Tutorial Blender 3D: Configurando um personagem para animação com controladores

O Blender 3D a cada nova versão recebe novas e poderosas ferramentas para trabalhar com animação de personagens. Se você ainda não se aventurou na configuração mais avançada de personagens, usando recursos como cinemática inversa, camadas de bones e controladores de animação, o tutorial que indico nesse artigo pode ajudar muito na apresentação dessas ferramentas. Para as pessoas que não se atualizaram, sobre as principais ferramentas de animação do Blender 3D e aquelas que têm curiosidade em saber como é feita a animação no Blender, o tutorial lançado nos último dias pelo animador chamado Max Hammond, é ao mesmo tempo uma breve introdução ao controle de deformações com Bones, como uma amostra do que é possível fazer em termos de configuração intermediária de personagens.

O tutorial é o complemento perfeito para as pessoas que gostariam de pegar os modelos de personagens, criados com base em tutoriais ou projetos particulares, e adicionar controles avançados de deformação. Nesse sentido, o tutorial é até mesmo mais eficiente que muitos DVD`s de treinamento sobre o Blender. O problema desses tutoriais é que eles ensinam animação de personagens apenas, usando modelos 3d prontos como o Mancandy. Isso não é de todo mau, mas deixa as pessoas que precisam aplicar os conhecimentos nos seus próprios personagens com muitas dúvidas.

Bem, mas vamos agora ao tutorial disponível em vídeo, com tempo total de aproximadamente 24 minutos. O material está disponível em alta definição, e também pode ser copiado no web site do Vimeo.

Qual o objetivo do tutorial? No vídeo, o artista precisa criar controles para deformar o tórax de um personagem virtual. Para isso, ele vai trabalhar com controles e bones preparados para usar em alguns momentos cinemática direta e também inversa, controlados usando estruturas organizadas em camadas.

Antes que você comece a seguir o tutorial, recomendo que assista ao material mais de uma vez e prestando muita atenção, pois a quantidade de informação que o autor apresenta no tutorial é considerável. A pior parte é compreender a estrutura final dos bones, espalhados por várias camadas. O conceito usado no tutorial é relativamente simples:

  • Os bones devem ser classificados e separados em camadas, correspondendo as suas respectivas funções
  • Bones que controlam a deformação usando cinemática direta ficam na sua própria camada, assim como os outros
  • Para deformações mais específicas, o artista cria bones especiais chamados de controladores, que também ficam em camadas específicas

A princípio pode parecer confuso, mas depois que você aplicar o procedimento nos seus personagens, o trabalho de animação ficará infinitamente mais simples. Para melhorar ainda mais o referencial do autor, ele tirou boa parte dos conhecimentos e conceitos do tutorial, diretamente do DVD do Big Buck Bunny em que o Nathan explica procedimentos muito semelhantes. O próprio Max Hammond cita o material do Big Buck Bunny como referencia para a sua técnica.

No final do tutorial é que entendemos a razão de um procedimento tão complicado, quando são adicionadas formas para controlar a posição dos diversos bones. O autor mostra como é possível substituir a visualização dos bones por formas geométricas, e permitir que o animador possa trabalhar com diversos controles nos personagens, sem a preocupação de tentar identificar em que tipo de bone ou movimento a deformação está acontecendo. A técnica também já foi apresentada no DVD do Big Buck Bunny, e se você não assistiu ainda ao tutorial do DVD, essa pode ser a oportunidade de aprender.

Com esse tutorial é possível ter uma excelente idéia de como o Blender 3D oferece recursos e material avançado para animação. Antes de tentar reproduzir a técnica, devo avisar que nem todos os atalhos de teclado e comandos são explicados pelo autor, portanto é necessário já possuir um conhecimento básico do Blender para seguir de maneira satisfatória o tutorial.

Tutoriais de modelagem 3d por subdivisão com Silo 3D

O Silo 3D é uma excelente ferramenta de modelagem 3d por subdivisão, que conta com alguns usuários fiéis e ótimas ferramentas para elaborar modelos complexos, usando basicamente subdivisão. O web site do Silo 3D é recheado com alguns tutoriais muito interessantes sobre modelagem 3d, para promover o seu uso entre artistas. A lista de tutoriais estava um pouco defasada, mas nas últimas semanas alguns novos vídeos foram adicionados e podem ser de grande utilidade para quem quiser conhecer a ferramenta, mas também estudar mais modelagem 3d.

Como a modelagem 3d por subdivisão é uma técnica presente na maioria dos softwares 3d, mesmo que você não seja usuário do Silo, pode aprender um pouco mais sobre a técnica e também tentar reproduzir no seu software 3d preferido. Os tutoriais estão disponíveis para consulta no próprio web site da Nevercenter (desenvolvedora do Silo), assim como é possível fazer o download do material no formato MOV.

modelagem3d-silo-subdivisao

O material do Guerrilla CG também pode ser encontrado no web site, mas o destaque mesmo fica para os tutoriais de modelagem. Entre os novos vídeos, dois deles merecem destaque pela qualidade do material elaborado assim como os detalhes abordados:

  • Tutorial de modelagem de um minotauro: Esse tutorial mostra em três partes o processo de criação de um personagem de fantasia, que é bem detalhado e explicado pelo autor.
  • Tutorial de modelagem para um carro antigo: Apesar de ser sobre modelagem de personagens, o tutorial anterior não se compara em nível de detalhamento e complexidade a esse, que aborda a modelagem 3d de um veículo com muitos detalhes, e topologia complexa. O modelo 3d seria melhor trabalhado, em termos de facilidade usando NURBS, mas o desafio de criar o objeto com subdivisão é muito interessante.

Se você está interessado em modelagem 3d, ou gostaria de aprender um pouco mais sobre o Silo, os tutoriais são mais que recomendados.

Um ponto interessante sobre o Silo, é que você pode fazer o download de uma versão Trial do software, que mesmo depois de terminado o prazo para a avaliação, não deixa de funcionar. O software assume a função de um conversor de arquivos, e permite funcionalidade total para modelos com menos de 50 polígonos. Eu sei que é pouco, mas é melhor que nada.

Modelagem de uma cabeça humana com o Modo

Agora mais uma seqüência de tutoriais com um tema um pouco mais complexo. O primeiro artigo de hoje falou sobre a modelagem de um machado usando o Maya. O tema é interessante, mas com nível de dificuldade entre básico e intermediário. Agora vamos elevar um pouco mais o nível, com um excelente tutorial de modelagem de uma face, usando o Modo da Luxology. Para quem não conhece o Modo é uma ferramenta 3d fantástica, que aos poucos está se transformando em uma suíte de animação e modelagem. Talvez você não conheça a história por trás do surgimento do Modo.

Tudo começou com um grupo de funcionários da Newtek, desenvolvedores do LightWave que gostariam de propor mudanças radicais de paradigmas e funcionamento para o LightWave, mas essas mudanças foram rejeitadas pela Newtek. O que eles fizeram? Pediram demissão e fundaram a Luxology. Bem, assim conta a lenda do surgimento do Modo.

Com o tempo acredito que ele deve se tornar uma ótima opção para quem procura um software proprietário, como alternativa à hegemonia da Autodesk nessa área. O software custa menos de 1000 dólares e tem versões de teste por 30 dias, disponíveis no web site da luxology. Sem mencionar os vários “pacotes” com tutoriais gratuitos para download.

Vamos ao tutorial! No total são 6 vídeos, reunidos mais uma vez em uma playlist do Youtube para facilitar a navegação entre os tutoriais:

O tempo total do tutorial é de aproximadamente uma hora, em que o autor usa e abusa de edge modeling para criar um rosto humanóide, com base em uma fotografia. A foto é de uma mulher, usada como referência pare gerar o modelo 3d. Esse tutorial é muito interessante por dois aspectos:

  1. Aborda a criação de um modelo 3d complexo com o uso de uma técnica simples, basicamente a extrusão de arestas de um modelo 3d simples. Depois que as arestas estão criadas, o autor aplica transformações simples para posicionar os vértices e suavizar o modelo 3d.
  2. A parte final do tutorial é dedicada à modelagem da orelha da personagem, que em minha opinião está bem completa! Sempre é interessante encontrar tutoriais que abordem a modelagem de topologias complexas, como é o caso das orelhas.

Como de costume, apesar do tutorial ser todo desenvolvido no Modo, qualquer software 3d com opções de extrude e manipulação de vértices, pode tranquilamente reproduzir o mesmo modelo.