The present: Curta-metragem de animação produzido com Maya

Uma das coisas que sempre recomendo para os meus alunos quando o assunto envolve a produção de animações, é que o foco na história deve ser o ponto principal do projeto. É pela história que você vai conseguir capturar a atenção do público e receber os créditos devidos pelo projeto. Quando o foco do projeto passa a ser a parte técnica da animação, o público pode até mesmo ficar interessado em um primeiro momento, mas com o tempo a sua animação será esquecida. Quer um exemplo de animação que está fazendo muito sucesso em festivais, e que tem o foco na história?

O projeto conhecido como “The Present” é produto de um trabalho de conclusão de curso da escola de animação em Ludwigsburg, Alemanha. O autor se chama Jacob Frey e a inspiração para a animação foi o trabalho do Brasileiro Fabio Coala. Como resultado você pode conferir a animação (com legendas em português):

No primeiro momento da animação você não tem a empatia inicial com o personagem principal e o seu pequeno presente, e em determinados momentos pode até mesmo ficar com raiva do adoslescente. Mas, o decorrer da história e os segundos finais são reveladores para transformar o que era um sentimento de “raiva” em um leve sorriso.

É esse tipo de exemplo que você deve seguir ao tentar escrever o seu projeto de animação! Repare que não existe nenhum ponto técnico que seja revolucionário ou impactante na narrativa. Todo o processo acaba girando nas interações entre o garoto e o seu presente.

A animação está recebendo inúmeros prêmios e citações em festivais de cinema, e não por causa da maneira como foi criada ou dos aspectos técnicos. Mas, basicamente a narrativa e a maneira com que a história foi contada. Mesmo sendo um curta-metragem a animação consegue despertar mais emoções que muitos filmes de longa metragem com orçamentos bem generosos.

Qual software foi usado na produção? O artista usou o Maya.

Aprendendo a criar animações 3d

Quer começar a criar suas próprias animações 3d? No EAD – Allan Brito você encontra uma série de cursos que ajudam você a começar seu projeto de animação:

Palmipedarium: Curta-metragem produzido com Blender

As animações criadas com as diversas suítes 3d disponíveis no mercado são uma excelente forma de conferir a capacidade de produção das ferramentas disponíveis nesse software em particular. Entre as diversas dúvidas e questionamentos que recebo sobre o Blender, está a sua capacidade de produzir animações sérias ou mesmo de nível médio. Os projetos desenvolvidos pelo Instituto Blender são uma excelente demonstração da capacidade do software, mas é com a produção dos usuários e também pequenos estúdios que o software é realmente testado. É por isso que sempre gosto de divulgar projetos desenvolvidos inteiramente com o Blender para ajudar a sanar essas dúvidas sobre a capacidade de produção do software.

Entre esses projetos desenvolvidos totalmente com o Blender, podemos adicionar agora a animação Palmipedarium que foi produzido pelo artista Jeremy Clapin. A animação é de curta-metragem e utiliza visual estilizado para narrar a sua história. Apesar de parecer simples do ponto de vista visual, a sua estética se encaixa muito bem com a narrativa.

Essa é a animação, que foi produzida pelo artista francês, mas teve diversas outras pessoas em papeis relacionados com modelagem, iluminação e rigging.

Esse tipo de projeto é provavelmente fruto de vários meses de trabalho investido, e não seria possível de ser finalizado sem apoio financeiro e também a dedicação da equipe. A duração da animação é muito parecida com os projetos realizados pelo instituto Blender, e para fins de comparação uma equipe de aproximadamente 10 pessoas trabalhando por 6 meses tem custo estimado de 150 mil Euros, segundo dados do projeto Big Buck Bunny.

Quer fazer uma animação como essa no Blender? Recomendo planejar muito bem o seu projeto e procurar patrocínio para a empreitada, que pode vir por meio de empresas privadas e também editais públicos, que bancam grande parte da produção audiovisual no Brasil. Além da parte financeira, é preciso organizar a parte de pré-produção da animação que envolve o roteiro e storyboards, para inclusive ajudar na captação de fundos! Assim as pessoas conseguem entender melhor o seu projeto, antes da execução.

Outro ponto que deve ser considerado é o aprendizado do Blender! O EAD – Allan Brito pode ajudar você nesse sentido com vários cursos online sobre Blender em diversas categorias, inclusive com cursos próprios sobre animação.

Curta de animação 3D: Rocco

A animação de personagens pode ser um processo longo e demorado para artistas que não tem acesso as ferramentas e técnicas certas para o seu projeto. É fundamental ter conhecimentos sobre o software escolhido para executar a animação, mas o domínio sobre todo o processo de criação também é importante. Na semana passada assisti a uma animação muito interessante chamada de Rocco, que foi totalmente produzida por um animador chamado Juaner Franzius enquanto o mesmo estava estudando na Vancouver Film School. Esse tipo de animação mostra que mesmo estudantes podem colocar em prática os seus conhecimentos, para gerar projetos interessantes de animação.

A história do curta animado é bem simples e mostra o que o personagem Rocco faria caso ficasse preso dentro de um elevador.

No projeto podemos perceber que algumas decisões fundamentais foram tomadas pelo artista para conseguir viabilizar o projeto e facilitar a sua execução. O primeiro ponto a destacar é que não existem diálogos na animação, o que exclui a necessidade de animação facial. O segundo ponto é que o sistema de Rigging do personagem foi totalmente construído com base no script Rapid Rig: Advanced para o Maya. O uso desse sistema facilita bastante a criação de personagens virtuais no Maya, pois todo o rigging é criado de maneira automática, acelerando a “finalização do personagem” para animação.

Os cenários usados na animação são simples e consistem no máximo em três cenas distintas ao longo da animação.

Mas, o mais importante aspecto que não está claro nos créditos ou aspectos técnicos da animação é que provavelmente, e reforço o provavelmente, o artista deve ter planejado muito bem a execução da animação. Um roteiro curto ajuda na execução da animação e planejamento do processo. Apesar da animação ter apenas alguns poucos segundos de duração, é importante planejar para não perder tempo e trabalho. É muito fácil que projetos assim, envolvendo equipes reduzidas, possam levar várias semanas de trabalho quando não existe nenhum tipo de planejamento.

Você gostou da animação? Caso tenha gostado da animação que queira começar os seus próprios projetos relacionados com o tema, recomendo iniciar o planejamento escrevendo um pequeno roteiro. Com base no roteiro, o seu projeto vai se desenvolver de maneira muito mais fácil e eficiente.

Animação 3D com Blender: Aula 09 disponível

A animação 3d envolve grande quantidade de esforço por parte dos artistas envolvidos na produção e também do maquinário responsável pela renderização de todos os frames gerados pelos artistas nos respectivos softwares 3d. Existem algumas técnicas que se aplicadas de maneira correta dentro de softwares como o Blender, podem ajudar de maneira significativa na construção e aproveitamento dos movimentos realizados por objetos e personagens. A chamada animação não-linear é uma técnica poderosa para acelerar a produção de animações e permitir aos artistas 3d o aproveitamento de pequenos blocos de animação diversas vezes dentro de um projeto.

No curso sobre animação 3d com Blender do EAD – Allan Brito você aprende na recém lançada aula 09 a trabalhar com esse tipo de técnica, envolvendo a aplicação da janela NLA Editor e Action Editor, para criar pequenos blocos de animação que podem ser aproveitados múltiplas vezes dentro de um projeto.

Curso de animação 3D com Blender - Aula 09

A aula 09 é mais uma atualização do curso de animação 3D que está sendo reformulado ainda na versão antiga do EAD – Allan Brito, e que nas próximas semanas receberá as suas duas últimas aulas que são respectivamente as aulas 10 e 11.

Nos vídeos das aulas os participantes do curso aprendem a usar o NLA Editor do Blender para criar pequenos blocos que podem ser usados em partes diferentes de uma animação, e a ajustar esses blocos com as propriedades do NLA Editor.

Para demonstrar a versatilidade desse recurso é apresentada a animação de uma decolagem e pouso de um helicóptero totalmente controlada usando o NLA Editor, em que com a criação de 150 frames de animação, podemos replicar o processo e gerar aproximadamente 700 frames com base apenas na utilização desses mesmos blocos várias vezes.

E no encerramento da aula, ainda é apresentado um método para copiar as Actions geradas no NLA Editor usando o Action Editor para outros objetos dentro da cena, facilitando assim a reprodução da animação gerada em um objeto para outros como é o caso das rodas de um carro.

Inscrição no curso sobre animação 3d com Blender

Ficou interessado? Para saber como realizar a sua inscrição, visite a página do curso sobre animação 3d com Blender. O próximo curso a receber atualização no site é o de composição e efeitos com Blender.

Novo curso de animação 3D com Blender

Os cursos do EAD – Allan Brito estão sempre sendo atualizados com novas aulas e alguns deles recebem reformulações completas devido a idade modificações na interface ou ferramentas do Blender. Isso já aconteceu com os cursos de Blender Cycles e com o de modelagem poligonal, e chegou a vez do único curso do site que ainda estava formatado para a versão 2.5 que é o de animação 3D. Ontem a tarde liberei para inscrições no novo curso de animação 3d para todos os interessados.

Mas, e quem já estava cursando? Seguindo a minha política de atualizações gratuitas para os participantes dos cursos, todos que já estavam inscritos nos cursos receberam de maneira totalmente gratuita a inscrição no novo curso! Precisa fazer alguma coisa? Não, a passagem dos usuários é feita de maneira automática. Existe apenas um pequeno detalhe para as pessoas que não entraram no curso durante um período igual ou superior a 6 meses, que a alteração do status do usuário para inativo no curso, o que acaba fazendo com que a pessoa não passe para o novo curso de maneira automática. Mas, essas pessoas podem ficar tranquilas que estou fazendo a liberação para esses usuários manualmente mesmo, e ninguém deixará de ter acesso ao material.

O curso é uma simples adaptação? Não! Sempre que faço essas atualizações nos cursos, acabo adicionando novos conteúdos as aulas e até mesmo fazendo o curso crescer um pouco mais, como é o caso desse curso de animação 3d. Por exemplo, existe uma aula dedicada agora apenas a criar animações sincronizadas com músicas ou sons. Quer ver um exemplo? O vídeo a seguir é o resultado do exercício realizado nessa aula:

Além desse novo conteúdo os participantes também encontram material novo sobre a janela NLA Editor e também a renderização de cenas usando Motion Blur para animação, usando o Cycles e o render interno. Alguma coisa foi removida do curso? Não, o material com as novidades foi adicionado, e outros conteúdos foram incorporados as aulas para organizar melhor os assuntos.

Quer saber mais sobre o curso? Visite a página de detalhes do curso sobre animação 3D com Blender, e veja a lista de aulas. E ainda essa semana tem mais uma aula do curso sobre composição e efeitos.

Quais outros cursos estão disponíveis?

Caso você tenha ficado interessado no curso de animação 3d com Blender, é importante lembrar que no site ofereço descontos para inscrições em múltiplos cursos ao mesmo tempo. A lista com os descontos está disponível nesse endereço, e você pode fazer a inscrição em qualquer um desses cursos: