Plugin gratuito para manipular curvas no SketchUp

A modelagem de elementos geométricos no SketchUp é algo relativamente simples de operacionalizar, até mesmo pela natureza do software que está ficado nesse tipo de modelagem. Mas, apesar disso resolver a grande maioria dos volumes e formas para áreas como arquitetura, é necessário em algumas ocasiões trabalhar com curvas. O uso de curvas ou formas arredondadas no SketchUp pode ser um pouco trabalhoso sem as ferramentas certas, e por ferramentas você pode entender plugins. Existe uma enorme quantidade de plugins gratuitos e pagos para o SketchUp que expandem de maneira significativa a capacidade do software para criar modelos 3d.

Um desses plugins é o Curvizard que ajuda na manipulação e alteração de elementos com formas curvas no SketchUp. O plugin é totalmente gratuito e pode ser copiado diretamente dos fóruns SketchUcation usando esse link. Mas, para conseguir ter acesso a ferramenta você terá que se cadastrar no fórum.

Painel de opções do Curvizard

Entre as opções existentes no Curvizard encontramos:

  • Suavização de curvas
  • Limpeza de curvas (Remove imperfeições)
  • Simplificação de curvas
  • Quebra de curvas
  • Unir curvas

Todas essas opções de alteração para as curvas estão presentes no painel de controle do Curvizard que aparece logo depois de instalado o plugin. Essa é uma ferramenta extremamente importante para qualquer artista e usuário do SketchUp que eventualmente pode precisar manipular e editar curvas no software. Apesar de não ser diretamente focado nesse tipo de modelagem, o software pode sim trabalhar com elementos mais curvilíneos com o auxílio desses plugins extremamente úteis.

Esse é o tipo de plugin que deve estar na sua biblioteca de ferramentas do SketchUp!

Aprendendo a usar plugins no SketchUp

Quer aprender a trabalhar com os plugins mais importantes de modelagem usados no SketchUp? No EAD – Allan Brito você encontra um curso próprio para isso! No curso de modelagem avançada usando plugins no SketchUp os participantes aprendem a usar, instalar e manipular diversos plugins avançados de modelagem para o SketchUp. Os plugins abordados no curso são todos gratuitos e estão disponíveis na sua maioria dentro dos fóruns do SketchUcation. Se você é usuário do SketchUp e gostaria de conhecer alguns desses plugins, recomendo visitar a página do curso para conferir a lista de aulas e plugins.

Tutorial de modelagem com NURBS no Blender

As técnicas disponíveis para criar modelos 3d variam significativamente entre si e permitem elaborar objetos com resultados bem diferentes, dependendo da natureza da superfície. A minha técnica preferida é a modelagem poligonal que pode ser aplicada em praticamente qualquer situação, mas com alguma dificuldade extra quando o objeto tem muitas curvas. Um modificador de suavização resolveria esse problema, mas teríamos que trabalhar com edge loops para determinar a suavidade das arestas. Esse é o ponto trabalhoso da modelagem poligonal para casos como a criação de uma chave de fenda. Por outro lado, podemos aproveitar técnicas como a modelagem usando NURBS para criar de maneira bem simples esse tipo de objeto.

No Blender encontramos ferramentas que aproveitam a flexibilidade e maleabilidade do NURBS para gerar curvas complexas. Esse tipo de técnica é bem sofisticada e nem todos os softwares dispõe de módulos NURBS poderosos. Por exemplo, até mesmo o 3dsmax ficou muito tempo com um módulo de NURBS que não agradava muitos artistas 3d, até que nas últimas versões a Autodesk melhorou bastante esse módulo. Um software que tem um excelente módulo NURBS é o Maya.

Mas, e o Blender?

O tutorial abaixo mostra todos os passos necessários para elaborar um modelo simples, mas que usando polígonos teria uma carga extra de controle.

Blender 2.5 – Creating a Screw Driver with Nurbs from 3D Immortal on Vimeo.

No tutorial o autor usa uma técnica clássica do NURBS que é trabalhar com os perfis dos objetos, para conseguir ajustar as suas posições e sequencia na criação do objeto. A modelagem por curvas tem esse tipo de característica, seja ela por NURBS ou Spline. O segredo para conseguir descobrir se um objeto pode ser criado usando curvas é saber se o mesmo possui um perfil que pode receber modificadores, para gerar superfícies. Essas superfícies são geradas por revoluções ou outras técnicas.

Nesse caso os perfis do modelo 3d são posicionados e escalonados ao longo de um eixo, e quando as suas formas e posições estão de acordo com o objeto desejado a opção para gerar uma superfície é acionada. Como resultado temos a chave de fenda.

Esse é um objeto que sempre uso como exemplo nas minhas aulas sobre modelagem, com o Blender em NURBS e no 3dsmax usando Loft.

Tutorial de modelagem com Rhino 3D: Modelando um assento de carro

Um software de modelagem muito famoso aqui no Brasil é o Rhinoceros, também chamado de Rhino 3D. Ele é basicamente uma ferramenta de modelagem, fundamentado na criação de curvas e superfícies NURBS, que permitem a ferramenta criar modelos 3d com curvas e superfícies extremamente complexas, com relativa facilidade. O Rhino é muito utilizado por profissionais que trabalham com desenho industrial, pela sua facilidade em modelar formas complexas e curvas. Para algumas atividades, ferramentas que trabalham com subdivisão não conseguem criar superfícies com a suavidade e precisão que algumas ferramentas, com o Rhino 3D conseguem criar.

Se você nunca usou o Rhino, veja esse ótimo tutorial que mostra como modelar o banco de um carro, usando as suas ferramentas de modelagem por curvas.

Já precisei ministrar uma aula de Rhino há muito tempo atrás, para uma turma de estudantes que queria fazer design de produtos em 3D. Devo dizer que a transição para o Rhino foi simples, pois ele usa vários elementos de ferramentas com o 3ds Max e o AutoCAD, ferramentas que são relativamente comuns para quem estuda computação gráfica, ao menos eram para mim.

As semelhanças com o AutoCAD são óbvias, repare na parte superior do vídeo apresentado que o Rhino tem uma linha de comando, então para quem já usa o AutoCAD para modelar em 3d, vai encontrar facilidade em usar o Rhino.

Com o 3ds Max, podemos encontrar semelhanças na interface e em alguns atalhos de visualização. Repare que o desenho da interface é parecido, só falta à tradicional barra vertical na direita.

Agora vem a parte não tão divertida do Rhino, ele é pago e não apresenta nenhum tipo de incentivo para pessoas que queiram apenas estudá-lo. Os estudantes interessados precisam pagar a licença de 195 dólares e profissionais 995. Com essa política não muito amigável, eles sobrevivem apenas porque tem uma ferramenta poderosa para designers.

Poe que motivo você poderia estar interessado em tutoriais sobre Rhino 3D? Praticamente todas as suítes 3d apresentam ferramentas de modelagem por superfícies NURBS, podemos listar várias com o exemplo:

  • Blender 3D
  • 3ds Max
  • Maya
  • Softimage XSI

Essas são apenas algumas das ferramentas, mesmo que tenham péssima fama com o NURBS, como no caso do 3ds Max, podemos aproveitar os tutoriais criados no Rhino para tentar reproduzir os modelos e técnicas em outros softwares. Ainda é difícil encontrar bons tutoriais sobre modelagem com curvas, para a maioria desses softwares, os artistas hoje em dia só se interessam em modelar por subdivisão.

Então temos que aproveitar essas oportunidades para aprender mais sobre esse tipo de diferente de modelagem.

Assim que encontrar mais tutoriais sobre o Rhino e modelagem via NURBS, publico aqui no blog.