Palmipedarium: Curta-metragem produzido com Blender

As animações criadas com as diversas suítes 3d disponíveis no mercado são uma excelente forma de conferir a capacidade de produção das ferramentas disponíveis nesse software em particular. Entre as diversas dúvidas e questionamentos que recebo sobre o Blender, está a sua capacidade de produzir animações sérias ou mesmo de nível médio. Os projetos desenvolvidos pelo Instituto Blender são uma excelente demonstração da capacidade do software, mas é com a produção dos usuários e também pequenos estúdios que o software é realmente testado. É por isso que sempre gosto de divulgar projetos desenvolvidos inteiramente com o Blender para ajudar a sanar essas dúvidas sobre a capacidade de produção do software.

Entre esses projetos desenvolvidos totalmente com o Blender, podemos adicionar agora a animação Palmipedarium que foi produzido pelo artista Jeremy Clapin. A animação é de curta-metragem e utiliza visual estilizado para narrar a sua história. Apesar de parecer simples do ponto de vista visual, a sua estética se encaixa muito bem com a narrativa.

Essa é a animação, que foi produzida pelo artista francês, mas teve diversas outras pessoas em papeis relacionados com modelagem, iluminação e rigging.

Esse tipo de projeto é provavelmente fruto de vários meses de trabalho investido, e não seria possível de ser finalizado sem apoio financeiro e também a dedicação da equipe. A duração da animação é muito parecida com os projetos realizados pelo instituto Blender, e para fins de comparação uma equipe de aproximadamente 10 pessoas trabalhando por 6 meses tem custo estimado de 150 mil Euros, segundo dados do projeto Big Buck Bunny.

Quer fazer uma animação como essa no Blender? Recomendo planejar muito bem o seu projeto e procurar patrocínio para a empreitada, que pode vir por meio de empresas privadas e também editais públicos, que bancam grande parte da produção audiovisual no Brasil. Além da parte financeira, é preciso organizar a parte de pré-produção da animação que envolve o roteiro e storyboards, para inclusive ajudar na captação de fundos! Assim as pessoas conseguem entender melhor o seu projeto, antes da execução.

Outro ponto que deve ser considerado é o aprendizado do Blender! O EAD – Allan Brito pode ajudar você nesse sentido com vários cursos online sobre Blender em diversas categorias, inclusive com cursos próprios sobre animação.

Publicado por

Allan Brito

Arquiteto que trocou as construções baseadas em tijolos pelas que utilizam pixels! Sim, os pixels também precisam ser devidamente construídos, e quem melhor do que um arquiteto para planejar construções?

2 comentários sobre “Palmipedarium: Curta-metragem produzido com Blender”

  1. Sem palavras! Dê uma ferramenta poderosa na mão de um artista e é nisso q dá. Quem fala em animação 3D não imagina o nível de sensibilidade estética q ela pode alcançar. Está entre os meus curtas preferidos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *