Tutorial SketchUp: Distribuindo objetos de maneira aleatória na maquete eletrônica

A criação de uma maquete eletrônica para arquitetura envolve a elaboração do modelo em si para representar a edificação ou espaço, mas também requer o uso de diversos elementos para ambientar o cenário 3d. A ambientação do cenário é até mais importante que o render realista da imagem, pois pode mostrar coisas como a escala e organização desejada para o ambiente. Mas minhas aulas sobre modelagem 3d para arquitetura, sempre recomendo que meus alunos tomem cuidado com a configuração das luzes e materiais dos objetos e com a distribuição dos objetos no cenário. Uma imagem que representa um ambiente interno só fica completa, quando adicionamos e distribuímos pequenos objetos na cena.

A pior parte dessa tarefa é a distribuição de objetos com tamanhos e orientações diferentes no cenário. Por exemplo, na modelagem de uma edificação que deve ter a sua área externa representada. O posicionamento de elementos como vegetação nos arredores envolve o ajuste de escala e rotação dos elementos, para que os objetos não fiquem todos com a aparência de serem clones.

Com o SketchUp é possível usar alguns plugins e ferramentas adicionais para ajudar nessa tarefa cansativa e tediosa. Existe um plugin para o SketchUp chamado de Scale and Rotate Multiple que ajuda na distribuição de objetos. Na verdade, ele não faz a distribuição em si, mas ajuda na edição de diversos objetos ao mesmo tempo de maneira que esses elementos pareçam diferentes em inclinação e escala. Veja esse exemplo em que o plugin foi usando para alterar o tamanho de modelos 3d representando árvores estilizadas.

tutorial-distribuindo-objectos-maquete-sketchup-01.jpg

O funcionamento do plugin é bem simples, mas antes de usar a ferramenta é necessário fazer o download do Scale and Rotate Multiple para SketchUp 7 nesse endereço. É um fórum de usuários para SketchUp, para fazer o download é necessário se registrar no fórum.

Copie o arquivo para a pasta de plugins do SketchUp e um novo menu chamado plugins vai aparecer na sua interface.

tutorial-distribuindo-objectos-maquete-sketchup-02.png

Lá encontramos a opção de acesso ao plugin. A interface é bem simples e apresenta duas opções básicas para esse ferramenta que é aplicar as transformações da mesma maneira em todos com o a opção terminando com Same, ou então aleatoriamente com o Random.

O painel de configuração para a alteração aleatória permite ajustar a referência da transformação, assim como escolher valores máximos e mínimos para a escala e rotação. A escale é representada por um fator em que o número 1 significa 100% da escala.

tutorial-distribuindo-objectos-maquete-sketchup-03.png

Já na transformação uniforme é possível trabalhar com a mesma transformação de escala e rotação aplicada em múltiplos objetos.

tutorial-distribuindo-objectos-maquete-sketchup-04.png

Esse plugin é excelente para ajustar e configurar modelos de vegetação ou outros blocos espalhados por um cenário 3d.

Tutorial SketchUp: Como usar o Auto-fold no SketchUp 7?

A modelagem 3d no SketchUp do Google apresenta várias facilidades, como o uso automático dos snaps para poder realizar transformações em modelos 3d usando os eixos do plano cartesiano de maneira automatizada. Mas, ainda assim é possível encontrar algumas pequenas restrições a modelagem. Por exemplo, ao desenhar elementos que estejam contidos em planos e superfícies no SketchUp, não é possível deformar esse objeto em eixos ou planos que não estejam contidos na superfície original. Por exemplo, imagine que você acabou de modelar uma parede e precisa fazer uma abertura nessa parede, o procedimento normal é desenhar um retângulo sobre essa superfície, para depois realizar um extrude.

Agora, imagine que esse mesmo retângulo que representa a abertura precisa ser deslocado um pouco nos eixos x ou y, mas o plano da parede está contido nos eixos x e z. O que vai acontecer nesse caso é que você é não vai conseguir realizar nenhum tipo de edição em eixos diferentes dos que contém o plano.

Ainda não entendeu? Assista ao vídeo abaixo, que mostra o procedimento completo, inclusive com a solução no SketchUp.

Como você deve ter percebido pelo vídeo, o problema é fazer algum tipo de edição em planos ou formar contidos em objetos 3d. No caso do vídeo, o autor tentou mover uma forma 2d para fora do plano em que o cubo havia sido criado e não conseguiu. A ferramenta usada para realizar a edição mostrada no tutorial se chama Auto-Fold e está disponível no SktechUp 6 e 7. Para usar a ferramenta, tudo que precisamos fazer é pressionar a tecla CTRL ou COMMAND no windows e Mac respectivamente.

Quando essa tecla for pressionada, o software permite realizar as transformações em eixos diferentes dos que estão representados no plano original.

Apesar de ser extremamente simples de usar, essa é uma dica valiosa para qualquer pessoa que está começando a trabalhar com o SketchUp para modelagem 3d. Como o SketchUp é usado nos mais variados projetos, desde o design de ambientes e projetos arquitetônicos, até mesmo a criação de cenários para jogos. A dica é muito útil para a maioria dos artistas 3d envolvidos com modelagem 3D.

SketchUp 7 lançado com novas ferramentas!

Depois de uma longa espera por atualizações significativas, finalmente a Google disponibilizou para download uma atualização para o SketchUp! O SketchUp 7 foi lançado hoje, com algumas ferramentas muito interessantes sendo incorporadas a sua plataforma de desenho, que em minha opinião é uma ótima opção para quem quer começar a trabalhar com 3d, mas tem pouco ou nenhuma experiência com softwares 3d. Conheço muitas pessoas que gostam de trabalhar com modelagem no SketchUp e depois exportam o modelo 3d para softwares como o Blender 3D, para trabalhar com iluminação mais realista.

Quais as novidades apresentadas no SketchUp 7? O vídeo abaixo, foi produzido pela equipe do Google responsável pelo desenvolvimento do SketchUp, e mostra algumas dessas novas ferramentas.

O primeiro recurso interessante mostrado no vídeo, é a integração do SketchUp 7 com a Warehouse. Esse é um sistema que armazena e classifica modelos 3d, produzidos por usuários ao redor do mundo. Agora é possível fazer buscas no sistema, armazenar os melhores resultados de maneira semelhante aos favoritos do navegador.

Depois, um dos “engenheiros” do SketchUp faz um anuncio bem curto, falando a separação automática de arestas que se sobrepõe. O próximo recurso é muito parecido com o mapemaneto UV dos softwares 3d mais sofisticados, em que você pode aplicar uma textura em qualquer superfície e depois editar essa textura no Gimp ou Photoshop.

Agora, um dos recursos mais legais é chamado de componente dinâmico. Esses são interessantes pelo seu comportamento inteligente, pois os objetos “sabem” que são elementos e se comportam de maneira a simular a natureza desses elementos. Por exemplo, o modelo 3d de uma porta pode agregar uma animação em que o plano da porta abre, ou se comportar de maneira proporcional em uma operação de escala.

O funcionamento é parecido com o a nova ferramenta de escala do Photoshop CS4, em que um determinado objeto é redimensionado e não perde as suas proporções. Imagine a seguinte situação; você está trabalhando na modelagem de uma maquete eletrônica e sem perceber, acaba modelando as portas com 10 centímetros a menos que a abertura na parede. Ao aplicar uma escala no modelo da porta, os seus elementos que compõe a esquadria, se redimensionam automaticamente para se adaptar as novas dimensões!

Não preciso dizer que esse é um dos recursos que vão economizar centenas de horas de trabalho, dos modeladores 3d que usam o SketchUp 7.

A ferramenta chamada LayOut também foi melhorada, com um novo sistema de curvas Bezier para permitir mais liberdade na criação de curvas.

Caso você queira testar as novidades, visite esse endereço para fazer o download do SketchUp 7 e visite essa página, para conferir a lista oficial de melhorias. Acabei de fazer o download do SketchUp 7, portanto aguarde por mais artigos sobre as novas ferramentas nos próximos dias.