Dicas Photoshop: Usando grupos no photoshop

Um dos recursos que é comum aos softwares gráficos de maneira geral são as camadas, que são encontradas em praticamente todos os softwares. Apenas em alguns deles as camadas acabam assumindo papel ligeiramente diferente como é o caso dos softwares de CAD ou 3D. Mas, em todos os outros é possível encontrar a opção de organizar um projeto em camadas.

A função primordial das camadas nesse caso é controlar a ordem com que os gráficos são exibidos na tela. Quais elementos estão na frente ou atrás da composição?

Quando estamos começando a usar esse tipo de ferramenta é muito comum sair adicionando as camadas à medida que vamos precisando delas. Tem um novo gráfico? Adicione uma nova camada e faça as edição necessárias.

Esse é o comportamento tradicional dos artistas digitais quando usam softwares como o Photoshop. Mas, ao trabalhar com projetos ligeiramente mais complexos é bem possível que você esteja criando um problema no longo prazo. Pois, a tendência é que tudo acabe se tornando uma camada.

Um arquivo PSD com mais de 100 camadas acaba se tornando um desafio pelo lado da organização do conteúdo, junto com a parte criativa. Como é que você vai organizar todo esse material?

Nesse artigo, vou mostrar uma opção do Photoshop que ajuda na organização desse tipo de conteúdo. São os chamados grupos de camadas ou pastas. O funcionamento é semelhante ao que temos nas nossas pastas de arquivos. Você pode adicionar múltiplas camadas em um único grupo, para que as mesmas fiquem “reunidas” dentro dessa categoria.

Quando você precisar realizar uma tarefa no Photoshop que exija a edição desse agrupamento como um todo, basta aplicar o processo na pasta. Por exemplo, algo simples como ocultar múltiplas camadas de uma só vez.

Grupos no Photoshop

Para criar esse recurso no Photoshop, você precisa apenas selecionar o painel de controle das camadas e clicar na opção que adiciona um grupo.

grupos no photoshop

Se você não tiver camadas, pode adicionar algumas diretamente no painel com o grupo selecionado. Assim, todas as novas camadas são adicionadas diretamente no grupo marcado. Outra opção é clicar e arrastar as camadas para a área correspondente ao que você possui na pasta.

grupos no photoshop

Dessa forma você mantém seus projetos no Photoshop organizados e sob controle! Mesmo que eles sejam formados por algumas dezenas ou centenas de camadas.

Aprenda a usar o Photoshop

Ainda não sabe usar o Photoshop? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos e treinamentos que podem ajudar você a usar o Photoshop para edição de imagens, ou mesmo aplicações mais específicas como arquitetura:

Aprenda edição e tratamento de imagens com Photoshop

Um artista digital precisa realizar diversas tarefas relacionadas com edição, seja para a produção de material relacionado com vídeo, imagens ou jogos. Se existe um tipo de tarefa que é demandada por praticamente todos os campos de trabalho, é a edição e manipulação de imagens.

Pode ser para tratar texturas ou ajustar defeitos em imagens, você em algum momento vai precisar tratar imagens digitais. Nesse quesito o Photoshop é uma das principais opções relacionadas com o tratamento de imagens.

No EAD – Allan Brito já tínhamos um curso voltado para esse tipo de tarefa, mas usando o GIMP. Os artistas que tinham como objetivo o uso do Photoshop sempre nos perguntaram sobre material relacionado com Photoshop, para fins de edição.

É com muito orgulho que anunciamos o lançamento de um curso dedicado apenas ao uso do Photoshop para tratamento e edição de imagens! No curso sobre edição e tratamento de imagens com Photoshop você aprende a usar a ferramenta para melhorar suas imagens digitais.

O curso é voltado especificamente para tarefas relacionadas com edição e ajustes de imagens. Seja para remover pequenos defeitos ou melhorar aspectos como a cor das imagens.

Aqui estão alguns dos tópicos abordados no curso:

  • Alterar propriedades das imagens
  • Isolar partes das imagens para edição
  • Transformar e cortar imagens
  • Aplicar ajustes de cor e luminosidade
  • Retocar e restaurar fotografias
  • Trabalhar com camadas de ajustes não-destrutivas
  • Remover pessoas e objetos de fotos
  • Exportar fotos para compartilhamento

Entre os destaques fica a edição e manipulação de informaçoes em fotografias, como a restauração e remoção de defeitos em imagens. Por exemplo, em alguns dos exercícios apresentados no curso você aprende a “limpar” a pele de algumas modelos e até mesmo alterar expressões faciais.

O Photoshop possui uma ferramenta especializada que reconhece as faces das pessoas, e por meio de manipulação digital dos pixels consegue até mesmo fazer as mesmas sorrirem, caso não tenham feito isso no momento em que a imagem foi capturada.

Esse curso é uma adição importante para a lista de material do EAD – Allan Brito e vai ajudar você no domínio do Photoshop para tratar e editar imagens digitais.

Aprenda a usar fazer edição de imagens

Quer aprender ainda mais sobre edição de imagens digitais? No EAD – Allan Brito você encontra uma série de cursos relacionados com o tratamento e edição de imagens:

Etiqueta profissional: Dicas para o Photoshop

O que você entende por etiqueta? São aquelas regras que aprendemos desde cedo e que ajudam na convivência civilizada entre pessoas nos mais diferentes ambientes. Mas, e a etiqueta profissional? Ela pode se mostrar nas mais variadas formas e com artistas digitais isso não é diferente.

Como você se comporta quando precisa passar arquivos ou material de projetos para outros profissionais? Seus arquivos possuem nomes que identificam o projeto? Tudo está organizado em diretórios específicos? A etiqueta profissional ajuda não só na convivência entre pessoas da mesma equipe, mas até mesmo nos ambientes acadêmicos.

Foi pensando nesse tipo de situação que surgiu o projeto Photoshop Etiquette que é direcionado especificamente para uso do Photoshop. Mas, depois de analisar as regras de etiqueta profissional recomendadas pelo projeto, percebi que os conceitos se aplicam em praticamente todas as áreas.

Etiqueta profissional

No Photoshop Etiquette você encontra uma série de guias e textos, que podem ser copiados de maneira gratuita no formato PDF. Tudo organizado nas seguintes categorias:

  • Arquivos
  • Camadas
  • Recursos (Assets)
  • Tipografia
  • Efeitos
  • Qualidade

Alguns dos tópicos são específicos sobre o Photoshop como é o caso das camadas e tipografia, mas podemos extrapolar os mesmos conceitos para outras ferramentas fazendo pequenas adaptações. Por exemplo, os nomes dos arquivos são universais. Mesmo que você use softwares como AutoCAD, Blender, SketchUp ou outros é possível usar as mesmas convenções para nomes.

Já para o caso de camadas, é possível usar os mesmos conceitos também mas com as camadas sendo usadas para outros princípios. Esqueça as máscaras ou efeitos, e lembre que os nomes das respectivas camadas podem ajudar na identificação do conteúdo dentro de cada grupo.

Qual a vantagem em visitar e usar esses conceitos dentro do Photoshop Etiquette? A grande vantagem é conseguir atribuir para os seus projetos uma organização e etiqueta profissional que será valorizada nos mais diversos ambientes.

O ponto negativo é que tudo está em inglês, mas é de fácil leitura e com linguagem simples. Vale a leitura e consulta.

Etiqueta profissional

Ainda não faz idéia de como usar o Photoshop para seus projetos de design ou arquitetura? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos que ajudam a entender e usar softwares de design. Aqui estão os cursos recomendados:

Plugin gratuito para o Photoshop: Lazy Save

As tarefas que realizamos no Photoshop são as mais diversas, mas independente do que você pretende fazer no software sempre precisamos fazer a seleção do melhor formato de saída. Essa saída do software pode ser realizada de várias formas. Quando seu projeto exige que múltiplos formatos sejam usados aparece um pequeno contratempo. É preciso selecionar os formatos repetidas vezes. Um plugin gratuito para o Photoshop pode ajudar a reduzir o tempo quando isso acontece.

Com o Lazy Save você consegue selecionar dentro da interface do Photoshop os formatos desejados para a saída, e o script consegue gerar em lote todos os arquivos necessários. O processo fica bem simplificado, pois tudo acaba sendo gerado sem a necessidade de acessar o mesmo menu repetidas vezes.

É uma ferramenta essencial para o Photoshop? Acredito que não seja possível afirmar que o Lazy Save possa ser classificado dessa forma, mas é algo que se enquadra melhor como uma ferramenta de produtividade. O foto desse plugin gratuito para o Photoshop é a produtividade.

Plugin gratuito para o Photoshop

Com o uso de algo como o Lazy Save você consegue economizar muito tempo em tarefas simples. Basta imaginar o tempo que você perde ao precisar acessar os menus repetidas vezes, por vários dias seguidos enquanto você trabalha no Photoshop.

Quem precisa exportar arquivos no Photoshop em múltiplos formatos? Na maioria das vezes os artistas que necessitam gerar arquivos em formatos como JPG, PNG, TIF ou outros são os que lidam com conteúdo web ou mesmo texturas.

O Lazy Save pode ajudar bastante você a otimizar seu tempo de edição. Já mencionei que esse é um plugin gratuito para o Photoshop?

Manipulação de imagens

Aprenda a trabalhar não só com o Photoshop em contextos como arquitetura, mas também com o GIMP para editar fotografias. Com os cursos do EAD – Allan Brito você consegue aprender a trabalhar com manipulação de imagens em diversos contextos:

Curso de Photoshop para arquitetura

Um artista digital precisa possuir diversas habilidades para conseguir criar de maneira mais rápida seus projetos sejam eles fruto de softwares 3d ou ilustrações tradicionais. Mas, se existe uma coisa que todos deveriam priorizar é a manipulação digital de imagens! Em algum momento durante o processo de criação você vai ter a necessidade de editar, ajustar ou corrigir uma imagem ou fotografia. Quando o assunto é manipular imagens digitais o Photoshop é o software que surge como um dos mais usados e conhecidos do mercado, e o seu uso é comum o suficiente para que já seja associado ao fato de manipular imagens, mesmo que não tenha sido no software.

Você quer aprender a usar o Photoshop com foco em uma área particular como a arquitetura? Pois o EAD – Allan Brito acaba de lançar mais um curso para o seu portfólio, e dessa vez foi o curso de Photoshop para arquitetura que ensina a usar o software com foco na edição de fotografias, imagens renderizadas e até desenhos técnicos com o Photoshop.

O curso está organizado em um total de 8 aulas que abrangem desde os conceitos básicos de armazenamento e compressão de imagens, até o uso das ferramentas nativas de edição 3D com o Photoshop.

031-Capa-500.jpg

Essa é a lista de aulas e conteúdos abordados no curso:

  • Aula 01 – Entendendo o Photoshop para arquitetura
  • Aula 02 – Correção de fotografias
  • Aula 03 – Técnicas de edição não-destrutiva no Photoshop
  • Aula 04 – Seleção e extração de objetos em fotografias
  • Aula 05 – Editando o conteúdo de fotografias e renderizações
  • Aula 06 – Modificando imagens no modo perspectiva
  • Aula 07 – Editando ilustrações 2D do AutoCAD no Photoshop
  • Aula 08 – Ferramentas de edição 3D do Photoshop para arquitetura

Um dos destaques do curso, e que considero ponto decisivo para a escolha do software, é a possibilidade de fazer correções em renderizações. Você já deve ter passado pela situação de gerar imagens 3d, e descobrir que alguma coisa estava errada nas texturas ou um objeto que deveria estar oculto acabou aparecendo. Precisa renderizar outra vez? Não! Use o photoshop e altere a imagem. Nesse sentido a aplicação do photoshop para arquitetura é perfeita!

Com o curso de Photoshop para arquitetura você desenvolve habilidades específicas com o software que podem ser aproveitadas nos mais variados tipos de projetos, desde uma simples montagem fotográfica para projetos até mesmo o ajuste de renderizações com problemas, que podem ser corrigidas em alguns minutos no Photoshop sem a necessidades de horas renderizando novamente.

Aprimorando seus conhecimentos na produção para arquitetura

Gostaria de aprimorar ainda mais os seus conhecimentos sobre o uso do softwares e ferramentas para arquitetura? No EAD – Allan Brito existem outros cursos que podem ser do seu interesse: