Tutorial de radiosidade com Blender 3D para animação interativa

Existem várias maneiras de iluminar uma cena no Blender, sendo que uma das menos usadas é a Radiosidade. Poucos artistas usam a Radiosidade, pelo simples fato da sua aplicação no Blender ser mais direcionada para as animações interativas. Quem precisa criar alguma cena na Game Engine do Blender, pode conseguir ótimos resultados na iluminação com o uso de Radiosidade. Sempre faço um pequeno comentário sobre Radiosidade em minhas aulas sobre Blender, quando estou falando sobre as opções dos materiais e abordo o Emit. Alguém sempre pergunta o motivo do Emit não estar gerando iluminação na sua cena, isso porque ele só gera energia luminosa para a radiosidade.

Quem quiser aprender mais sobre Radiosidade, descobri um tutorial já meio antigo sobre o assunto, mas com aplicação direta na produção de jogos. Na Wiki do jogo de código aberto Vega Strike, existe um artigo que explica como gerar iluminação com a Radiosidade do Blender, inclusive com dicas sobre como melhorar o efeito de luz nos modelos usados para o jogo.

O tutorial já é um pouco velho, ele é todo direcionado para o Blender 2.37, mas como o sistema de Radiosidade pouco mudou nesse meio tempo, ele ainda pode ser bem aproveitado.

No artigo são explicadas as alternativas para atingir os efeitos de sombra nos modelos, que podem ser conseguidos com pintura manual ou então com as técnicas de Radiosidade. Claro que o autor do tutorial recomenda a Radiosidade.

Para completar o tutorial é necessário passar por quatro fases bem distintas no artigo:

  1. Configuração do modelo 3d e da cena
  2. Cálculo da Radiosidade e configuração da mesma no Blender
  3. Ajustes no resultado final da Radiosidade
  4. Com o auxílio de um Script o autor grava a informação da Radiosidade como textura, o processo chamado de baking

Um ponto extremamente interessante do tutorial, ele mostra no final um exemplo de como fazer um efeito de Glow para os propulsores da nave. Um prato cheio para quem pretende trabalhar com jogos.

No final ele ainda faz uma pequena lista, muito interessante falando sobre os possíveis problemas que você pode enfrentar ao longo do tutorial e as respectivas soluções. Como forma de solucionar problemas no processo de iluminação é um formato muito interessante.

Fica a dica para quem quiser trabalhar com desenvolvimento de jogos no Blender 3D.

100 tutoriais gratuitos de Photoshop: Ilustração, pintura e fotografia

Nunca é demais saber usar o Photoshop ou o Gimp, até porque quando alguma coisa acontece nas nossas imagens renderizadas, que demandem algum tipo de correção é nessas ferramentas que devemos depositar as esperanças e esforços, para escapar de um novo render. Por isso, estou sempre procurando ficar atualizado com as técnicas e ferramentas usadas em ambas as ferramentas, que na prática tem diferenças de interface, mas funcionam de maneira muito semelhante. Pois bem, o CG Total compilou uma página com 100 tutoriais sobre o Photoshop, com uma pequena imagem representando cada imagem gerada com o tutorial.

100 tutoriais gratuitos de Photoshop: Ilustração, pintura e fotografia

Não preciso dizer que essa é uma fonte fantástica de informação sobre o Photoshop, principalmente se o seu interesse é em ilustração digital, que é a atividade mais abordada nos tutoriais.

Você pode estar se perguntando; eu não quero me especializar em pintura, meu negócio é 3d! Posso aproveitar os tutoriais?

Claro! Analisando com calma a lista de tutoriais disponíveis, podemos perceber que alguns deles têm aplicação imediata na criação de texturas. Por exemplo, veja a lista com alguns dos tutoriais (Títulos traduzidos), com um breve comentário sobre a aplicação do mesmo:

  • Criando piso de madeira com o Photoshop: Esse tutorial é fácil de encontrar, a imagem que representa o mesmo é a de um piso de madeira, semelhante ao mapa usado em texturas. Acho que não preciso explicar como essa técnica pode ser útil. Qualquer artista que precise produzir imagens desse tipo pode abandonar em alguns casos o uso de fotografias e fazer o seu próprio piso!
  • Criando uma imagem HDRI do princípio: Aqui temos os procedimentos necessários para gerar imagens HDRI, para iluminação em ambientes 3D. Essas são aquelas imagens esféricas perfeitas para iluminar e gerar reflexões reais em cenários virtuais.
  • Criando cabelo e pelo digital: Se você trabalha com personagens, precisa eventualmente elaborar mapeamento UV e pintar as texturas do personagem. Quando ele tem cabelo, barba ou pelos, você pode usar esse tutorial para pintar esse tipo de superfície diretamente no mapeamento.
  • Pós-produção para imagens 3D: Essa é auto-explicativa! Aprenda várias dicas para melhorar imagens renderizadas.

Bem, esses são apenas alguns dos tutoriais disponíveis, existem ainda mais 97! Os assuntos abordados são dos mais variados como criação de metal envelhecido, simulação de iluminação, texturas sujas e muito mais.

Todos os artigos são hospedados no CG Total! Para acessar a lista completa, visite esse link no 3D Total.

Digital Art Masters Volume 2: Capítulo gratuito para download

O pessoal da 3DTotal, lançou mais um volume da série Digital Art Masters, em uma iniciativa muito parecida, para não dizer idêntica ao que faz a Ballistic Publishing, com os seus livros sobre arte digital. Devo confesar que ainda não tenho nenhum título da Ballistic, mas pretendo em breve começar a comprar os livros. Já tive oportunidade de folhear alguns deles em congressos de computação gráfica e a qualidade do material é impressionante. Bem, o livro da 3DTotal é semelhante, no sentido de apresentar o trabalho de artistas 3d consagrados.

Digital Art Masters Volume 2

Para ajudar na divulgação desse novo volume, eles estão disponibilizando de maneira gratuita para download, um capítulo do livro. Apesar de apresentar apenas 4 páginas, o trabalho do artista Tae Young Choi, impressiona pela sua técnica. Ao analisar o modelo 3d que ele apresenta, podemos perceber que se trata de algo complexo e envolve uma boa quantidade de trabalho no 3d. Mas o texto do livro revela que a sua técnica engenhosa se baseia apenas em pintura!

O seu processo de produção é o seguinte:

  • Primeiro: Ele elabora um modelo 3d com um número reduzido de polígonos. Apenas o necessário é modelado, para formar a morfologia do objeto.
  • Segundo: Com o modelo 3d pronto, ele exporta o mapeamento UV do objeto.
  • Terceiro: Usando o photoshop ou o painter, ele monta todos os detalhes do modelo com nuances de sombra e texturas.

Isso mesmo, o segredo dele é o mapeamento UV.

Se você trabalha ou quer trabalhar com modelagem para jogos, esse artigo mostra um excelente exemplo de como é possível trabalhar com modelos em lowpoly e adicionar detalhes nas texturas.

Apesar de não entrar nas nuances do seu trabalho, o artigo tem apenas quatro páginas, mas está em alta resolução (13 MB), podemos perceber como os detalhes na textura, podem fazer a diferença em um modelo com poucos polígonos. Essa é uma solução excelente para quem não quer ter trabalho na modelagem 3d, inventando e elaborando detalhes para a geometria.

O inconveniente é que é necessário um mínimo de habilidade em pintura, para que a técnica possa ser utilizada com relativo sucesso. Para fazer o download do capítulo gratuito, visite esse endereço.