After Effects e element 3D no filme Star Trek

As sequências de abertura para filmes são muitas vezes o momento que os produtores e principalmente o diretor tem de adicionar elementos gráficos diferencias, e que ao mesmo tempo mostram o “tom” com que a história será desenvolvida. Já mostrei diversas sequências de abertura aqui no blog no passado, e hoje você terá a oportunidade de conhecer como os gráficos para a abertura do último filme da série Star Trek foi criada usando o After Effects. Caso você não tenha assistido ao filme ainda pode ficar tranquilo pois o vídeo não revela nada além da equipe criativa do filme!

After Effects e Element 3D

O vídeo que é apresentado a seguir mostra como a sequência de abertura foi criada usando nada mais do que um único software com a ajuda do plugin element 3D. Sim, apenas o After Effects foi usado para gerar toda a sequência de abertura. Antes de continuar, assista ao vídeo com a entrevista e descrição do processo:

É possível usar material em 3D assim só no After Effects? Claro que sim, até mesmo sem a necessidade do Element 3D é possível aproveitar os recursos existentes no After Effects como é o caso da versão reduzida do Cinema 4D que acompanha o After Effects CC.

Mas, aposto que você ficou curioso para saber mais sobre esse plugin element 3D que foi usado na abertura! O software foi desenvolvido pelo pessoal do Videocopilot e funciona muito bem dentro do After Effects. O seu funcionamento é relativamente simples, sendo baseado na criação de um sólido dentro de qualquer composição no After Effects. Ao selecionar o sólido podemos abrir o painel de controle do element 3D que permite selecionar modelos 3d e personalizar diversas das suas características.

O software mistura modelos 3d e partículas para permitir o uso de material virtual com as poderosas opções de tracking e câmeras virtuais do After Effects. O resultado é fácil de conferir na sequência de abertura do Star Trek. Qual o custo do Element 3D? O plugin é relativamente barato se formos comparar o orçamento do filme! Segundo a página oficial do plugin o seu valor hoje é de aproximadamente 150 dólares, o que é muito mais barato do que um software 3d.

Tutorial 134: Animação de personagens com o Puppet pin tool no After Effects

A animação de personagens para vídeo exige muito trabalho por parte do animador, principalmente se o artista preza pela qualidade e suavidade dos movimentos. É necessário em diversos projetos envolvendo animação de personagens trabalhar no desenho e reprodução de várias partes dos personagens, para conseguir criar movimentos fluidos e seguir o roteiro da animação. Um dos softwares mais usados para animação 2D em vídeo é o After Effects, que também funciona muito bem como plataforma para animação de personagens. Entre as ferramentas do After Effects existe uma chamada Puppet pin tool que ajuda de maneira significativa na animação de personagens 2D. Quer aprender como funciona essa ferramenta no After Effects?

Animação de personagens

Animação de personagens com After Effects

No tutorial 134 que está disponível no meu canal do Youtube, ensino como é possível usar a Puppet pin tool para deformar imagens de personagens 2D para animação. O After Effects possui um sistema de hierarquias para camadas que ajudam na construção de rigs para animação complexos, mas não funcionam muito bem quando temos personagens baseados em imagens do tipo bitmap únicas. Se o seu objeto é criar animação de personagens, a Puppet pin tool é a solução para as situações em que você precisa animar imagens, e até mesmo fotografias.

A seguir o tutorial em vídeo:

Gostou do vídeo? O que acha de avaliar ou comentar? Ainda não é assinante do meu canal no Youtube? Assine aqui para receber antes que todos as atualizações.

Com o uso da ferramenta você consegue deformar de maneira sutil, e até mesmo esticar bem imagens compostas e criar animações sem a necessidade de usar rigs baseados em hierarquias. O único cuidado com o uso dessa ferramenta é que dependendo da forma com que a imagem está, e também a pose do personagem, pode ser bem complicado não deformar de maneira irremediável a estrutura. No meu exemplo acabei não conseguindo deformar os braços do personagem, pois os mesmos estavam “grudados” no corpo e dificultando a edição.

Isso é tudo que o After Effects consegue fazer? Claro que não! Com a ferramenta é possível gerar animação de personagens em diversos formatos e tipos. Para mais informações sobre o After Effects, recomendo uma visita ao EAD – Allan Brito na área específica com cursos sobre After Effects. Um deles é inclusive gratuito e apresenta o software para pessoas iniciantes na ferramenta.

Animação de personagens no After Effects

A animação de personagens 2D para vídeo é um trabalho que envolve muita pesquisa e principalmente domínio da ferramenta usada, e claro o software ajuda muito no processo como um todo. Um dos softwares mais usados para criar animação 2d é o After Effects, e apesar da maioria das pessoas não associar o software da Adobe diretamente com animação 2D, o seu sistema de hierarquias para camadas é usado para criar exatamente o rigging desses personagens, facilitando a criação de animações. E para todos que gostariam de trabalhar com animação de personagens no After Effects, encontrei um artigo que agrega diversos tutoriais e exemplos sobre o tema.

São vários tutoriais agregados no mesmo endereço, e são mais do que recomendados para todos que gostariam de usar o After Effects em animação.

Animação de personagens no After Effects

Para começar a criar animações de personagens com o After Effects é necessário apenas conhecimento básico sobre a interface do software, e a sua complexa timeline e você já estará capacitado a criar pelo menos as primeiras animações. A animação de personagens no After Effects exige mais do artista em relação a gestão do tempo, e principalmente na criação das expressões e controle da animação como um todo.

Animação de personagens no After Effects

A ferramenta ajuda no processo de organização e produção, mas a animação ainda demanda grande quantidade de organização e planejamento para evitar erros e problemas ao longo da produção. O planejamento envolve o uso de documentos como:

O roteiro é o pilar de qualquer iniciativa de animação de personagens no After Effects, pois garante que o processo deve sempre ser direcionado em direção ao resultado final. Nesse tipo de projeto, qualquer alteração no enredo pode inviabilizar toda a animação, o que não é muito bom pois inevitavelmente acaba levando a prejuízos financeiros.

Ficou interessado no After Effects? O curso online básico gratuito de After Effects do EAD – Allan Brito, pode ser de grande ajuda para quem gostaria de começar a trabalhar e usar o software.

Novo layout e ferramentas do EAD – Allan Brito

Hoje é um dia muito importante para a história do blog e principalmente do EAD – Allan Brito, pois disponibilizei a nova versão do EAD – Allan Brito que é o maior upgrade em termos de interface e funções desde que o site foi lançado pela primeira vez ainda em meados de 2008. Esse é inclusive o motivo pelo qual estou um pouco afastado do blog, sem publicar textos já faz pelo menos duas semanas. Estive esse tempo todo trabalhando no upgrade, fazendo a migração do conteúdo dos cursos e principalmente organizando a migração para que a mesma fosse a mais suave possível para os usuários do site.

A mudança era necessária para ajudar na navegação dos cursos, pois o sistema estava grande e complexo de navegar. Estou com mais 3 cursos em produção e seria complicado de achar os cursos dentro da “confusão” do site antigo.

Se você está entre os usuários que já fizeram inscrição em algum dos cursos do site, deve ter recebido um e-mail hoje com as instruções de acesso para o novo site! Os outros usuários que participavam apenas dos cursos gratuitos precisam fazer novo cadastro para ter acesso ao conteúdo.

novo-EAD-AllanBrito.jpg

Mas, quais são as novidades do site? Entre as diversas novidades em termos de funcionalidade e opções podemos destacar:

  • Nova identidade visual
  • Layout “responsivo” que se adapta a smartphones e tablets
  • Liberação mais rápida dos cursos
  • Sistema de cupons de desconto
  • Melhor navegação nas aulas dos cursos
  • Barra de progresso em cada curso
  • Sistema dinâmico de combos (você monta o seu!)
  • Possibilidade de fazer pagamentos com PagSeguro e PayPal
  • Espaço para dúvidas e comentários em cada aula nos cursos pagos
  • Os estudantes tem a possibilidade de avaliar os cursos com notas de 1 a 5

De maneira geral essas são as principais novidades em termos de funcionalidades e ferramentas. A possibilidade de fazer inscrições pelo PayPal era um pedido antigo dos usuários que residem fora do Brasil, e agora você pode fazer a escolha tanto pelo PagSeguro como PayPal, o que facilita bastante o processo!

A possibilidade de trabalhar com cupons era um desejo antigo, que estou concretizando agora com o novo sistema! E para celebrar o lançamento do novo site, você pode aproveitar o cupom NOVOEADALLANBRITO que dá desconto de 20% sobre o valor de qualquer curso ou conjunto de cursos! Esse cupom pode ser usado até o dia 30/06/2013. Corra e aproveite!

E os cursos novos? Agora que a migração do site está completa, posso voltar a trabalhar na produção de conteúdo e material para o blog e principalmente publicar as aulas pendentes dos cursos que ainda estão com aulas faltando, e gravar os novos cursos para o site! Muita coisa boa está para aparecer lá, fique ligado! Por enquanto, faça uma visita e confira o novo visual do EAD – Allan Brito.

Tutorial animação: Interpolação de movimento com Flash e After Effects

O principal método para criar animações em sistemas informatizados é a chamada interpolação de movimento, em que podemos especificar posições chave para o software e determinar que o mesmo crie de maneira automática as posições intermediárias entre os dois pontos. A técnica é chamada de Tween em alguns softwares, e apesar do nome não ser unificado é possível encontrar o método de animação em praticamente todos os softwares. Esse é o caso do Flash e do After Effects que são duas das principais ferramentas da Adobe para criar animações para web e vídeo. O Flash hoje perdeu muito do seu público que produzia conteúdo para a web, mas ainda é uma das principais opções quando falamos sobre animação 2D, e o After Effects é um dos nomes mais fortes em termos de animação e efeitos para vídeo, e praticamente uma unanimidade no Brasil.

Os tutoriais que selecionei hoje para relembrar o que já foi produzido e publicado no blog falam exatamente sobre animação por interpolação usando ambas as ferramentas. E o primeiro vídeo aborda o funcionamento e diferenças entre o chamado Tween e Classic Tween no Flash. Até alguns anos atrás o Flash só tinha um tipo de Tween para movimento, mas desde a versão CS4 a Adobe adicionou duas variantes do Tween.

No After Effects o processo de animação é um pouco diferente do Flash, pois temos a sua timeline que é distinta em relação a praticamente todos os softwares que conheço. Alguns projetos mais complexos no After Effects exigem até mesmo documentação para o que está presente na timeline, pois um artista que receba os arquivos fonte para trabalhar em atualizações do projeto, pode demorar várias horas até entender como tudo foi criado.

Mas, depois de entender o funcionamento da timeline, o After Effects se mostra um software de animação fantástico e muito flexível, o que justifica a sua fama em ser uma das principais ferramentas de animação para vídeo.

Os dois vídeos apresentam basicamente a mesma coisa, mas com interfaces e mecânicas diferentes de configuração. Mas, no final é tudo interpolação de movimento. É por isso que sempre digo para meus alunos, que uma vez assimilada a técnica é possível reproduzir os efeitos em qualquer software!

Para os que quiserem aprender mais sobre o After Effects, recomendo uma visita ao EAD – Allan Brito que possui um curso gratuito online sobre o After Effects.