Quatro móveis gratuitos para download

Alguns artistas digitais especializados em visualização para interiores acabam compartilhando seus modelos 3d próprios, como forma de divulgação do seu trabalho. Para quem ainda está aprendendo ou gostaria de aumentar a sua biblioteca de recursos, é uma ótima oportunidade de adicionar material de qualidade e gratuito na sua biblioteca.

Hoje você tem a oportunidade de fazer o download de quatro modelos de móveis gratuitos, que fazem parte de uma dessas iniciativas.

Um artista chamado Evan Popilnukha compartilhou na sua conta do Gumroad quatro modelos de móveis gratuitos para download. No total são quatro modelos 3d que só podem ser copiados de maneira individual na conta do autor.

quatro modelos de móveis gratuitos

Os quatro modelos de móveis gratuitos para download são:

Entre os quatro modelos de móveis gratuitos para download você vai encontrar na cama o grande destaque. Os outros objetos são relativamente simples e não tem grandes detalhes, mas a cama possui grande quantidade de detalhes.

Só a cama possui quase 100MB em tamanho e oferece detalhes como o tecidos, almofadas e travesseiros com texturas aplicadas. É um excelente recurso para uso em projetos relacionados com a visualização de dormitórios.

O formato dos arquivos nos quatro modelos de móveis gratuitos para download é outro destaque. Assim como o próprio autor descreve, o material está salvo no formato do 3ds Max 2018. Mas, para alegria de quem não possui uma cópia do software instalado, existe também a opção de download em formato OBJ.

Dentro do próprio arquivo ZIP dos móveis você encontra as versões em OBJ.

Como fazer o download no Gumroad sem custo? É sempre bom explicar, pois alguns leitores que não costumam ler o artigo e visitam os links de imediato, acabam se assustando ao encontrar um campo de compra para informar o valor do download.

Para fazer o download dos quatro modelos de móveis sem custo, é preciso informar o valor como zero no campo do valor. Caso contrário o download não é iniciado.

Usando os quatro modelos de móveis gratuitos

Quer usar os quatro modelos de móveis gratuitos nos seus projetos? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos e treinamentos que podem ajudar você a usar e criar imagens com base nesse tipo de recurso:

Como converter arquivos max sem o 3ds Max?

Ao longo do desenvolvimento de qualquer projeto relacionado com visualização ou jogos, você pode encontrar um recurso valioso que pode ajudar no seu ambiente. Mas, você tem um problema. O arquivo está no formato max. Então você se pergunta: Como converter arquivos max sem o 3ds Max?

Os arquivos dos softwares da Autodesk são relativamente difíceis de trabalhar, se você não possui os softwares nativos para cada software. No caso dos arquivos max a coisa é ainda mais complicada, pois você basicamente só consegue abrir os arquivos com o 3ds Max.

Mas, sabia que existe uma forma de converter arquivos max sem o 3ds Max?

Converter arquivos max sem o 3ds Max

Para conseguir converter arquivos max sem o 3ds Max é preciso usar um serviço online chamado Yobi 3D. Nesse serviço você pode fazer o upload de um arquivo max, e solicitar a conversão para formatos como OBJ ou FBX.

Tudo é feito de maneira gratuita!

Será que funciona?

Para testar o serviço, resolvi fazer um teste que envolve pegar um arquivo do 3ds Max na versão 2016 que tem o famoso Utah teapot. Fiz o upload do arquivo para o Yobi 3D e pedi a conversão para OBJ.

converter arquivos max sem o 3ds Max

Depois de algumas tentativas, pois nas duas primeiras a conversão falhou, consegui fazer o download do arquivo OBJ.

Aqui está o Utah Teapot do 3ds Max no Blender!

converter arquivos max sem o 3ds Max

O serviço de conversão é de grande utilidade para artistas 3d que estão desenvolvimento projetos, e acabam precisando de um modelo 3d ou animação em max.

Algumas coisas que você deve tomar cuidado ao converter arquivos max sem o 3ds Max no Yobi 3D:

  • Os arquivos não podem ter mais de 30MB
  • O sistema funciona com uma “fila virtual”. Sua conversão pode falhar por sobrecarga no servidor
  • Dependendo da complexidade do modelo 3d, pode demorar até a conversão ser finalizada

Essa é sem sombra de dúvida a melhor alternativa para converter arquivos max sem o 3ds Max, que é totalmente gratuita.

Aprenda modelagem 3d

Quer aprender modelagem 3d em diversos softwares para uso em jogos ou outros projetos? No EAD – Allan Brito você encontra diversas opções de treinamentos no Blender, 3ds Max e outros:

Como exportar 3D do AutoCAD em OBJ?

Em qual software você costuma começar seus projetos relacionados com visualização 3D? Uma boa parcela dos artistas prefere realizar a modelagem dos projetos no seu software mais familiar. Isso representa não só um aumento na produtividade, mas também acaba se tornando um pequeno problema em termos de fluxo de trabalho. Por exemplo, se o seu software preferido não exportar arquivos em formatos amigáveis?

Os formatos chamados amigáveis são os que possuem bom histórico de compatibilidade com múltiplas ferramentas como é o caso do OBJ, que é aceito por praticamente todos os softwares. É bem diferente de formatos proprietários como o DWG, que limitam o ecossistema apenas aos produtos da Autodesk, ou que tenham capacidade de usar essas informações.

Se o seu software de preferência for o AutoCAD, você possui poucas opções relacionadas com a saída dos seus projetos para outros softwares. Quer expandir as possibilidades de uso do AutoCAD? Com o uso de um pequeno script desenvolvido em AutoLISP você será capaz de exportar modelos 3d criados no AutoCAD para OBJ.

Para fazer o download do script basta visitar esse endereço, que leva até o fórum Blenderartists. O script foi criado por um desenvolvedor chamado 1D_Inc, que mantém as versões e informações sobre a ferramenta atualizadas diretamente no fórum.

autocadobj_500_px_85

Qual a vantagem em usar o formato OBJ como saída do AutoCAD? A resposta é simples: flexibilidade. Com o uso do formato OBJ você tem mais opções para manipular as informações que saem do AutoCAD. Por exemplo, será possível importar os arquivos para softwares que não tem suporte pleno ao DWG. O próprio Blender não tem dificuldades com o DWG, mesmo usando scripts em Python para ajudar.

Como os arquivos OBJ são baseados em texto será fácil aplicar sistemas de automação para fazer a conversão em outros tipos de arquivos para uso no SketchUp e até mesmo sistemas baseados em VR. As opções são as mais diversas.

Aprendendo modelagem 3D e AutoCAD

Você tem interesse em aprender a trabalhar com o desenvolvimento de modelagem 3d para os mais variados propósitos? Recomendo visitar o EAD – Allan Brito e conferir os diversos cursos relacionados com o tema disponíveis no site:

Blender e SketchUp: Modelagem e renderização gratuita

O SketchUp é um software excelente para modelagem 3d voltada para arquitetura, apesar de possuir limitações quanto as suas ferramentas nativas, que podem muito bem serem expandidas com plugins, é uma opção bem aceita no mercado de arquitetura e engenharia para criar modelos 3d. Mas, o ponto fraco do SketchUp é a renderização dessas imagens, pois apesar do software não ser voltado especificamente para visualização, podemos gerar imagens renderizadas com aparência mais estilizada. É possível gerar imagens realistas com o SketchUp usando diversos plugins e renders externos como o V-Ray ou mesmo Maxwell Render, porém todos esses softwares exigem que o usuário adquira uma licença de uso dos mesmos, o que pode ser complicado para alguns usuários.

A boa notícia é que podemos usar em conjunto o SketchUp com o Blender para obter a facilidade da modelagem do SketchUp, e usar o poder de renderização do Blender Cycles, para conseguir gerar imagens realistas sem a necessidade de adquirir novas licenças de software. Nesse caso o SketchUp possui uma versão gratuita e o Blender é gratuito por natureza. Já abordei o uso dos dois softwares em conjunto no passado, e retorno ao assunto hoje apresentando um vídeo bem completo sobre o tema que mostra os passos e desafios para conseguir modelar projetos no SketchUp e exportar os arquivos para o Blender.

Exportando do SketchUp para o Blender

O procedimento para modelagem no SketchUp deve seguir o ritmo e técnicas tradicionais para gerar a geometria do objeto. O vídeo a seguir mostra todos os passos necessários para conseguir renderizar com sucesso seus projetos oriundos do SketchUp no Blender Cycles.

A técnica consiste em exportar o arquivo do modelo 3d produzido com o SketchUp para o formato DXF, que é suportado tanto pela versão gratuita do software como pelo SketchUp Pro. Depois que o arquivo é exportado para o formato DXF é necessário usar um software da Autodesk chamado FBX Converter para converter o modelo 3d duas vezes. A primeira conversão é para o formato FBX e a segunda para OBJ. Os arquivos OBJ são suportados de maneira nativa pelo Blender, e apresentam muito menos problemas que os modelos 3d importados em COLLADA.

É um pouco trabalhoso, mas isso garante duas coisas:

  • A passagem do modelo 3d para o Blender com o mínimo de problemas
  • O uso da versão gratuita do SketchUp para gerar os modelos 3d

Com a geometria devidamente importada para o Blender, precisamos apensa trabalhar nos ajustes do próprio Cycles, que seriam os materiais e texturas somados com a iluminação da cena.

A minha recomendação é a de sempre tentar aproveitar ao máximo os materiais e configurações das texturas do renderizador escolhido para gerar as imagens, pois isso evita problemas de mapeamento e principalmente garante o realismo das superfícies na imagem. Nesse caso, apesar de ser tentador configurar as texturas no SketchUp, é melhor fazer todo o procedimento de configuração das texturas no Blender. Isso garante que tudo será gerado de acordo com o que você deseja.

Nesse caso será preciso aprender um pouco do que o Blender oferece em termos de gerenciamento de materiais e texturas, mas é algo que você fará apenas uma vez, e depois poderá até mesmo usar a flexibilidade do render por GPU do Cycles, caso possua uma placa de vídeo da NVIDIA.

Blender e SketchUp para arquitetura

O uso de softwares como o Blender em conjunto com o SketchUp pode trazer inúmeros benefícios para os artistas que escolhem adotar plataformas de desenvolvimento gratuitas. Como forma de vencer o desafio inicial que é conhecer as ferramentas necessárias para conseguir gerar modelos 3d e renderizar usando os dois softwares, recomendo alguns cursos do EAD – Allan Brito:

Download gratuito de guarda-roupa e cama detalhados em 3d

A criação de ambientes realistas envolve uma boa combinação de iluminação, materiais, texturas e principalmente modelos 3d com boa quantidade de detalhes. Esses detalhes podem algumas vezes serem adicionados junto com as texturas, mas as vezes o nível de precisão e qualidade necessária requer até mesmo o uso de técnicas como a escultura digital. É por isso que softwares 3d que suportam escultura são úteis a ponto de permitir transformar um modelo 3d poligonal em algo muito mais orgânico.

Apesar dos softwares 3d oferecerem a possibilidade de trabalhar com a criação desse tipo de objeto detalhado, sempre é importante separar modelos 3d prontos e com boa quantidade de detalhes, para usar em projetos que demandam níveis altos de realismo. Esse é o caso dos downloads que vou recomendar nesse artigo, que devem ajudar muitos artistas 3d. Os profissionais que trabalham com design de interiores, sabem que o diferencial de um bom projeto e também das renderizações está nos detalhes. E o que poderia ser melhor quando representamos um quarto do que possuir modelos 3d de guarda-roupas já com peças de vestuário? Se você ainda não tem um modelo 3d assim, recomendo uma visita a esse endereço para fazer o download gratuito de um guarda-roupa com cabides e vestuário em 3d.

download-gratuito-guarda-roupa-3d.jpg

download-gratuito-guarda-roupa-3d.png

A quantidade de detalhes dos modelos 3d é impressionante, e posso dizer sem sombra de dúvida que esse é um modelo 3d High Poly. Pela minha contagem de polígonos aqui no Blender, o modelo 3d chega a ter quase 1.400.000 faces! A manipulação desse modelo 3d em computadores mais antigos pode ser um grande desafio para a paciência, pois uma simples alteração na viewport pode demandar alguns segundos para atualizar a tela.

Além do modelo 3d do guarda-roupa você ainda pode copiar também um modelo 3d de cama com grande nível de detalhe!

Qual o formato de arquivo em que os modelos 3d estão disponíveis? O primeiro formato que conta inclusive com ajustes de materiais é o “.max” otimizado para renderização com o V-Ray. Mas, para as outras pessoas não usuárias do 3dsmax o artista foi gentil o suficiente para disponibilizar o mesmo modelo 3d em OBJ e FBX. Portanto, os usuários de qualquer software 3d como é o caso do Blender e até mesmo o SketchUp com ajuda de plugins, podem importar sem grandes problemas os arquivos OBJ.