Blender 2.8 para animação 2D com Grease Pencil

O Blender 2.8 está trazendo diversas novidades relacionadas com interface e recursos para os usuários do software. Uma das áreas que irá sofrer uma grande evolução no software, e que não está aparecendo tanto aqui no site é a parte de animação 2D.

Já é possível fazer muita coisa com os recursos relacionados à animação 2D no Blender com o Grease Pencil hoje, mas o Blender 2.8 irá adicionar ainda mais recursos nesse tipo de produção.

Os exemplos relacionados com animação 2D com Grease Pencil no Blender 2.8 já estão aparecendo na Web e você deve ficar empolgado(a) com as possibilidades.

Com esses novos recursos será viável trabalhar com o Blender em ambientes de produção voltados para animação 2D, fato que está atraindo diversas associações e estúdios especializados em animação.

Isso se reflete no recente apoio que a ASIFA Hollywood está oferecendo no desenvolvimento do Blender. Essa é uma sociedade em que todos os grandes estúdios de animação fazem parte. Eles agora são patrocinadores Titanium do Blender.

Claro que os benefícios não são apenas para os grandes estúdios de animação, pois a natureza aberta e gratuita do Blender irá proporcionar essas mesmas ferramentas para todos. Se você tem uma idéia para fazer animação 2D, o Blender pode ajudar.

Quer mais ainda? Um dos projetos relacionados com o Google Summer of Code desse ano já está prometendo levar o render do tipo NPR para outro nível. Já ouviu falar do LANPR?

É um novo render que será incluído no Blender que promete visualização em tempo real para imagens NPR. Os renders que não tem como objetivo o realismo.

O novo recurso promete revolucionar a visualização de projetos no Blender de maneira semelhante ao que fez o Eevee. Mas, voltado para render não realista.

Ainda não existem versões de teste para avaliar o uso do LANPR, mas assim que estiverem disponíveis compartilho no blog.

Comece a usar o Blender 2.8

Quer começar a usar o Blender 2.8 hoje mesmo? No EAD – Allan Brito você já encontra diversos workshops e treinamentos relacionados com o software:

Hero: Animação 2D no Blender com Grease Pencil

O Blender apresenta uma gama impressionante de recursos para os artistas digitais que escolhem o software como plataforma de criação. Além de ser uma ferramenta capaz de gerar gráficos 3d realistas, é possível também criar jogos e animação 2D. Sim, animação 2D usando o Grease Pencil.

Na próxima grande atualização do Blender o Grease Pencil vai receber diversas melhorias e recursos, para tornar o software ainda mais atrativo para esse tipo de produção.

Quer ver um exemplo de como as animações 2D são criadas no Grease Pencil? O animador Daniel E. Lara, que é um dos responsáveis pela evolução do Grease Pencil criou uma pequena animação chamada Hero como prova de conceito.

O resultado é impressionante. Assista o vídeo até o final para conferir um pequeno “Making Of”.

Se você quiser aprender como o Grease Pencil funciona, temos um curso completo sobre ele no EAD – Allan Brito.

Por qual motivo alguém iria usar o Blender para fazer a produção de material relacionado com animação 2D? Existem diversas vantagens em usar o Blender para esse tipo de produção. A primeira delas é difícil de bater, que é o custo. O Blender é totalmente gratuito e de código aberto.

A segunda vantagem é a possibilidade de integrar seus projetos de animação em um ambiente totalmente tridimensional.

Mas, as animações não deveriam ser 2D?

O render e estilo usados nas animações são bidimensionais, mas o ambiente em que você cria o material é totalmente tridimensional. Como vantagem desse tipo de plataforma você tem uma câmera virtual livre, que pode se movimentar para qualquer direção.

Além da câmera você pode “brincar” com o posicionamento e criação de cenários que só aparecem para a câmera. Se você assistiu ao vídeo até a sua parte final, algumas imagens mostram um pouco da produção. Inclusive algumas telas do Blender com a momtagem final do projeto.

Pacote gratuito de animação 2D no Blender

Quando você pensa em um software 3d para animação, qual é o primeito tipo de conteúdo que você imagina? É bem provável que animações tridimentionais. Mas, você sabia que muitas das animações 2D que assistimos hoje são feitas em softwares 3d?

Os motivos para criar esse tipo de material em softwares 3d são os mais diversos, mas envolvem algumas vantagens. Como o fato do ambiente tridimensional possibilitar trabalhar com amplos movimentos e a adição de luzes no cenário.

Existe alguma ferramenta apropriada para começar a fazer esse tipo de material? Algum plugin ou Add-on no Blender?

Caso você queira começar a fazer esse tipo de material no Blender, existe um pacote chamado Flattie Folks Animation Toolkit. O material não é um plugin, mas um template que você pode usar para fazer animações em 2D no Blender.

Quer a melhor parte? O pacote é completamente gratuito. Para fazer o download é necessário apenas visitar o endereço indicado no parágrafo anterior.

Mas, como é que o pacote funciona?

O Flattie Folks Animation não é um Add-on para o Blender como já citamos, mas um template que já possui diversos recursos para criar animação 2D prontos.

Por exemplo, já existe um personagem humanóide 2D pronto para ser animado no software. Esse mesmo personagem é formato por partes móveis, em um formato conhecido como Cutout.

Nesse formato é possível separar os membros dos personagens para animação, ou então personalizar a estrutura. Basta trocar os gráficos. São personagens que já estão totalmente em duas dimensões.

Se você está com dificuldades para conseguir criar projetos relaiconados com animação de personagens 3d, o Flattie Folks Animation pode ser de grande ajuda. A animação 2D apresenta um workflow com desafios diferentes do 3D.

A diferença está no processo de saída que não envolve os pesados renders.

Outra opção interessante para animação 2D gratuita é o OpentoolZ.

Aprenda a trabalhar com animação

Quer trabalhar com animação em softwares como Blender? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos que podem ajudar você a criar animação em 3D ou 2D. Aqui estão alguns dos cursos sugeridos:

Tutorial 148 – Flash CC 2014: Usando clipes de filme

A animação 2d é uma arte que exige conhecimentos e técnicas que podemos dizer serem universais em relação ao animador, mas que também apresentam desafios e problemas que são únicos ao seu ambiente bidimensional. Até poucos anos atrás um dos maiores expoentes em relação à animação para web e também 2d era o Flash, que depois do advento dos dispositivos móveis e sua necessidade constante de economizar bateria precisou excluir o Flash da sua lista de tecnologias suportadas. Na época, muitas pessoas acreditavam que essa exclusão do Flash seria o fim da tecnologia, mas a Adobe acabou realocando o Flash como plataforma para animação 2d e o distanciou das animações voltadas para a web.

Hoje é muito comum encontrar artistas e estúdios produzindo animações 2d usando o Flash, pela sua natureza vetorial que ajuda muito ao longo do processo de criação.

Uma das ferramentas mais importantes dentro do contexto da animação usando o Flash são os chamados clipes de filme. Você sabe para que servem os clipes de filme no Flash? Para explicar exatamente o seu funcionamento e função, resolvi produzir um pequeno tutorial explicando como criar e usar clipes de filme uma situação comum de animação, o movimento dos olhos.

Com o uso de clipes de filme, podemos reaproveitar as animações geradas dentro do Flash e adicionar elementos que praticamente funcionam “sozinhos”. Esse é o caso dos olhos, em que podemos gerar o movimento apenas de um olho e replicar essa animação para conseguir otimizar essa animação.

Assista ao vídeo para entender a importância dos clipes de filme dentro do contexto de animação, e de quebra faça a animação para os olhos do seu futuro personagem virtual!

Animação 2D com Flash

Quer desenvolver as suas habilidades na animação 2d? Recomendo conferir os cursos sobre animação com Flash do EAD – Allan Brito, em que você pode ao mesmo tempo conhecer a tecnologia Flash no curso básico gratuito e também desenvolver habilidades próprias para animação 2d no curso específico sobre animação 2d com Flash:

Animação 2D para jogos: Spriter

Os recursos usados para a criação de jogos digitais são os mais diversos do ponto de vista da sofisticação visual e tecnológica, mas uma coisa não podemos negar em relação a produção desse tipo de ambiente interativo; usar animação é muito importante! As animações usadas na produção de jogos digitais podem estar em elementos “simples” como os menus com os quais o jogador deve interagir, ou então com os personagens. Na produção de jogos 2D a animação desempenha papel muito importante na criação do ambiente imersivo necessário para o sucesso de qualquer jogo. Com a ferramenta certa de animação 2D para jogos você pode concluir seus projetos de maneira muito mais rápida.

animação 2D para jogos

animação 2D para jogos

As animações para jogos 2D podem ser criadas de várias formas dependendo sempre da plataforma tecnológica usada para criar o jogo. Uma das opções mais usadas para jogos 2D é o Flash, que apesar de perder espaço de maneira gradativa e constante na área de interfaces e aplicações para a web, resiste bravamente como plataforma para produção de jogos destinados ao navegador web. O Flash é um software de animação que foi transformado em uma plataforma de desenvolvimento, e por isso a produção de animações 2D nele é muito fácil.

Mas, o que fazer quando o projeto não for desenvolvido em Flash? Nesse tipo de situação existem outras soluções disponíveis no mercado, e muitas empresas acabam desenvolvendo seus próprios softwares para gerar animações do tipo. No ano passado um projeto nascido no Kickstarter, chamado de Spriter, tinha como objetivo oferecer uma ferramenta de animação 2D para jogos moderna para produção que fosse ao mesmo tempo fácil de usar e pudesse ser integrada em qualquer projeto e plataforma de desenvolvimento.

O projeto conseguiu os recursos necessários e assim nasceu o Spriter! O software é gratuito e pode ser usado por qualquer animador interessado em produzir material 2D para jogos, usando tecnologia otimizada para reduzir o consumo de recursos com uma mistura de animação por interpolação e keyframes.

A vantagem de usar o Spriter para gerar animações é que a saída do arquivo será no formato XML, que nada mais é do que um pequeno texto descritivo dos movimentos da animação. As imagens usadas na animação são únicas reduzindo o tamanho do arquivo ao mínimo necessário.

O vídeo a seguir mostra um pouco do Spriter em ação:

Se você pretende começar a criar seus próprios jogos 2D seja no Flash ou então em outras plataformas como o Unity, recomendo muito o uso do Spriter, pelo menos para comparar o funcionamento da ferramenta em animação 2D para jogos.

Já falei que é gratuito?