Tutorial Photoshop CS5

O lançamento do pacote CS5 da Adobe está se aproximando, e para divulgar e promover as novidades em suas novas ferramentas começam a aparecer cada vez mais vídeos sobre o Photoshop CS5 e outras ferramentas. Hoje a tarde encontrei um vídeo que demonstra muito bem um dos recursos adicionados ao Photoshop CS5 e que deve fazer valer as atualizações. A Adobe deve ter trabalhado muito nos recursos dessa atualização do Photoshop, pois segundo boatos a crise de 2009 somada as vendas fracas do Photoshop CS4 fizeram a empresa apertar os cintos, inclusive com demissões e férias coletivas.

O recurso demonstrado nesse vídeo já foi comentado aqui no blog no passado como demonstração do Photoshop CS5, mas era apenas uma demonstração da tecnologia sendo executada fora do Photoshop. Agora, o vídeo é demonstrado por Bryan O'Neil Hughes que é gerente de produto da equipe responsável pelo Photoshop na Adobe. Que recurso é esse? Ele pode ser traduzido como “Preenchimento considerando conteúdo”. Esse nome não é muito bonito, mas demonstra bem a função da ferramenta. O que ela faz?

Antes de dizer o que o recurso faz, é melhor contextutalizar a sua utilidade. Se você já usou o Photoshop ou qualquer outra ferramenta de edição, deve saber o quanto é trabalhoso remover elementos de uma imagem e remontar as partes depois. Isso é feito com a ferramenta Stamp seguida de diversas cópias de conteúdo e edições, para conseguir formar imagens que não deixem evidente que houve edição. Uma coisa que deixa evidente esse tipo de edição são as bordas em cores ou tonalidades diferentes ao redor da área editada.

Esse novo recurso do Photoshop faz com que o software identifique a imagem e tenha consciência que ao apagar um elemento da imagem, a mesma deve ser preenchida com um padrão inteligente formado pelos pixels ao redor da área editada. O vídeo abaixo demonstra bem o efeito:

O autor do vídeo usa diversas vezes o Content-Aware Fill para excluir partes da imagem que precisariam de retoques, mas o algoritmo usado no Photoshop CS5 faz o reconhecimento dos pixels na imagem e preenche tudo de maneira automática. Ao excluir uma árvore da imagem, o próprio Photoshop seleciona e preenche os pixels no plano de fundo com partes do céu. O mais impressionante disso é que a imagem não fica marcada.

A última parte do vídeo mostra uma aplicação da ferramenta no preenchimento automático de imagens panorâmicas, fazendo o Photoshop preencher os cantos de uma imagem automaticamente. Quem já teve que fazer isso manualmente, como eu, sabe o quanto esse tipo de ferramenta economiza tempo.

Quando o Photoshop CS5 será lançado? Dia 12 de Abril.

Aqui vale lembrar uma citação de Arthur C. Clarke no seu livro 3001: A odisséia final. Ele disse: “Qualquer tecnologia suficientemente avançada é indistiguível da mágica“.

Para muita gente, isso é mágica!

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

7 comentários sobre “Tutorial Photoshop CS5”

  1. Mas o Gimp já tem o Resynthesize que faz isso mesmo (Menu Filters > Map > Resynthesize). Eu mesmo acabei de utilizá-lo no Mac…Mas uma vez o Photoshop copia um recurso e o Gimp fica com cara de software amador.

  2. @bebeto_maya Não querendo me intrometer mas, pelo que vi uma vez na internet, o Gimp é uma versão grátis do Photoshop, assim como outros programs têm sua versão grátis com outro nome. Por isso acho que o Photoshop não simplesmente “Copiou”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *