aprender esse tipo de ferramenta? Nesse caso, o envolvimento prático com o software deixa de ser uma opção e você terá que colocar a mão na massa e esculpir.

A ferramenta mais usada pare esse propósito é o ZBrush, pelo sei pioneirismo e qualidade de ferramentas a maioria dos artistas 3d acaba preferindo o ZBrush ao Mudbox. Até conheço a ferramenta, mas não trabalho com ela diariamente e fico impossibilitado de emitir uma opinião baseada em prática. Todos os artistas que conheço e que trabalham com escultura, preferem o ZBrush.

A Pixologic é a desenvolvedora do ZBrush e eles querem ajudar você a estudar e aprender o funcionamento do ZBrush, com o lançamento de um guia ilustrado e de excelente qualidade sobre conceitos básicos do ZBrush 4. O download do guia que está disponível em PDF é gratuito e acompanha diversas ilustrações e diagramas da interface da ferramenta.

Guia-gratuito-ZBrush-Escultura.jpg

O material tem 52 páginas de conteúdo e está organizado em cinco capítulos:

  • Capítulo 1: Começando com o ZBrush
  • Capítulo 2: Iniciando uma escultura
  • Capítulo 3: Pintando esculturas
  • Capítulo 4: Adicionando vida as esculturas com ZSpheres, TransPose e mais.
  • Capítulo 5: Finalizando uma escultura

Tomei a liberdade de traduzir os títulos dos capítulos para que você tenha condições de avaliar o conteúdo de cada capítulo melhor, caso exista alguma dificuldade com o inglês. Esse é o único ponto negativo do material, a disponibilidade do guia apenas na língua inglesa.

Os textos são bem resumidos, mas apresentam de maneira clara o ZBrush para artistas que nunca tiveram contato com o software, permitindo começar a trabalhar na interface e gerar esculturas em pouquíssimo tempo.

Já mencionei que é gratuito?

Análise do livro ZBrush para Iniciantes

A carreira de um artista envolvido com computação gráfica 3d pode seguir vários rumos que abrangem a design de cenários, objetos, renderização e a difícil tarefa de criar personagens virtuais. Nos últimos anos um tipo de software especializado em apenas uma tarefa se tornou praticamente obrigatório no repertório de conhecimentos dos artistas 3d. Estou falando das ferramentas de escultura digital que tem importante papel no design de personagens complexos, e principalmente com grande quantidade de detalhes. Entre as principais opções do mercado temos o ZBrush que praticamente inaugurou esse segmento no final dos anos 90, com uma proposta revolucionária de desenvolvimento e modelagem 3D.

Se você pretende se especializar em modelagem e design de personagens, deve considerar estudar o ZBrush. Um dos desafios para começar a estudar o ZBrush é a relativa falta de cursos e material de estudo em língua portuguesa. Mas, isso está mudando com o lançamento do livro ZBrush para Iniciantes, escrito pelo Alessandro Lima. Caso você não conheça o artista, o Alessandro Lima é especializado em design de personagens e inclusive já escreveu outro livro sobre o tema, mas com a abordagem sendo direcionada para o 3ds Max, que se chama Desenvolvendo personagens em 3D. Já estou com o livro desde o início do mês e nesse último final de semana, finalmente terminei de ler ele por inteiro.

Esse tempo foi necessário para conseguir ler o livro por completo, pois o mesmo apresenta mais de 500 páginas.

zbrush-iniciantes.jpg

Como já havia trabalhado com o ZBrush em várias ocasiões, muitas das coisas que foram explicadas no livro já eram do meu conhecimento, mas ainda assim foi possível aprender muita coisa nova, principalmente nos exemplos que o artista apresenta na modelagem de personagens. O livro é direcionado para iniciantes tanto no ZBrush, como no design de personagens o que acaba direcionando boa parte dos esforços do autor para a explicação de como criar um personagem com técnicas de escultura.

zbrush-iniciantes-02.jpg

O livro como um todo está dividido em onze capítulos que são:

  1. Arte tradicional e digital
  2. Introdução ao ZBrush
  3. Interface do ZBrush
  4. Trabalho em 2.5D (pintura)
  5. Trabalho em 3D (escultura digital básica)
  6. Trabalho em 3D (escultura digital Avançada)
  7. Pintura e texturização
  8. Materiais, luzes e render
  9. ZBrush e sua integração com outros softwares
  10. Conclusão
  11. Galeria de artistas

Além da parte inicíal que é de extrema importância para qualquer iniciativa com o ZBrush, o final do livro é especialmente importante. Uma coisa que todos os artistas que usam ZBrush sabem é que o mesmo não trabalha sozinho. Para conseguir animar ou renderizar o seu personagem é necessário exportar o modelo 3d esculpido no ZBrush para outro software. O caminho contrário também é perfeitamente possível e comum de acontecer, em que o artista acaba importante uma malha básica produzida no 3ds Max, Maya ou Blender para começar a trabalhar com o ZBrush. A parte final do livro trata apenas desse tipo de comunicação entre a ferramenta de escultura e outros software, o que faz essa última parte extremamente importante para pessoas que trabalham em empresas ou estúdios de animação.

zbrush-iniciantes-03.jpg

Para ajudar no entendimento do material, o livro é acompanhado de um DVD com os arquivos usados no livro, e alguns vídeos.

O ZBrush está entre os softwares que requerem um equilíbrio entre conhecimento técnico e proficiência artística para que seja possível criar algo. A parte artística é mais difícil de desenvolver, mas com muito treino e perseverança é possível conseguir excelentes resultados. No que se refere a parte técnica, o livro ZBrush para Inicinates é um excelente ponto de partida para dominar o software.

Se você pretende trabalhar com animação de personagens, desenvolvimento de jogos ou qualquer coisa que envolva personagens virtuais realistas, recomendo ler esse livro.