Apostila gratuita sobre modelagem 3d de móveis para visualização arquitetônica

A criação de objetos para compor projetos de visualização para arquitetura sempre é um grande desafio, mesmo para os profissionais e artistas que dispõe de grandes bibliotecas de modelos 3d prontos, muitas vezes a necessidade ou circunstâncias de um projeto demandam a modelagem de algo diferente. Alguns dos projetos dos quais já participei, precisavam apresentar objetos e mobiliário criados pelos próprios arquitetos ou escritórios, ou então encomendados de empresas que trabalham com móveis modulados. Isso é bem comum de acontecer em projetos residenciais. Quando é necessário adicionar móveis personalizados no projeto, o artista responsável pela criação da maquete eletrônica, precisa criar os modelos para adicionar no ambiente.

Nesse caso, é interessante fazer uma visita as lojas que comercializam esses móveis e tirar várias fotografias de referência para a modelagem 3d, ou mesmo solicitar arquivos DWG, DXF ou PDF com os desenhos técnicos dos móveis. O maior desafio na criação desse tipo de elemento em 3d é a adição de detalhes ou pequenas modificações que ajudem a criar móveis de alta qualidade e realistas.

Caso você queira fazer o download de uma apostila gratuita que aborda a edição e criação de modelos 3d de móveis realistas para arquitetura, visite o link indicado para copiar o PDF com aproximadamente 62 páginas.

apostila-gratuita-modelagem-3d-moveis-arquitetura-3dsmax.jpg

O tutorial está em inglês, mas na maior parte da apostila o autor do tutorial usa apenas poucas palavras e muitas imagens com telas do 3ds Max, mostrando como é possível criar modelos 3d de objetos simples, e adicionar detalhes e pequenas modificações que realçam o realismo. Na apostila é criada a cadeira usada para ilustrar esse artigo. Repare que na esquerda temos a foto usada como referência na modelagem, e logo a direita o resultado da modelagem.

Muito da qualidade obtida em termos de realismo se deve a qualidade das texturas aplicadas no modelo 3d. Mas, alguns pequenos detalhes ajudam muito. Por exemplo, ao adicionar um chanfro nas arestas do modelo 3d, podemos tirar o aspecto artificial dos modelos gerados no computador, pois no mundo real nada tem arestas bem definidas, sempre existe um pequeno chanfro, mesmo que pequeno.

O mais interessante é que as dicas podem ser aplicadas em praticamente qualquer software 3d, pois as ferramentas usadas pelo artista são comuns a ferramentas como o Maya, Blender 3D, Cinema 4D e outros.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *