18 plugins gratuitos para Premiere e After Effects

A edição de vídeo é uma tarefa que exige dos editores e profissionais envolvidos na produção uma boa parcela de criatividade, além das ferramentas certas para criar determinados efeitos. Além do timing necessário para fazer cortes no momento certo, é preciso tornar o vídeo atrativo do ponto de vista visual.

Você pode recorrer nessas situações ao uso da tradicional animação por interpolação, que todos os editores suportam por padrão, ou usar recursos mais avançados para finalizar seu projeto.

Um dos recursos que podem ajudar você na criação dos mais diversos projetos relacionados com vídeo no Premiere e After Effects são os plugins. Existem alguns desses plugins que adicionam recursos e efeitos incríveis nos vídeos, que iriam demoras muito tempo para serem criados com interpolação tradicional e quadros-chave.

Alguns editores profissionais de vídeo sequer conseguem trabalhar na montagem de projetos, sem o uso de alguns desses recursos instalados no Premiere ou After Effects. A maioria desses plugins é paga e vai exigir um certo grau de investimento por parte do editor para serem incorporados no software.

Mas, existem opções gratuitas desses plugins que podem ajudar de maneira significativa.

Quer fazer o download de uma pequena coleção de plugins gratuitos para Premiere e After Effects? No web site VashiVisuals você encontra uma lista que está em constante atualização, e oferece links para os plugins. A primeira versão do artigo tinha apenas seis plugins, mas hoje a lista já está com 18 opções diferentes.

Por exemplo, alguns dos plugins disponíveis envolvem a criação de efeitos visuais dentro dos vídeos ou tarefas mais simples como fazer movimentos com a câmera. A lista de plugins gratuitos para Premiere e After Effects está em constante atualização, e sempre que um novo recursos for adicionado esse artigo será atualizado com as novidades.

É a sua oportunidade de adicionar recursos incríveis para seu próximo projeto relacionado com edição de vídeo!

Aprenda a produzir e editar vídeo

Ficou interessado em trabalhar com a produção de material relacionado com vídeo? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos e treinamentos relacionados com criação de vídeo digital. Até mesmo com o Blender é possível fazer edição e produção de vídeo:

Curso básico gratuito de Premiere

A edição de vídeo já foi assunto restrito para um grupo bem pequeno de pessoas que possuam acesso aos equipamentos necessários para capturar imagens em movimento, e principalmente adquirir computadores poderosos o suficiente para manipular vídeo digital. Hoje a edição de vídeo está inserida no nosso cotidiano, seja por meio dos vídeos gravados com nossos telefones ou mesmo em empresas que investem em conteúdo digital como forma de gerar produtos ou comunicação com clientes. É por esse motivo que o conhecimento relacionado a editores não-lineares de vídeo se torna importante para qualquer artista digital.

premiere_sequencia_500px

Hoje o EAD – Allan Brito está lançando mais um curso básico gratuito e dessa vez o software escolhido é o Adobe Premiere. Para quem não conhece a fama do software, o Premire é um dos nomes mais conhecidos em termos de edição e montagem de vídeo. Nesse novo curso do site você tem a oportunidade de aprender o necessário para dar os primeiros passos no software! Aqui estão alguns dos assuntos abordados nas cinco aulas do curso:

  • Interface e configuração do Premiere
  • Configurando projetos no Premiere
  • Funcionamento das sequências
  • Edição simples de vídeos
  • Alteração de áudio nos vídeos
  • Exportação de projetos

Com esses assuntos você já será capaz de fazer as suas primeiras edições dentro do software, e até mesmo ajustar opções avançadas de exportação dos arquivos para plataformas como o YouTube. Esse conteúdo está organizado em cinco aulas que seguem o mesmo padrão de conteúdo do EAD – Allan Brito.

A melhor parte desse artigo, além do lançamento do curso, é que o material é totalmente gratuito! Sim, você pode fazer a sua inscrição no curso de imediato acessando esse endereço. Assim como os outros cursos gratuitos do EAD – Allan Brito esse não oferece certificado na sua conclusão. Mas, o conteúdo é de grande serventia para todos os interessados em desenvolver habilidades em edição de vídeo.

Aprendendo sobre edição de vídeo

Ficou interessado em desenvolver ainda mais seus conhecimentos sobre edição de vídeo? Os seguintes cursos são excelentes complementos para o Premire básico:

Editor de vídeo: Lightworks se torna Open Source

O mercado de edição de vídeo é bem concorrido e com variadas opções para fazer desde pequenas edições, até mesmo trabalhar com os chamados pesos pesados como o Avid e o Final Cut. O Premiere da Adobe perdeu um pouco de espaço nos últimos anos, mas a versão CS5 parece que despertou novamente o interesse dos usuários e artistas pelo software. Já trabalhei com o Final Cut e o Premiere, mas devo relatar que a minha experiência com o Final Cut foi sempre melhor, seja pelo da facilidade em tratar containers e codecs de vídeo, ou pela incrível gama de opções que acompanham o Final Cut Studio. O Premiere ficou mais relegado ao campo acadêmico, pois ministrei aulas sobre ele por muito tempo.

Mas, e na área do software livre? Sim, temos várias opções nessa área como o Cinelerra.

Nos próximos meses teremos mais uma opção de para trabalhar com edição não-linear de vídeo totalmente baseado em código aberto. O software conhecido como Lightworks será lançado e distribuído usando uma licença de código aberto. Sim, a ferramenta foi anunciada como de código aberto em Abril desse ano, e como a data para o lançamento foi o final de 2010, estamos provavelmente muito próximos da versão pública do Lightworks de código aberto.

lightworks.jpg

Mas, essa ferramenta é realmente boa?

Nada como verificar uma lista de filmes e produções para TV que usaram o Lightworks para a montagem e edição do seu material, para comprovar que a ferramenta é adotada em larga escala por estúdios e produtoras de vídeo.

A presença desse tipo de opção no formato de software de código aberto pode mudar significativamente a quantidade de pessoas que usa softwares nesse formato, trazendo cada vez mais diversidade e opções para ambientes Linux. Segundo o comunicado da empresa, os planos são de lançar uma versão do Lightworks para Windows ainda esse mês, e no início de 2011 trazer a versão para Linux.

Assim que tiver notícias sobre esse lançamento, aviso aqui no Blog. Fico imaginando se o marketshare do Premiere deve cair quanto esse tipo de software for lançado, pois muitas das pessoas que adotam a ferramenta na plataforma Windows devem migrar para a solução de código aberto.