Pilaf do Dragon Ball modelado no Blender

A prática nos softwares 3d consiste na melhor forma para fixar o aprendizado, e sempre repito para os meus alunos que apenas adquirir conhecimento sobre a função de ferramentas não será de grande utilidade se não colocada em prática. Mas, ai aparece a dúvida sobre qual projeto criar para realizar essa prática?

Entre as abordagens mais recomendadas é a de escolher um personage, cenário ou situação que seja familiar para você. Assim será muito mais fácil encontrar inspiração e motivação para terminar a sua prática.

Um artista compartilhou nos fóruns BlenderArtists um excelente projeto de modelagem com um personagem clássico do universo Dragon Ball. Você lembra do Pilaf? O projeto foi todo realizado pelo artista chamado Seaway e compartilhado em detalhes nos fóruns. Você encontra imagens renderizadas e algumas estruturas em wireframe.

Mas, o interessante do projeto é que o artista compartilha também algumas das técnicas de modelagem usadas para criar detalhes no modelo 3d. Por exemplo, o colar usado pelo personagem ganhou um pequeno tutorial apresentando a técnica. É muito mais simples do que parece, e artistas iniciantes no Blender podem reproduzir o processo sem grandes problemas.

É o tipo de projeto que ao mesmo tempo ajuda a conhecer o potencial do software, e também trás inspiração para quem está iniciando.

Se você está em dúvida sobre qual tipo de projeto realizar para colocar em prática o que foi aprendido, o recomendado é escolher um personagem como esse e tentar reproduzir o mesmo em 3D. Pode ser em qualquer software, desde que você escolha um tema e realize todo o processo do começo até o final.

Isso vai preparar você para situações em que as habilidades de criação são necessárias para projetos comerciais.

O importante mesmo é colocar em prática o que você aprendeu!

Aprendendo modelagem 3d

Quer começar a fazer modelagem 3d no Blender e em outros softwares? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos e treinamentos que podem ajudar a desenvolver essas habilidades:

Melody: Personagem virtual criada no Blender

A escultura digital é uma área que poucas pessoas conhecem do Blender, e associam com mais frequência com softwares como ZBrush ou Mudbox. Mas, existe um modo de trabalho específico relacionado com escultura digital no Blender para produzir objetos 3d realistas com grande riqueza de detalhes.

Quer ver um exemplo do que é possível fazer com esse modo de trabalho nas mãos de artistas talentosos? Um projeto chamado Melody que foi compartilhado por um artista chamado Yuditya Afandi passa uma excelente ideia da capacidade da escultura associada ao Blender Cycles.

O próprio artista descreve o desenvolvimento do projeto como sendo uma exploração das capacidades do Blender. Ele queria testar o que era possível realizar usando os recursos disponíveis no módulo de escultura, e usar apenas o Blender no processo. Como resultado temos essa belíssima imagem!

Aqui está um vídeo com mais imagens relacionadas com o desenvolvimento do modelo 3D:

Essa é uma das áreas que demanda mais dos artistas digitais em relação a produção 3D, pois mistura conhecimentos técnicos com concepção artística. Diversos dos artistas que conheço e alunos que trabalham bem com escultura, precisaram de muita prática para aperfeiçoar suas habilidades.

Os exercícios como os realizados pelo artista desse projeto são ponto fundamentais para desenvolver essa técnica. Até pela prática do processo completo de escultura. Pois não é só a escultura que gera esse tipo de modelo 3D.

Depois de fazer a escultura digitai você terá um arquivo com malha digital extremamente densa e “desorganizada”. Será necessário fazer um processo chamado retopologia para construir uma malha mais limpa.

A retopologia é a técnica de reconstrução de malhas tridimensionais que permite “decalcar” as formas geradas na escultura. Assim o artista consegue desenhar a topologia ideal para depois gerar mapas UV e aplicar texturas.

Quer conferir mais imagens desse projeto, inclusive a estrutura da malha 3D? Visite o endereço compartilhado no BlenderArtists.

Aprendendo escultura digital

Quer aprender a fazer escultura digital e renderização no Blender? Os seguintes cursos do EAD – Allan Brito podem ajudar você:

Design de personagens com Blender e ZBrush

O design de personagens pode ser um grande desafio quando você não faz idéia do local ou contexto em que o personagem será usado, mas esse não foi o caso do artista chamado pieriko, que publicou nos fóruns Blenderartists uma incrível representação de um personagem formado por lava derretida e pedra. Com o título de Ember Titan, o personagem é uma representação impressionante da capacidade do Blender em apresentar conceitos criados com ferramentas de escultura digital, e depois trabalhados com retopologia e materiais no Blender Cycles para gerar uma imagem impressionante que ilustra esse artigo.

Design-personagens.jpg

O mais interessante desse projeto para as pessoas que pretendem aprender a trabalhar com modelagem de personagens, é que o artista adicionou no fórum várias imagens mostrando todo o processo de criação envolvido no projeto. Então ele demonstra em detalhes a criação da escultura do objeto e depois vai passando pela retopologia, feita com o Addon RetopoFlow, até apresentar o rigging do personagem que era necessário para ajustar a pose do mesmo! Sem o uso de um sistema de rigging seria difícil, ou quase impossível, controlar a pose do personagem mantendo diversas das suas características.

Se você tem curiosidade por design de personagens ou apenas gosta de acompanhar o processo criativo desses artistas, recomendo muito a visita ao fórum para conhecer esse projeto. Isso vale para as pessoas que não são usuários do Blender, pois sempre é possível aprender um pouco observando a criação desse tipo de mídia com outros artistas 3d.

Uma das dúvidas que muitos artistas estavam perguntando ao autor, envolvia a criação do shader de lava no Cycles. Ele publicou um vídeo explicando como gerar o material e não preciso mencionar que você deve assisir ao vídeo!

Só uma última observação, a escultura do personagem foi criada no ZBrush e não no Blender. Apenas a retopologia do objeto foi feita no Blender.

Aprendendo sobre modelagem e render no Blender

Quer aprender a usar o Blender e as técnicas apresentadas nesse projeto? No EAD – Allan Brito você encontra diversos cursos que ensinam você a usar essas ferramentas! Essa é lista recomendada de cursos para você conferir:

Download personagem 3d gratuita

A modelagem de personagens 3d é algo que envolve grande parcela de conhecimento em anatomia, e principalmente habilidade do artista envolvido com a manipulação das ferramentas do software 3d usado e também do conceito do personagem. É por isso que sempre recomendo para os meus alunos, seja nos cursos presenciais que ministro ou então nos cursos online, que procurem analizar modelos 3d prontos para conhecer as soluções adotadas por outros artistas. Essa semana encontrei nos fóruns Blenderartists um modelo 3d de personagem feminina gratuito para download, e que pode servir como base de estudos para várias situações.

A personagem tem como objetivo representar uma mulher com aspectos futuristas, e um traje espacial com materiais muito interessantes! O arquivo já seria útil como base de estudos apenas pela parte estética que ficou muito boa, mas as configurações dos materiais no Cycles são destaque também no arquivo.

A seguir uma imagem da personagem renderizada e outra com o modelo 3d aberto no Blender.

Download personagem 3d gratuita

Download personagem 3d gratuita wire

Você vai aprender a modelar personagens depois de fazer o download do arquivo? A resposta é não, mas essa será mais uma referência que pode ser usada com fins de aprendizado.

O aprendizado nesse caso está relacionado com as soluções encontradas pelo autor para organizar a topologia desse modelo 3d, e principalmente, como já comentei anteriormente, os materiais no Cycles. A iluminação do modelo 3d também é interessante para fins de apresentação, mas não é o principal.

Para fazer o download do material será necessário acessar o link que leva até o Google Drive do autor, e o arquivo compartilhado possui apenas algumas pequenas diferenças em relação ao que vemos na imagem de exemplo. Um dos itens removidos foram as partículas representando os cabelos da personagem para facilitar o processo de compartilhamento, mas ainda assim o modelo apresenta muito potencial.

O mais interessante de tudo é que o modelo 3d pode servir tanto para usuários do Blender como para outros softwares, pois é perfeitamente possível exportar a cena para formatos como o OBJ, fazendo o modelo 3d compatível com uma enorme gama de softwares e ferramentas 3d.

Tutoriais e vídeos sobre captura de movimento para animação 3D

O uso de sistemas de captura de movimento para projetos de animação 3d é algo relativamente comum nos dias de hoje, pois a tecnologia é bem conhecida e existem diversos artistas e técnicos com conhecimentos na área que podem ajudar na produção. Mas, existe uma grande diferença da captura de movimento, chamada também de Mocap, realizada com limitações orçamentarias e outras que dispõe de estúdios e vasto material de referência para ajudar na contextualização dos cenários e ajudar os atores.

Caso você tenha interesse em captura de movimento para animação, encontrei uma playlist no Youtube que pode ser muito útil para as pessoas estudando o assunto. O material consiste em diversos vídeos das mais variadas produções para o cinema e jogos, mostrando como foi realizado o processo de captura de movimento em cada um dos projetos. As tecnologias usadas acabam variando um pouco, mas é possível perceber e entender bem o procedimento. Alguns dos vídeos contam também com entrevistas da equipe técnica e uma breve comparação entre o que foi capturado em estúdio, e o resultado final quando os dados são aplicados nos personagens 3d.

O vídeo abaixo é apenas um exemplo de making of sobre captura de movimento que está disponível na playlist.

Qual o total de vídeos na playlist? É uma boa quantidade de vídeos, mas se formos colocar o tempo total dos vídeos somados, passa de três horas de making of! Isso sim é referência sobre captura de movimento para animação.

Para quem quiser começar a trabalhar com esse tipo de recurso em ambientes de animação, recomendo procurar por arquivos no formato BVH, que foi desenvolvido pela Biovision. A vantagem desse formato é que os dados são formatados de maneira a conter sempre um esqueleto já em hierarquia e próprio para aplicação em personagens bípedes! O próprio Blender já possui um Add-on chamado de Mocap Tools que está preparado para trabalhar com esse tipo de arquivo. Outros softwares como o Motion Builder da Autodesk podem manipular arquivos no formato BVH e muitos outros, como é o caso do C3D. Tudo vai depender do seu ambiente de trabalho.